O Modern Amanhã
27/08/2017 14:00 / 4,916 visualizações / 39 comentários

 

Fala galera!


Meu nome é Jonas Locke Antunes e esse será meu primeiro artigo aqui na Ligamagic. Jogo todos os formatos, mas minha praia mesmo é o Modern. Nesse primeiro artigo falaremos sobre bans.

 

Amanhã acontece o próximo anúncio de restritas e banidas da Wizards. Não são esperadas mudanças no Standard e no Legacy, formatos que tiveram bans recentes e estão em uma situação saudável. No Modern, podemos esperar algo, a temporada só começou e já escutamos e lemos rumores sobre possíveis bans e talvez unbans.


O Grixis Death’s Shadow é considerado por muitos o melhor deck do ambiente, por, resolver os problemas que surgem em diferentes match ups. Ele favorece bons jogadores, pois suas escolhas são complexas. Apesar de bom, o deck é muito punitivo com erros. Essa condição fez como que muitos clamassem pelo ban da carta Death's Shadow alegando uma suposta predominância.
 

Ao analisarmos o ambiente é possível constatar a invalidade desse argumento. Analisando o metagame dificilmente vemos isso. Nos GPs Modern em São Paulo e em Birmingham, podemos observar um ambiente mesclado, com vários decks diferentes no top 32. Consolidei uma tabela para melhor exemplificar:

 

 

 

Deck

Qtd decks

%

Titanshift

11

17,74%

Grixis Death's Shadow

10

16,13%

BG/x

6

9,68%

Counters Company

4

6,45%

Storm

3

4,84%

Jeskai Control

3

4,84%

Affinity

3

4,84%

UB Faeries

2

3,23%

Gx Tron

2

3,23%

Burn

2

3,23%

BlueWhite Control

2

3,23%

Eldrazi Tron

2

3,23%

Bant Knightfall

2

3,23%

Dredge

2

3,23%

Creatures Toolbox

1

1,61%

Bant Eldrazi

1

1,61%

Skred Red

1

1,61%

Ad Nauseum

1

1,61%

Esper Death's Shadow

1

1,61%

Lantern Control

1

1,61%

Death and Taxes

1

1,61%

Living End

1

1,61%

 

 

Podemos observar que 21 diferentes arquétipos fizeram top 32. Nos primeiros GPs dessa season, Titanshift e UBx Death’s Shadow tiveram maior fatia de meta, contudo, o ambiente ainda está bem diversificado, sem predominância.


Diante desse cenário, começamos a pensar no anúncio de banidas que se aproxima.Algo deve ser banido? Algo deve ser desbanido? Tentarei responder essas perguntas ao decorrer desse texto.
 

No meta atual existem algumas cartas que se não são um problema ainda, poderão se tornar num futuro próximo. Tomando como pressuposto os critérios que a Wizards usa para banir e analisando os padrões das ultimas cartas banidas, chegamos a uma lista de seis possíveis cartas que tem um alvo nas costas:
 


Neste momento é a carta que habilita coisas fora do normal, ela reduz o tamanho do seu deck ao custo de sua vida, em alguns builds isso termina sendo uma vantagem e não um draw back. Além disso, novos arquétipos estão surgindo usando a carta, o RG Vengervine, por exemplo, consegue colocar 12 de poder na mesa no turno dois com certa facilidade. Nessa estratégia "all-in" o Street Wraith tem papel importante. SW tem adicionado consistência aos decks em que é utilizado, se ele ainda não é um problema, tem um grande potencial de se tornar. Não acredito no ban neste momento, mas é muito provável que num futuro próximo isso possa ocorra;



 

Uma criatura com seis/sete de poder por uma mana é, em algumas situações é simplesmente bom demais. Os decks que usam a carta se favorecem da base de mana perfeita (fetchs e shocks), além de disruption barata e genérica como, Thoughtseize. Esse conjunto de fatores faz com que a carta esteja próximo do limite de ser boa demais.


