Atualização da lista de Banidas e Restritas: 09/01/2017
09/01/2017 17:50 / 12,967 visualizações / 84 comentários

 

Foi anunciada hoje a nova lista de cartas banidas e restritas, as mudanças são:

Emrakul, o Fim PrometidoCoptero do Contrabandista e Mago Refletor estão banidos do Standard.

Sonda Gitaxiana e Trol de Tumulo Golgari estão banidos do Modern.

 

Sem mudanças em outros formatos.

 

-

A primeira novidade foi a banlist sair hoje, originalmente seria dia 16, após o Pré Release, mas  a Wizards justificou a mudança afirmando, que, principalmente para os jogadores do formato Standard, era melhor ter essa banlist mais cedo, para avaliarem melhor Revolta do Éter.

 

Os banimentos de Emrakul, o Fim Prometido, Coptero do Contrabandista e Mago Refletor focam em um formato mais diverso, Emrakul, o Fim Prometido terminava os jogos rápido demais para o Standard, Coptero do Contrabandista jogava em praticamente todos os jogos e Mago Refletor era uma das cartas mais odiadas do UW Flash, um dos decks mais fortes do ambiente.

 

No Modern, Sonda Gitaxiana aumentou o número de vitórias no turno 3, dando uma informação perfeita da mão do oponente. Trol de Tumulo Golgari é uma das cartas importantes do Dredge, um baralho que ganhou Amalgama Cobicado e Reuniao Catartica e tinha um impacto negativo no formato.

 

Outro mudança importante, teremos duas atualizações na banlist, ao invés de uma:

A atualização será na segunda-feira após o pré release e também na segunda-feira cinco semanas após o Pro Tour.   

 

Com essa mudança a empresa ter mais flexibilidade.

 

Os banimentos são válidos a partir do dia 20 de Janeiro IRL, e 11 de Janeiro no Magic Online.

Confira aqui o anúncio na integra.

 


Rudá Andrade dos Reis (VIP STAFF Ruda)
Aficionado por decks azuis agressivos, mas que não dispensa um bom Siege Rhino nas horas vagas, está no Magic desde 2003, em Flagelo. Em 2012 começou escrever sobre Magic e não parou mais, sendo que em 2015 se tornou Editor da Ligamagic.
Redes Sociais: Facebook, Twitter

ARTIGOS RELACIONADOS

O Rei do Cemitério

Um Guia do Living End Pós Amonkhet.


Decks da Semana #10 do CLM9: Jund

Modern: Jund , por Felipe Correia.


O Pro Tour Morto(Vivo?)

Análise do Pro Tour Amonkhet.


Real Rogues - BR Aggro

HU3HU3HU3 BRBRBR.


Decks da Semana #9 do CLM9: Temur Monsters

Standard: Temur Monsters , por Evandro Silva.

MTG Cards





Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.

ImperadorRogers (01/03/2017 17:18:57)

Alguém sabe dizer qnd será a próxima lista de banimentos
Existe uma data específica ou apenas qnd ocorrem decks estilo eldrazi olho de ugin ?

MrChrono (13/01/2017 10:32:26)

O banimento só vai valer a partir do dia 20 ou já está valendo?

Kodo (11/01/2017 12:53:53)

A pergunta oque um jogador que preferi adquirir booster para montar seu deck ou que está começando a jogar aquirir isso Coptero do Contrabandista via boster oque ela vai fazer?

1 Chorrar
2 Rasgar
3 Desistir desse jogo pois ta virando palhaçada, pois parece que o desenvolvedor dos cardas e o a pessoa que desenvolve as mecênicas nao se comunição na empresa que trabalham

greich (11/01/2017 12:23:29)

Mais gente pensou nessa idéia pelo jeito, vai olhar o preço dela agora.... de repente, saltou pra uns 65 mango

greich (11/01/2017 12:23:27)

Mais gente pensou nessa idéia pelo jeito, vai olhar o preço dela agora.... de repente, saltou pra uns 65 mango

Ricardo_R_JR (11/01/2017 10:58:02)

Trol de Tumulo Golgari era meio óbvio, dredge voltou a ser um deck injusto no formato.

