A Lenda dos Planeswalkers
29/08/2017 10:00 / 5,341 visualizações / 27 comentários

 

Olá, tudo bem?

 

Eu pretendia hoje falar sobre ambiente Modern, independente se a banlist mudasse algo ou não. Mas, além de um esperado "no changes", tivemos o seguinte:

A partir dessa coleção, todos os Planeswalkers do passado, do presente e do futuro terão o supertipo lendário. Eles também estarão sujeitos à "regra das lendas". A "regra da singularidade dos Planeswalkers" está se despedindo. O que isso significa? Para resumir, tudo o que há de verdadeiro para as criaturas lendárias vai se aplicar aos Planeswalkers lendários.


De acordo com as novas regras, se um jogador controla mais de um Planeswalker lendário com o mesmo nome, ele deve escolher um e colocar o outro no cemitério do seu dono. Isso quer dizer que se você controla um Jace, Desvendador de Segredos e conjura um Jace, Náufrago Astuto, os dois podem existir sob o seu controle.

 

Os Planeswalkers vão continuar a ter os tipos de planeswalker (Jace, Nissa, Bolas e assim por diante). Porém, esses subtipos não serão usados por nenhuma regra para determinar o que um jogador pode manter sob controle. Cards como Derrota de Jace ainda poderão se referir a esses subtipos.

 
 
Sempre que temos uma mudança na regra, ela tem potencial para algo grande, porque muda como encaramos o jogo, as regras são as lentes que usamos para ver o Magic enquanto jogo, então mudar algo nelas é mudar como todo um mundo é encarado. 
 
Magic mudou radicalmente quando tirou dano da pilha, toda uma maneira de jogar deixou de existir e cards tiverem que ser reavaliados. Mesmo a mudanças recente da regra das split cards, que parece algo tão específico, matou um baralho Modern e mudou centenas de interações. 
 
Para uma mudança dessas eu gosto de usar duas linhas "o que eu fazia " e "o que eu farei".
 
O que eu fazia.
 
O tipo de planeswalker era uma restrição forte na hora do deckbuilding caso você quisesse usar muitos planeswalkers. Em um deck com apenas uma cor, era mais interessante usar várias cópias do mesmo planeswalker, do que um mix de planeswalker diferentes (mas iguais em tipo), porque, por mais que você variasse o tipo de efeito, você tinha um foco maior, já que podia ficar com apenas um na mesa. Variar, nesse caso, era para casos específicos nde você queria mais de um efeito em uma engine continua.
 
 
Essa restrição é sentida hoje no Standard, por exemplo, saber qual quantidade de Chandra, Chama da Rebeldia e Chandra, Invocadora do Fogo vai além de qual efeito e custo eu quero, leva em conta o fato de que, com uma na mesa, provavelmente a Chama da Rebeldia, nem sempre valia a pena eu comprar uma Instigadora e ficar com ela na mão, esperando a hora onde o -x era necessário. Outro caso é o do Gideon das Provas, que teve parte da sua jogabilidade prejudicada pelo fato de uma staple do formato ser Gideon, Aliado de Zendikar, em uma época onde a melhor jogada turno 4 era fazer um, porque eu faria o outro no terceiro turno, restringindo minhas jogadas?!
 
Claro que o fato de muitas vezes diferentes planeswalker terem diferentes usos jpa restringi como vamos usá-los, mas a Regra de Tipos, era outra restrição forte e que tinha que ser levada em conta.
 
O que eu farei.
 
As possibilidades com a nova regra são bem grandes, o planeswalker em si ja tem muito potencial, é uma engine de card advantage que pode gerar efeitos de graça, normalmente com duas ou três variações, e as únicas fraquesas são sua velocidade de feitiço e ser retirado via combate. Tornar esse tipo de permanente menos restritiva nos permte fazer diversas coisas.
 
Se fóssemos usar no Standard atual, por exmeplo, decks com Liliana, a Ultima Esperanca e Liliana, Majestade da Morte teria grandes mudanças, são cartas fáceis de imaginar em um baralho midrange que aproveita os recursos do de cemitério.
 
Pensando sobre o Standard de Ixalan, que é quando essa regra começa a valer, para esse formato, essa regra não tem impacto, pela baixa variedade de planeswalkers. Claro que isso, enquanto essa variedade se manter.
 
Um grande impacto dessa regra é para a carta Expor o Coracao, que piora consideravelmente e pode cair em desuso, mesmo em um meta sem Transgredir a Mente.
 
Para o Modern temos duas situações, em uma, o formato usa poucos planeswalkers, isso porque eles são lentos e nem sempre lidam com a gama de ameaças que o formato apresenta. Liliana do Veu é o planeswalker do Modern porque consegue ser forte contra combos, mas também tem aguma eficácia versus criaturas. Na segunda situação, tanto Liliana do Veu e Liliana, a Ultima Esperanca ganham novas opções de combinação no building no BGx, como Gideon das Provas e Gideon Jura ficam ais interessantes no UW, em ambos os exemplos, essa nova regra permite que os planeswalker completem o efeito um do outro, uma liliana mata as criaturas pequenas, a outra a grande que sobrar, uma descarta recursos, a outra traz de volta, um gideon trava a ameaça grande e o outro controla as menores, um segura, o outro bate.
 