DS e Street Wraith são excludentes, não vejo possibilidade dos dois serem banidos ao mesmo tempo. Sem o Street Wraith o DS perde consistência, se torna um deck menos agressivo e com menos recurso. É provável que o ban do SW seja o suficiente para tirar do deck o status de Tier 1 no modern, não acredito num ban neste momento, mas vamos nos manter ligados;
 

 

SSG habilita decks de combo, adiciona consistência e acelera o formato. Em alguns casos é parte da estratégia principal, em decks como como no Ad Nauseam e  no Grishoalbrand/Instant Reanimator. No cenário atual o Simian não está tão bem posicionado, ele já esteve em mais evidência. Neste momento a carta não está em nenhuma das listas tiers.
 

Acredito que o ban dessa carta seja bastante improvável, principalmente pelo fator predominância, os decks que mais se beneficiam dela não tem obtido sucesso nos últimos tempos.Mas té quando uma Lotus Petal será legal no Modern?
 


 

Chalice e Blood Moon são cartas que movem emoções, as pessoas simplesmente não gostam de hate! Apesar do desgosto geral, acredito que as cartas são completamente normais, pois são simétricas. É necessário construir seu deck de tal maneira que elas não o afetem. Um deck que se beneficia de “chalice pra um” não pode usar as melhores remoções do ambiente Bolt / Path / Push, construir seu deck dessa maneira já é a desvantagem de usar a carta. O mesmo é válido para blood moon, fetchs e shock ajudam a construir boas e sólidas bases de mana, decks de três/quatro cores são bem possíveis nesse cenário, utilizar Blood Moon faz necessário utilizar possuir mais terrenos básicos, estratégia que vai de encontra a ideia de base de mana perfeita. 

 

Acho que o ban dessas cartas seja muito improvável, quase impossível, mas nunca se sabe;



 

Quase uma menção honrosa, quando a mecânica do Valakut está online o deck parece imbatível. Montanhas se tornam lava spike, junto com a interação do Prismatic Omen, fetchs se tornam lightning bolt. O RG Valakut é um deck que excede em consistência e tem um grande fator de inevitabilidade. O sucesso que o deck vem tendo nesse ambiente atual liga o alerta, neste momento ele não é um problema, e improvavelmente se tornará. Hora da devastação trouxe Hour of Promise que se alinha perfeitamente com a mecânica do deck e inevitavelmente adiciona consistência. Além disso, novas cartas podem ser lançadas e podem deixar o deck ainda mais coeso. Acho altamente improvável que a carta seja banida, talvez nem esteja sendo considerada, mas vale a menção.


Não podemos falar sobre uma nova banlist sem falar sobre possíveis unbans. Vamos lá!
 


 

O Jund se beneficiaria muito da carta, isso é incontestável. Kolaghan's Command e BBE juntos parecem ser algo poderoso. Ilustrando o poder da carta, com ajuda de um Noble Hierarch podemos fazer um BBE no turno três, o trigger da cascada revela uma Liliana of the Veil, -2 da Liliana, seu oponente sacrifica uma criatura, o Elfo ataca com ímpeto, ganhando +1/+1 do exalted do Hierarch, difícil um turno três melhor que esse. Fora que um BBE no cemitério é um alvo quase que perfeito para um Kolaghan's Command.Por exemplo, final do turno, KC forçando seu oponente descartar uma carta e voltando o elfo pra mão, no seu turno, cast do BBE, trigger de cascada, revela um Thoughtseize do topo, uma jogada como essa muda o jogo, pode selar uma vitória. No momento abzan está vendo mais jogo que o Jund, se o BBE fosse desbanido o cenário poderia mudar. Acho bastante improvável o desbanimento, Bloodbraid Elf já causou problemas antes, por que arriscar agora?



 

Arrisco dizer que o JTMS foi o primeiro planeswalker que realmente causou impacto. O poder da carta é indiscutível. Seu conjunto de habilidades atacam diversos ângulos, quanto mais tempo ele estiver na mesa, mais difícil de removê-lo. Por que não desbanir Jace? Como grande entusiasta de decks de controle ouço essa pergunta ecoar a bastante tempo. Jace tem potencial de mudar o Meta, a velocidade do formato atualmente me deixa um pouco cético em relação ao seu impacto real, Ancestral Vision, por exemplo, foi desbanida e nada mudou, ela parece ser lenta demais para o meta atual. Com o azul tão enfraquecido no momento qual seria o risco real de desbanir o JTMS?