Sobre a gitaxian probe, eu temia que esse dia iria chegar :(. É uma carta insubstituível e jogar com ela no Grix Delver era muito bom.

Bolsan (11/01/2017 10:16:40)

Boa ideia hein !
É instant , té dá a info que precisa , fora ser um hate grave bem eficaz , só não vai dar o draw , mas ai já ia querer muito.Testarei ela

ShiroCtba (11/01/2017 10:05:51)

Um cara usou ontem no modernão aqui um replace com surgical extraction (em cima de fetch). Dá informação (não só da mão, mas do deck todo), shuffla e ainda remove land do cara. HAUHAUHA!! (Achei boa a ideia)

Hollow (11/01/2017 09:43:01)

Infelizmente o Storm já era. A não ser que dêem unban em alguma Seething Song, Rite of Flames, ou até lancem alguma coisa. Isso porque acho extremamente improvável um unban em Preordain, Ponder, DTT e TC. De certa forma acho compreensível. O conceito do Storm é justamente o mais detestado pela Wizards. A não-interação. Me surpreende ver o Ad Nauseam jogando tranquilo por aí.

Bolsan (11/01/2017 09:34:29)

Probe >>>>>>>>>>>>>>>Peek
Não tem nem como comparar uma com a outra , probe é de graça manos , peek é instant mas tem custo , voce nunca vai querer gastar a mana fazendo ela.
Se for para esperar o passe e usar provavelmente voce não esta agredindo o oponente então ela não vai fazer lá muita diferença , fora que o infect fica com 2 lands na mesa + Inkmoth , se voce bateu e usou peek está desprotegido e vai tomar o removal no elfo. Não sei se temos substituto a altura do probe , talvez seja melhor splash pra Seize.
Agora RIP Storm , deck mais nerfado do formato ! Pela mor Quinto Ban do deck ,sem contar o barco e DTT.

r497 (11/01/2017 09:08:57)

O ban na Probe não foi só pelo Infect.
Também teve intuito de nerfar o Death's Shadow e os decks de Thing/Kiln Fiend, que também tinham kills de turno 2~3.
Tiraram a carta em comum que permitia mais abuso de mana (carta grátis, te dava informação e um draw, triggava efeitos tipo Prowess e servia de combustível pra Delve).
Se eles quisessem realmente acabar com o Infect, o ban teria sido outro.

abakte (11/01/2017 08:00:50)

Concordo plenamente com você, o peek na verdade acaba sendo até melhor pq vc espera o adversario dar o draw pra conjurar, no gitaxian probe voce ficava com 1 card sem saber o que era. poderiam ter banido Become imense, acredito que foi ja ajudaria a reduzir o power level.

barros1711 (10/01/2017 20:33:55)

Ban do Gitaxian Probe foi válido porque ele ajuda a olhar a mão do cara de graça? Claramente quem disse isso nunca jogou pilotando um Infect.

Na grande maioria das vezes tu sequer vai castar o Probe durante o jogo. O que acontece é que muitas vezes tu vai atacando direto de pouco em pouco e guardando proteções na mão. O Probe possibilita um "All In" muito raramente. São 4 cartas entre 60! Quem vê o pessoal falando que Probe é absurdo no infect é porque nunca jogou pilotando o deck. Parece apelão de fora, mas na maioria das vezes tu nem conta com o probe pra fazer teu jogo. Não é uma parte ESSENCIAL para a vitoria. Era apenas uma reciclagem com um "empurrãozinho".

Jogo de Infect há pouco tempo (1 ano). Na minha opinião, Peek serve o mesmo propósito tão bem quanto.

Espera o oponente tapar ou joga no passe (Peek é instant). Pronto... tu vai ter a mesma informação com praticamente a mesma efetividade.

LeoKula (10/01/2017 16:19:16)

E mais uma vez na história do magic, um artefato over é banido :) artefato é complicado...