 
Lembrando que o Modern tem uma boa quantidade de cartas que interagem com cards lendários (valeu, Kamigawa), então temos algumas interações engraçadas para começar a explorar, como Shaku da Honra Desgastada e seu planeswalker gerando mana.
 
Legacy é bem parecido com o Modern para essa regra, com o a mais de ter mais interações bizarras com cartas lendárias.
 
Para o Commander, é onde espero mais abuso dessa mudanças. Poder jogar com Jace, Prodigio de Vryn como comandante e mais um exército de planeswalkers (aka Jace Beleren, Jace, o Escultor de Mentes e companhia), não me parece algo tão justo, ou quem sabe Quiteon, Heroi de Acros seja um bom líder para uma horda de Gideons e o emblema do Gideon das Provas. Se o formato não estiver muito rápido, caso do mesão, essa possibilidade de baralhos monocoloridos poderem ter acesso ao máximo de engines não é algo animador.

 

-

É bom como você vai aumentar as possibilidades de deckbuilding e evitar algumas situações ruins na partida, exemplo, comprar diferentes planeswalkers e não poder fazê-los, diminuindo draws mortos, que é uma das piores situações do jogo. Mas ao ganhar o supertipo lendário, podemos abrir uma janela não muito agradável de interações, e como disse, isso em formatos lentos, mas com pools grandes, como o Commander, pode ser bem ruim. 

 

Até mais!


Ruda

TAGS:  IxalanRegra

Rudá Andrade dos Reis (VIP STAFF Ruda)
Aficionado por decks azuis agressivos, mas que não dispensa um bom Siege Rhino nas horas vagas, está no Magic desde 2003, em Flagelo. Em 2012 começou escrever sobre Magic e não parou mais, sendo que em 2015 se tornou Editor da Ligamagic.
Redes Sociais: Facebook, Twitter

ARTIGOS RELACIONADOS

Novidades da Color Pie em Ixalan

Design da nova edição.


Decks da Semana #1 do CLM10: Ramunap Red

Standard: Ramunap Red, por Waner De Freitas Junior.


Sala de Comando - Review ixalan

Parte 1 - Multicolorido, Branco e Azul.


Laboratório de Commander

Ixalan através do Microscópio,


Construindo com Ixalan

Listas com a nova edição.

MTG Cards





Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.

irwind (31/08/2017 23:06:03)

E aí Rudá, o que acha da interação com isso aqui agora? kkkkkk




And_7552 (31/08/2017 20:53:47)

Eu gostei da abertura de possibilidades para deckbuilding... A estratégia super friends é muito mais viável e interessante de se explorar agora.

Eu não sei se vai dar muito bom ou muito ruim, sei que do ponto de vista de jogo me pareceu um ajuste interessante.

Unreal_Lord (31/08/2017 19:56:15)

Achei um lixo essa mudança, um chute no saco do flavor. Sem contar a chuva de decks de Pws que devem surgir, do tipo tribal Gideon. Sem comentários...

Mas é o que falaram aí, a Wizards manda e a gente obedece. Fim de papo.

Hollow (31/08/2017 10:30:14)

Essa eu acho que algum dia vai mudar, mas eu creio que não vai acontecer enquanto houverem tão poucos cards que causam dano direto aos PWs. Se fizessem isso hoje, o vermelho seria pesadamente nerfado e os PWs talvez ficassem OPs.

bashael (31/08/2017 09:34:01)

Ok, simplificaram as coisas (denovo)... que tal mudar/matar a regra do redirecionamento de dano tb?

The_Offspring (31/08/2017 02:17:47)

Esse heroes downfall de 4 é a cara do standard atual. Fraco.
Quanto a interação com lendas, ainda no standard, teve um discard de 2 manas que acabou de ficar pior! :v
Eu acho que o jace devia dar um emblema que permitisse vc ter 2 Jaces em campo e depois fazer as copias.
Mas essa regra tbm ajuda o gideon novo, né? Quem sabe agora vende?

rapha_seraph (31/08/2017 01:44:09)

Haha, eu tenho um Vish Kal com os 4 Sorins. A ideia era sempre ter um em jogo pelo flavor win, agora o deck fará sentido não só na minha cabeça!

Sim, sou hipster do tribal vampiro.

Hollow (30/08/2017 14:51:47)

Meu Purphoros sai um pouco favorecido com essa regra, já que eu uso 4 Chandras diferentes no deck. Claro que foi um caso à parte, mas me lembro de um dia que tava lascado no jogo por ter uma Chandra na mesa e as outras 3 na mão.

gbarbier (30/08/2017 14:32:11)

Não. Planeswalkers não são Criaturas.