 


 

A carta está banida não é atoa, power level muito elevado e consistente. Resolver uma Stoneforge pode definir jogos, apesar disso, qual seria o impacto dela no meta atual? Essa pergunta requer uma análise aprofundada, talvez tema de um novo artigo. Em linhas gerais, com o desbanimento dela veríamos estratégias midrange sendo fortalecidas e talvez decks de controle baseados em azul e branco se consolidar no meta. De todas as cartas citadas essa é a que acredito ter mais chance de um dia ser desbanida.

 

Os GP Birmingham e São Paulo tiveram sete decks diferentes em seus respectivos top 8, se contabilizarmos ambos, foram 21 arquétipos diferentes que fizeram top 32.Contra fatos não há argumentos, o ambiente está saudável.
 

Um ban nesse momento dificilmente teria o intuito de consertar algo, seria forçar uma rotação, algo que não seria tão difícil assim. O banimento do Splinter Twin é comentado até os dias de hoje como não necessário, ele ocorreu 18 dias antes do Pro Tour Oath of the Gatewatch, muitos acreditam que tenha sido proposital, para movimentar o meta.
 

Em minha opinião, o ambiente está altamente diversificado e saudável, os decks death’s shadow são fortes mas equilibrados, o deck tem bad matches que estão bem posicionados no meta, em outras palavras ele está controlado. A carta street wraith está em alta, o sucesso do RG Vengervine pode determinar um possível banimento ou não, contudo não acredito que isso ocorra agora. Acredito que no dia 28/08 veremos mais um “no changes”.


Ficamos por aqui, muito Magic para todos!

 

 


Jonas Antunes (VIP OURO TheBlueMage)
Orgulhoso jogador de Magic: the gathering desde 2000. Aficionado por Decks de controle e super experiente na arte do mana-vai!

ARTIGOS RELACIONADOS

Decks da Semana #9 do CLM10: BR MoonRat

Modern: BR MoonRat, por Eduardo Bairrinhos.


Por Dentro do 5c Humans

Tudo o que você precisa saber sobre a sensação do Modern.


O Submundo do Modern - Planeswalker Season

Preparem-se para encrenca em dobro!


Decks da Semana #7 do CLM10: Fractius!

Moodern: Fractius!, por Vinicius Marcilio.


O Submundo do Modern - Empty the Pits

"E de repente, uma invasão zumbi!"

MTG Cards



Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.

ArmySpy (29/08/2017 16:56:00)

Eu recomendo vocês que acham que ele jogaria, montar o deck com ele no meio... Ele é bom? sim... mas duvido resolver jogo sozinho... como falaram, ele é carta pra turno 6... mas no turno 6 eu prefiro baixar as Elspeth e entupir a mesa de token, e te garanto, vai vencer o jogo mais rápido... Podem imaginar qualquer cenário ai... mesa cheia, mesa vazia... Depois de um veredito, inicio, meio e fim... Elspeth vai fazer mais estrago...

Hollow (29/08/2017 15:48:38)

Tranquilo. Concordo com boa parte das considerações. Acho sim que ele jogaria muito no formato, e realmente o considero fantástico contra DS, em que pese a grande possibilidade dele ser simplesmente descartado ou anulado por uma Stubborn Denial. Mas se ele entrar, realmente é um pé no ovo dos caras. Provavelmente leva o jogo nas costas sozinho. Mas infelizmente, falar de Modern e não falar da velocidade do jogo não faz sentido. O formato é extremamente rápido. Enquanto você tá lá tentando jogar seu Jace boladão que vai carregar o jogo nas costas se você e ele durarem 2 turnos depois de ele entrar, Burn, Zoo, Affinity e Dredge estarão te finalizando, Ad Nauseam, Company, Grishoalbrand, Valakut e Storm já terão combado na sua cara, e o Tron vai estar jogando um Karn, Ulamog ou Ugin que vão jantar você e seu Jace com farofa.