Alguém arrisca se baixa muito de preço? Adoraria por no meu cubo!

Bolsan (10/01/2017 13:17:31)

Sim o shoal verde dá um balão , mas tem a lista grixis que nem usa ela , não vejo sendo banida não.Shoalbrand é bom mata na 2 , mas é beeem inconsistente, lembra um pouco o Amulet Bloom , que agora não tem o bloom e sumiu do mapa por ser inconstante.

greich (10/01/2017 12:35:50)

Blazing Shoal eu lembro, até porque a irmã verde dela joga MUITO no Goryo's Vengeance , e na minha opinião, seria uma forte candidata ao ban... Se não me engano no último World Cup, o que o time da Grécia ganhou no Unified Modern, vi um Goryo's Vengeance ali fazendo turn 2 kill... por causa dela

Bolsan (10/01/2017 12:34:45)

também estou apostando em algum Unban , pois dos que desbaniram , só o Troll que foi de volta pro Limbo.

Ah , vale ressaltar que a Wizards também baniu o reflector mage pelo fato de ser difícil você rastrear qual foi o alvo dele , já que não fica marcado em local algum o bicho que ele devolveu, eles mesmo assumiram que foi um erro de design não nomear a carta devolvida ! Em grandes torneios isso era um saco!

AntonioSousa (10/01/2017 12:27:39)

Poxa, se for assim tem que banir coisa do Affinitu tb, deck tem mais vitorias que qualquer outro, faz bem mais resultados. Infect ganha rapido, mas é extremamente fragil contra remoçoes, tem como barrar. ou ele ganha logo ou não ganha. Se vc atrasar o deck não gamha mais pq o oponente já tem remoções e criaturar para bloqueio.
Agora querer mecher na forma como os decks jogam é burrice, ai só vai ter gente que joga da mesma forma? Um jogo assim, para mim, não vale de nada.
Bem, mas isso fica para vocês, vou mais continuar nesse sumidouro de dinheiro não, negocio agora é só pauper, que se banir o prejuizo é pequeno.

AntonioSousa (10/01/2017 12:14:05)

Poxa, se for assim tem que banir coisa do Affinitu tb, deck tem mais vitorias que qualquer outro, faz bem mais resultados. Infect ganha rapido, mas é extremamente fragil contra remoçoes, tem como barrar. ou ele ganha logo ou não ganha. Se vc atrasar o deck não gamha mais pq o oponente já tem remoções e criaturar para bloqueio.
Agora querer mecher na forma como os decks jogam é burrice, ai só vai ter gente que joga da mesma forma? Um jogo assim, para mim, não vale de nada.
Bem, mas isso fica para vocês, vou mais continuar nesse sumidouro de dinheiro não, negocio agora é só pauper, que se banir o prejuizo é pequeno.

pupo83 (10/01/2017 12:04:46)

Sei lá, o cenário estava longe de ser caótico, como com os eldrazi por exemplo. o deck sobreviveu.

mas acho válido dar uma freada no infect e no dredge...

r497 (10/01/2017 11:31:35)

Acho que tem grandes chances de Preordain ser desbanido em Março.
Quem tem deck que usaria a carta, seria uma boa hora pra comprar.

Bolsan (10/01/2017 11:25:59)

He he , eu só lembro pq gosto do Lands Legacy .
Duvido que alguem lembre que Blazing Shoal é banido ! E é mais uma carta que rouba nas manas , a wizards não aprende.
Quanto ao lantern acho que o Skred ou Sun and Moon são mais fortes .
Agora para o formato ficar saudável tem que ter counters bons , sem isso não adianta . Odeio levar counter , mas sei da importância disso e o quanto isso aumenta a skill dos jogadores . Modern hoje voce ignora tudo e sai fazendo sua estrategia passando por cima do oponente . Jund ,junk e merfolk são os unicos que interagem na mesa , e só fazem top se acertar o side

guimmartins (10/01/2017 11:19:39)

ai bane a lanterna.. =D

greich (10/01/2017 11:08:30)