Os Combos no Modern sempre serão matches horríveis para controles azuis enquanto eles tiverem Pacto e nós (me incluo nos jogadores de Control) Remand e Mana Leak. Não tem nem comparação. Você tá tentando jogar um PW bonitinho que precisa de mais um ou dois turnos pra fazer real diferença na partida, protegido por um Mana Leak horrível que não resolve muita coisa quando seu oponente tiver 6+ manas ou um Remand que no máximo força o cara a jogar a mágica de novo no turno dele, já que ele provavelmente jogou o Ad Nauseam/Gifts/Goryo's Vengeance/Through the Breach no passe, enquanto o cara tá jogando uma spell "ganhe o jogo" protegida por um Pact of Negation. O resultado é simples: não dá pra tapar 4 manas em Sorcery Speed contra nenhum deck combo do formato, porque quase todos têm proteções eficientes contra counterspells e/ou combam em Instant Speed. Acredite. Eu já tentei várias vezes fazer minhas Nahiris, com ou sem counterspell de backup e 80% pra mais das vezes eu tomei um combo na volta, protegido por Pacto, Splice onto Arcane ou pura e simples redundância. Com o Jace daria na mesma. O melhor que dá pra fazer jogando de Ux Control é jogar um Snapcaster o quanto antes impondo um clock lentíssimo e tentar anular todas as tentativas de jogadas relevantes deles usando os counters horríveis disponíveis no formato. Ou seja... um plano de jogo bosta.

Os Aggros são matches bons pros Controls no formato, porque todos se equipam para batê-los. Concordo totalmente quanto a isso. No entanto, os sweepers continuam sendo horríveis. Affinity, Burn e Zoo não sofrem tanto assim pros sweepers, porque normalmente eles te deixam no range dos Burns deles antes de você ter chance de jogar o sweeper. O Affinity tem menos Burn (basicamente só Galvanic Blast), mas tem Manlands. Se você chegou no turno 4 vivo contra eles (e com alguma margem de vida), você provavelmente "já venceu", anyways. Contra os Companys, eles rebuildam com facilidade, então você precisa contar com alguma zica por parte do oponente, ou que ele dê Overextend, em adição a jogar o sweeper. Algumas versões ainda usam Selfless Spirit que pode ser puxado facilmente com um Chord pra bloquear o sweeper. O Dredge ri quando te vê jogar qualquer sweeper que não seja Anger. No fim das contas os sweepers só são verdadeiramente fortes contra Merfolks (sumidaço), DNT e Eldrazis (se o TKS não tirar da sua mão antes de você jogar).

E por mais que Ad Nauseam seja um deck relativamente sumido do formato atualmente (suponho que principalmente por ter um match ruim contra DS), ele ainda bateria com facilidade qualquer U Control, com ou sem Jace. E é por isso que eu não acho que ele mudaria tanto assim o formato. Porque por mais que ele seja fantástico e resolva um dos problemas dos Controls azuis do formato (Card Advantage e Card Selection), ele não resolve os principais problemas, nem melhora significativamente os matches ruins.

Enquanto os combos tiverem Pact of Negation e os Controls Mana Leak e Remand, e enquanto Tron for um deck presente e forte no formato, os Controls azuis dificilmente dominarão o ambiente. O Jace não muda muito esses matches. Ele melhora os matches já bons do deck (vs Aggros "lentos"), e dá vantagem em alguns matches que antes seriam equilibrados (Midranges, outros Controls, etc.). Mas nos moldes do formato hoje, tendo Hyper Aggros, Combos e Trons rulando, o único match significante que o vejo melhorando é contra o DS mesmo.

du_voice (29/08/2017 15:38:43)

ótimo artigo Jonas, parabéns!

ShiroCtba (29/08/2017 14:38:54)

acho que vc tá vendo o problema por um aspecto de velocidade, sendo que nem sempre é o melhor jeito... vc não quer fazer jace no 4, quer fazer no 6 com fetch pro brainstorm e 2 manas abertas para counter...

affinity já é uma match tranquila pro UW... combo também é mais fácil atualmente, porque estão tentando jogar em volta dos disrupts... e mesmo assim com o jace combo seria quase um bye, pq vc cava todas as respostas e vence counterwar... citar ad nauseam eh quase maldade, o deck mal existe no formato e vai só tentar combar protegido, tempo suficiente pra vc fazer o jace protegido na maior parte dos casos...

jace estabiliza a mesa porque te dá a. 3 cartas b. controle do topo (faz mta diferença contra combo) c. resposta pra qq ação pós sweep (num formato que sweepar dificilmente eh voltado, óbvio que nessa situação do counters company eh ruim, mas não são todos os decks com esse potencial de resposta... o próprio grixis sofre dms...) e d. vida (tempo play)... ele faz com que o control não dependa mais do grind, que eh virtualmente como ele perde o jogo.... talvez eu tenha me expressado mal, quis dizer eh que o jace tem sozinho um potencial de estabilizar nível lantern-lock (estabilização que não perde mais o jogo)...

se jace valesse, acredite em mim, todos os decks seriam Uxx control/tempo, justamente pq ele seria disparado a melhor carta do formato... o UW é um deck bastante decente com o jace architect of thought, e compare os dois...

e bounce acaba o jogo do DS, rs... delve é bem ruim de pagar 2-3x... rs

Hollow (29/08/2017 13:40:13)

JTMS estabilizando a mesa? Não consigo ver isso. O máximo que ele tem pra ajudar nesse sentido é o bounce do -1, que é bem ruim contra decks que floodam a mesa, como Affinity, Zoo e Companys. Essa opção não é lá tão boa nem contra os Eldrazis, pois o TKS vai te rancar outra carta e o Smasher que já tinha batido no turno anterior vai bater de novo. Contra DS ele provavelmente atrasa uma pancada, mas não muda muito o panorama.

Pra mim ele é fortíssimo (talvez até opressor) de se jogar numa mesa já estabilizada, mas o problema maior dos Controls do Modern atualmente é chegar nessa condição, e não manter a vantagem uma vez que se chegue nela. Os sweepers que têm no formato são todos Sorcery e custam 4 manas (3 manas para o Anger, mas ele não sei livra de tudo), então a chance de você tomar balão na volta é meio alta. Já cansei de jogar Veredito, limpo a mesa do cara, no passe ele faz uma Company, acha uma Witness, volta a Company e no turno faz outra Company e eu sem mana pra anular pois acabei de jogar o sweeper.

Contra os combos, ele não resolve o imenso problema que os Controls do formato têm, que é ser incapacitado de virar mais que 2 manas pra tentar jogar uma Win Condition, já que a chance do oponente combar com sua Nahiri/Keranos/Gideon/Elspeth na pilha e você tendo mana para só um anula merda, é altíssima. Você vira 4 manas pra fazer o Jace, o cara responde tacando um Ad Nauseam/Through the Breach/Goryo's Vengeance com Pacto de back-up e você tendo só mais 2 ou 3 manas desviradas pra tentar parar o cara com um Mana Leak ou Remand.

A grande diferença é que no Legacy o cara faz Terminus em Instant Speed por 1 mana, e tem FoW e Counterspell pra proteger tanto o Jace quanto a si mesmo depois de tapar as 4 manas pra jogá-lo. No Modern acho que seria bem mais difícil fazê-lo brilhar, tendo que jogar sweepers de 4 manas em Sorcery Speed e usando counterspells horríveis do calibre de Remand e Mana Leak.

Enfim... não digo que ele não jogaria. Muito provavelmente jogaria sim, e muito nos Controls azuis do formato, possivelmente tornando algum deles Tier 1. Ele resolve muito bem, pelo menos um dos problemas que os Controls azuis têm no Modern, que é a dificuldade de obter Card Advantage e Card Selection de maneira segura e constante. Mas eu não o vejo estabilizando a mesa sozinho, nem resolvendo os principais problemas dos Controls azuis do formato. Você ainda teria que estabilizar o jogo antes de jogá-lo, e essa é uma das partes mais difíceis de jogar de Control no Modern.