Nem lembrei de Punishing Fire, realmente até esqueci que existe...
Eu entendo que a Wizards quer um ambiente "saudável" de jogo, mas as vezes penso que ela quer um ambiente só de "Fair Decks" ou só de controls... daqui há pouco por falta de opções vai ter camps que o meta vai ser só de lanters control... ai quero ver o que ela vai fazer

greich (10/01/2017 11:06:28)

Apesar de eu querer muito que DRS seja desbanido, sei que não será e de certa forma, até concordo, é uma toolbox em uma carta só como mencionou, no caso do BBE, ainda creio que não seja a hora do Unban também, como você disse, tem muita coisa boa "dentro do alcance dele"

E quanto aos bans recentes, Infect e outros decks terão que se contentar com Peek... não é que não tenha solução, tem... mas pelo menos não é de graça

Hollow (10/01/2017 10:49:47)

E tomara que o DRS nunca saia de lá. Pelo amor de Deus, esse bicho é broken demais. O bicho é praticamente um bem bolado de Birds of Paradise + Grim Lavamancer + lifegain + hate de cemitério tudo numa carta só de uma mana, com custo flexível, e sem drawback. Esse bicho aí não pode ser desbanido jamais!

O BBE eu acho honesto, apesar de ser bem forte. Talvez não seja uma boa desbanir agora, porque sem ele o Jund já é Tier 1. Aqui eu acho que a questão não é nem a carta em si, mas o deck em que ela joga. BBE me parece honesta para o Modern. Mas sem ela o Jund já é beeeem forte. Com ela, será que não viraria um Tier 0? Imagino que sim. Importante frisar que agora existem Kommando e Liliana, the Last Hope, que provavelmente a tornariam ainda mais forte do que na época em que era válida.

O Infect provavelmente terá de jogar com mais cautela agora. Eu acho que provavelmente o deck continuará bom. Porém terá menos free wins e provavelmente terá que optar mais vezes pela vitória "honesta" (batendo 2 ou 3 de Infect por turno, deixando proteções de backup). Ou então, arriscar o all in no escuro e correr o risco de tomar um blowout.

Bolsan (10/01/2017 10:47:22)

Não entendi .


Faltou voce citar o Punishing Fire que já até esquecemos que existe.O jund é justo , não vejo banindo nada dele mesmo . Não tem nenhuma jogada absurda e também não sofre contra nenhum deck .

Acho que a wizards quer que o modern seja o formato pedra , papel e tesoura . Tem baralho que ganha de um perde pro outro e assim vai . O que me chateia é que é uma luta de side no formato . Infect é malvadão , toma lá um SuddenShock e tchau , auras é legal segura ai o SpellSkite , pow vou de dredge , pega o rest in peace . Enfim tem baralho que nem é bom ,mas o side faz ele ganhar dos decks tops .

greich (10/01/2017 10:34:37)

Como assim não baniram nada de Jund e Abzan???? DRS e BloodBraid Elf estão na cela esperando ansiosamente o dia da Wizards resolver dar o alvará de soltura deles...

Concordo que eles estão no meta com uma certa representatividade, mas não são nem de longe o que poderiam ser por causa dos Bans

ShiroCtba (10/01/2017 10:32:09)

Discordo que era vital pro deck, justamente pq infect tem tanto recurso que simplesmente não precisa ser all-in. Dos decks que usam probe, infect foi o que menos sofreu.
Sim, é o melhor cantrip do modern. Mas é só isso. Pra mim não é passível de banimento.

guimmartins (10/01/2017 10:29:17)

pq esses decks são como os reguladores do formato.. eles não são muito fortes contra nenhum deck mas eles tbm não são mto fraco contra nenhum deck.. eles são 50/50 contra praticamente todos os outros decks do formato.. subindo pra 60/40 pós side.. mas principalmente pq eles são midranges.. e os bans da WotC são pra inviabilizar decks q conseguem vencer antes do T4..

greich (10/01/2017 10:27:19)

Todas as cartas citadas realmente são importantes para o infect, você está certíssimo nisso, mas Probe é tão importante quanto cada uma delas, afinal, pra um deck "All in", saber o momento certo de atacar é só... vital pra eficiência do dele.