ShiroCtba (29/08/2017 13:03:05)

eldrazi lacks consistency...
bant eh horroroso por causa da curva de mana bugada, eldratron tem poucos draws e sofre pós-side e o DNT rsss...

bbe eh MUITO opressor... cair com kcommand ou pulse é tosco de forte, fora qq outra option que vc tem... tira as lands do topo... tem corpo... a carta é 100% bizarra.

jtms ia shiftar o meta, desacelerar... Uxx control não seriam incomuns... cartas mais lentas fariam mais sucesso pq ele tem o poder de estabilizar a mesa sozinho... e o modern viraria um show de controles e soh azul jogando...

ShiroCtba (29/08/2017 12:56:47)

óbvio que não desbaniriam JTMS ou BBE, as duas cartas são mto fortes (mas JTMS não foi o primeiro planes que teve impacto não... Elspeth, Knight-Errant era bizarra... Ajani Vengeant também era excelente à época). Tb apostei no no-changes.

Se fosse pra "shiftar" o formato, algo que eles fazem de tempos em tempos, acho q baniriam prismatic omen (reduzindo a consistência do RG Titanshift sem matar o deck) e Wraith (deixando o DS ainda jogável, mas pior).

Banir chalice e moon eh mto choro, socorro.

darknessmp (28/08/2017 16:10:38)

Mas por quê essa "tara" pelo Jace, TMS? Toda vez que se fala em desbanir algo, vêm o trio Jace TMS, Gaga e BDE! Sério, o formato esta bom do jeito que é hoje, nenhum deck é opressivo demais!

And_7552 (28/08/2017 11:41:31)

Announcement Date: August 28, 2017

Vintage:

Thorn of Amethyst is restricted.

Monastery Mentor is restricted.

Yawgmoth's Bargain is unrestricted.

All other formats:

No changes

Effective Date: September 1, 2017

Magic Online Effective Date: August 30, 2017

The list of all banned and restricted cards, by format, is here.

Next B&R Announcement: October 17, 2017

Hollow (28/08/2017 11:17:52)

Eu não estava jogando à época, então posso acabar postando alguma besteira aqui... mas li em vários lugares que o que tornava o Jund realmente "roubado" na época era o Deathrite Shaman que foi banido simultaneamente com o BBE. Lendo a carta hoje, e sem ter experimentado seu desempenho no Modern, afinal eu não estava jogando à época, ACHO que o BBE não seria opressor. Mas é só um palpite de um cara que não enfrentou o Jund à época que ele era válido, e que leu em um punhado de análises que o problema mesmo era o walker/mana dork/Lavamancer/grave hate de 1 mana.

pupo83 (28/08/2017 10:51:19)

cara bane nada não...
o meta tá bom, eu acho super tranquilo lidar com DS, o que mais tem no modern e removal bom. e na real, o que eu mais curto no modern é a mudança de meta e variação de posição dos decks.
Jogo competitivo a uns tres anos só, eu arrisco dizer que esse foi o melhor meta que peguei...

VIP OURO TheBlueMage (28/08/2017 10:40:09)

BBE é forte, sem duvidas, mas com Eye of Ugin o formato virou uma madhouse, sem chance

VIP OURO TheBlueMage (28/08/2017 10:39:05)

pq vc só pode desbanir uma carta que esteja banida, swords to plowshare não é legal em modern

Fontes10 (28/08/2017 10:26:58)

Pq não desbanir, Swords to plowshares?

lucas_strider (28/08/2017 10:02:54)

Ou mesmo desbanir a Gaga, que seria mto pior

lucas_strider (28/08/2017 10:02:09)

Lembro sim, mas parece que tem gente que não lembra do BBE jogando no Jund... a dominância era bem similar =P

VIP OURO TheBlueMage (28/08/2017 10:00:35)

pelo visto vc não lembra do Top 8 do Pro Tour Oath of Gatewatch
rsrs

VIP OURO TheBlueMage (28/08/2017 09:58:59)

normalmente sai as 13 horas, horário de brasilia

jonyss05 (28/08/2017 09:29:13)

que horas sai a lista de banidas?

lucas_strider (28/08/2017 09:27:37)

Podia era desbanir Eye of Ugin hahahaha

Hollow (28/08/2017 08:44:23)

Stoneforge me parece forte demais pro Modern. Ela dá consistência, velocidade e versatilidade demais. Tudo junto. Todos os decks com branco iam pegar o package de equips e tal... pra mim, não dá pra desbanir não.