Probe fazia isso, sem mana ainda... por isso acho o ban justo. Mas tirando de lado o infect e olhando somente a carta por si só... olhar a mão do cara, e repor a carta sem "custo algum" é muito forte

harmoniaakira (10/01/2017 10:20:24)

lol

ShiroCtba (10/01/2017 10:18:18)

Infect não é injusto? o_O
Ganha batendo alternativo, tem desvio definitivo, não paga mana pra castar mágicas, tem manland própria... A informação é só a cereja do bolo do deck, que está muito longe de morrer.

Pra mim a saída era banir Immense ao invés do Probe ;P
Daze no modern parece ok, porque os counters não jogam muito justamente porque não raceiam e não têm controle de draw (e o formato é só removal/race). Massss fazer o quê.

Bolsan (10/01/2017 10:11:04)

Pensando nisso qual seria a saída , a um tempo atrás cogitaram um Daze no Modern , será que resolveria , ou criaria outro monstro ?
Talvez o Top faça falta ao formato para tentar um miracles .Fatal Push vai ajudar a freiar alguns decks , mas não sei se resolve.

AntonioSousa (10/01/2017 10:05:13)

Rapaz, Magic é um sumidouro de dinheir. Tô parando de jogar. Não dá para investir em um deck e depois ele ser banido. Infect é um otimo deck, mas ele não é injusto e tb não vive ganhando torneio como era o eldrazi com Olho de Ugin. Agora não dá para ficar fazendo deck e perdendo toda hora. Infelizmente parei de jogar.

ShiroCtba (10/01/2017 10:00:10)

Become Immense é ainda mais problemática e mais específica, imo. Concordo com o resto do post.

abakte (10/01/2017 09:57:57)

Só uma pergunta.... pq se o objetivo de ban é ajustar o formato para ser mais equilibrado e justo pq não baniro nada do JUND, ABZAN, sendo que todos estão no meta commais de 6%.

O Problema desses BAN é que tem muita gente que só copia lista de deck, e com isso faz um deles disparar.

Na verdade esses bans estão mais para controlar o mercado referente a valores dos cards do que ao próprio jogo.

Bolsan (10/01/2017 09:41:47)

Enquanto não tivermos no modern baralhos reguladores ou cartas que regulem o formato a wizards vai ter que ser o juiz e ficar banindo tudo.
Formato onde o azul é suporte, serve para dar Drawzinho dá isso mesmo = /
Todo mundo odeia brainstorm e FOW , mas sabe que são pilares do legacy que fazem o formato ser um dos que menos sofrem banimento .
Outro ponto é parar de printar cartas que roubam na mana , como foi falado mana phyrexiana foi um erro , cascade é um erro , as expertise logo mais se provarão um erro , as cartas com fuse são um erro tanto estético quanto na aplicação de regras ,tem baralhos que usam aquelas mágicas de mercadia com custo alternativo por exemplo, vide o infect legacy com Invigorate, só que mascaras foi lançado em 1999, já tiveram tempo de aprender.

Agora pq não baniu mutagenic? Banindo ele só o infect sofre , agora a probe leva o delver,suicidezoo e storm junto .
Também não entendi o por que o Mox Opal não está na lista , se a ideia foi freiar o formato , mox deveria estar ai.

fmpigatto (10/01/2017 09:27:42)

Na verdade o mago só cai ano que vemDevido aquela bobagem que a wizards fez com o t2 e depois voltou atras esse ano vão juntar 8 edições e vai rotacionar zendikar junto com innistrad , isso tudo só depois do bloco de amonkhet [/quote]

o Mago cai esse ano sim, em setebro/outubro

Zeus1988 (10/01/2017 09:25:20)

Por isso que eu gosto de ficar no Legacy mesmo... Fico de boa, não tem banimento é minimo ou nenhum... Tem infinitas opções e não perco grana.