Jace num primeiro momento me parece que não faria tanto impacto assim. O poder dele é indiscutível. Mas o formato é extremamente rápido, e uma mágica Sorcery Speed de 4 manas que entra sem interferir rapidamente no jogo, e que pode ser removida na porrada, tende a não dar certo. Por outro lado, uma das fraquezas dos Controls no Modern é a falta de fontes confiáveis de Card Advantage, e ele sem dúvida seria uma excelente ferramenta nesse sentido. Importante ressaltar que UW Control está bem posicionado no momento, e aquele Jace bem mais fraquinho de RTR joga no main deck. Esse aí sem dúvida jogaria nesse deck e talvez impulsionasse outros.

De todas as citadas, o BBE me parece o mais palpável. O power level dele é alto, mas me parece relativamente justo. A aleatoriedade enfraquece um pouco. Claro que eventualmente rolam aqueles blow outs, saindo Kommando, Liliana, etc.

Fiquei positivamente surpreendido com o "baixo" desempenho dos Eldrazis. Esperava vários Bant, Trons e DNT.

VIP OURO TheBlueMage (28/08/2017 08:31:24)

Eu discordo disso, depois do DS o range de decks viáveis aumentou, nos 2 ultimos GP's 21 arquétipos diferentes, variedade não é um problema neste momento.
Twin era uma barreira, não achava necessário banir, mas tbm não vejo sendo desbanido

VIP OURO TheBlueMage (28/08/2017 08:28:59)

A questão é que compra sem custo de mana é de certa forma perigoso pro formato, gitaxian probe já provou isso antes, o SW habilita esse tipo de deck all-in e esse é o problema

VIP OURO TheBlueMage (28/08/2017 08:16:15)

Com o unban do Twin provavelmente teriamos as duas estratégias jogando junto, grixis Death shadow twin. Durma com um barulho desse rsrs

evincar (28/08/2017 00:46:23)

Reset no formato!

Desban em tudo e começa d novo!
Complicado?

Então desban do twin e volto a ser feliz =D

ViniciusGoiaba (28/08/2017 00:41:37)

Tinha que voltar twin (ia ter match ruim contra DS, porém ia arrebentar com os RGs) e stoneforge (O modern tem muito removal de bixo e de artefato premiuns, então dava pra deixar a menina brincar, só vejam o que push fez com ela no legacy).

andreammsa (28/08/2017 00:06:02)

Apesar do DS não estar perfomando mil maravilhas, temos que concordar que de uma maneira ou de outra ele deforma o meta. Já vi diversas listas com Leyline de Maindeck quase que somente para tentar parar os ataques a mão do DS (Claro que Leyline é otima no meta atual como um todo, parando grande parte do poder dos RG da vida, burn e etc).
É fato que ao se construir um deck no meta atual, você tem que pensar como ele perfoma contra o DS, e como podemos ver grande parte do Meta hoje é DS e Decks que tem boas MatchUps contra DS...ou seja, mesma ele não estando ganhando os campeonatos, a deformação dele no meta já é o suficiente para explicar um ban, assim como era o Twin, não era o deck com a melhor perfomance, mas o meta na epoca era Twin e Decks q perfomavam bem contra Twin, fazendo a maioria dos decks gastar slots no SD e Maindeck para essa matchup.

greich (27/08/2017 23:16:19)

Já faz uns 2 meses que estou dizendo que se tiver ban, SW roda... vamos esperar a sua cenas dos próximos capítulos

ArmySpy (27/08/2017 23:02:16)

A questão não é exatamente o Vengevine, mas cartas como SW são meio ~contra o modern~. pois é um draw de graça... Gitaxian foi banida em parte por esse fator de Draw e informação, food grave...

Eu teria acrescentado na lista a Thoughtseize... Já existe cards suficientes para a posição...

Se fosse para apostar, seria o SW como ban... E sobre unbans, BBE é um card forte, mas hoje temos CoCo, que não posso deixar de comparar...são 2 cards na mesa por 4 manas... Talvez hoje, para o formato, pagar 4 manas para um 3/2, não fosse tão ruin "hoje", mas provavelmente traria problemas futuramente, e acabaria sendo banido novamente, ou por consequência banindo outro card...

Jace... eu tenho minhas duvidas... acho que para decks como Lantern, ele seria uma Win condition mais sólida, e para os controls algo a mais para ajudar a vencer... não imagino ele como um problema para o formato, onde cards que entram e não interferem em nada no campo não são vistos com bons olhos... Só vendo pra crer que ele "destruiria" o formato... toda via, uma opção seria banir ele novamente...

andrepetsu (27/08/2017 20:17:05)

Tinha que banir era o Templo Eldrazi, eita carta injusta kkk

tattoowalker (27/08/2017 20:14:23)

o modern ta maneiro sim.. mas o DS afugenta muito deck.. a aleatoreidade deve garantir possibilidades a todos os decks.. mas o shadow inviabiliza isso.. o deck e redondinho, cravado.. o deck e foda.. uma pena, mas assim como o twin ja deu..

Diegocado (27/08/2017 19:39:39)

Ai tu termina com muito deck kkk

Coldplayer (27/08/2017 19:00:11)

E se baníssemos Capturar Pensamento?

VIP OURO [sm]_Frejat (27/08/2017 17:45:57)

Gostei do texto, o LSV e alguns outros da channel, bem como não me lembro quem da SCG, já se manifestaram pelo ban do DS, então como os pró players já começaram com a choradeira, é bem provável que algo rode, de todas as cartas mencionadas, eu acredito bastante no SW, a carta fornece consistência semelhante ao probe para o deck. De resto, acho que nada sai, valakut merece considerações, é uma carta muito boa, mas não acredito ser tão opressora assim, alguns slots no side contornam bem.

Bom, quanto ao texto, como já falaram, faça alguns revisões antes de postá-lo, alguns parágrafos estão truncados e há alguns erros bem grosseiros.

Comecudecurioso (27/08/2017 16:52:53)

se o Vengevine tiver dando trabalho no modern porque banir o SW ? vai desfalcar varios decks, seria injusto!, de ban no propio Vengevine que só joga naquela lista e problema resolvido.
não jogo de DS, e acho o deck justo, inclusive é uma match favoravel pro meu abzam

VIP STAFF slaiter (27/08/2017 15:57:51)

Acho que nada merece ban, mas se for ter infelizmente o sw roda.
Eu não vejo que bbe seja tão bom quanto já foi. Creio que a aleatoriedade faria ele ser apenas bom.

Voodoo_666 (27/08/2017 15:41:36)

Volta Stoneforge e Splinter twin pelamor.....

Gruger (27/08/2017 15:00:21)

Jace e BBE acho que adicionariam muito ao formato. Não acredito em nenhum BAN, mas esses dois UnBans me agradariam muito. SFM é simplesmente forte demais, mesmo sem Jitte. Batterskull e as Espadas já são boas o bastante para fazer SFM ser overpowered para o formato.

Pinguito (27/08/2017 14:51:31)

O formato está bem saudável no momento, não acredito que haverão mudanças. Mas como a Wizards age de maneira misteriosa, tudo pode acontecer...

Sobre Stoneforge e Jace: Essas cartas atuariam de forma semelhante ao Splinter Twin, limitando os arquétipos daquela cor. Todo deck branco que queira valor vai colocar 4 Stoneforge, 1 Batterskull e X Espadas e todo control com azul vai usar o Jace. A Wizards está indo contra essa ideia.

Sobre o texto: Ficou bem legal, mas uma revisão dos pequenos erros daria uma melhor fluidez ao texto :)

Participe de um dos maiores eventos de Magic: The Gathering da América Latina