Skywalker13 (30/08/2017 12:41:41)

Poderiam ter desenvolvido o Jace com uma ult sem precisar mudar a regra..o fizeram pq simplesmente quiseram e talvez tenham algum objetivo com isso. Espero que vc esteja certo, que foi um erro e que voltem atrás. O fato de todos os cards com sinergias e/ou habilidades relevantes voltadas pra cards lendários estarem sumindo das lojas e terem seus preços aumentados pode ser um indício de que "chova" decks baseados em pw em diversos formatos.
Pode ser tbm que o hate contra esse tipo de permanente apareça com frequência nas próximas coleções. Quem sabe uma "agulha medular" que atinja qualquer permanente lendária, ou uma "queda do herói" com custo menos específico. Já de cara nos spoilers temos uma instantânea que exila criatura ou pw....

Hollow (30/08/2017 09:49:12)

Se eu não entendi errado, é o seguinte: todos os walkers lançados anteriormente também são lendários agora, e eles passam a obedecer a regra das permanentes lendárias ao invés da antiga regra própria dos walkers. Ou seja...

Agora você pode ter uma Liliana do Véu e uma Liliana Vess na mesa simultaneamente, sem precisar sacrificar nenhuma das duas, já que a regra dos walkers que permitia apenas um walker do mesmo subtipo (no exemplo, seria "Liliana") foi extinta. No entanto, você não pode ter duas Lilianas do Véu na mesa, pois ambas são lendárias e têm o mesmo nome (a não ser que você tenha um Mirror Gallery em campo, mas enfim...).

guimmartins (30/08/2017 09:39:30)

não sei se entendi direito mas parece que os PW que sairam no passado vao ser considerados lendarios tbm.. ou seja, não vai ter como ter 2 lili na mesa.. mas ainda estou confuso com essa regra..

"A partir dessa coleção, todos os Planeswalkers do PASSADO, do presente e do futuro terão o supertipo lendário. Eles também estarão sujeitos à "regra das lendas". A "regra da singularidade dos Planeswalkers" está se despedindo. O que isso significa? Para resumir, tudo o que há de verdadeiro para as criaturas lendárias vai se aplicar aos Planeswalkers lendários"

Hollow (30/08/2017 09:09:41)

Captain Sisay ganha mais algumas ferramentas pro arsenal tool box dela.

The_Offspring (30/08/2017 03:01:26)

Mudaram a regra por causa desse Jace ridículo e agora o jogo vai ficar mais baseado em PW do que já era.
Não sei se terá impacto no T2, não sei quantos PW com mesmo tipo mas nomes diferentes existirão no formato, mas... A WotC quer, cabe ao povo aceitar, como sempre. Até lançarem nota voltando atrás, mas sem jamais admitir que erraram!

VIP STAFF Ruda (29/08/2017 23:14:16)

Não, eles não são criaturas.

Fabink (29/08/2017 20:43:35)

Isso significa que planeswalkers poderão ser comandantes agora?

rapha_seraph (29/08/2017 16:50:27)

Sim, só é relevante com os Gideons.

obferraz (29/08/2017 14:49:25)

Porque tem muito especulador burro, Mirror Gallery continua sendo ruim com a nova regra. Captain Sisay e Empress Galina já são cartas que fazem sentido terem aumentado de preço.

tattoowalker (29/08/2017 13:46:39)

karakas afeta apenas criaturas

Drakko3000 (29/08/2017 13:28:55)

Mirror Gallery aumentou de preço, por que será?

ShiroCtba (29/08/2017 13:11:15)

meu atraxa superfriends gozou.

Loras (29/08/2017 12:46:31)

Karakas, então, afeta os planes, certo?

tattoowalker (29/08/2017 11:33:37)

antes um oponente faziaum belerem so pra destruir um escultor do outro lado e agora isto.. teremos Que nos adaptar. no deck certo plsneswalkers Sao makinas de vantagens e Que ainda Sao responsaveis por assimilar bastante dano de decks agro. prevejo o arquetipo agro se enfraquecendo um pouco ja Que na build certa e sweeper e walker na mesa

Denfaceupp (29/08/2017 11:26:15)

Podem sim, pois se enquadram nas regras das lendas, da mesma forma que dois jogadores podem ter ao mesmo tempo uma Anafenza, A principal no campo de batalha!

Betin (29/08/2017 11:00:27)

um amigo joga de narset, e todos os jaces possíveis estão no deck.
antes ele tropeçava (vez ou outra pra deixar bem claro) por não poderem estar em campo juntos.
agora vai ser complicado tentar segurar o deck !!
mas vai ser bom também poder jogar com as nissas e garrucks do lado de cá.
modern tirando o preto, não sei se o impacto será tão grande !
claro que gideon agora poderá jogar com mais facilidade e dá até pra imaginar um mono W gideon !!

Mestrao (29/08/2017 10:33:44)

Nesse caso, eu tenho uma dúvida: dois jogadores diferentes podem controlar simultaneamente dois planeswalkers idênticos? Por exemplo, eu e meu oponente podemos ter ao mesmo tempo em campo de batalha um Vingador Ajani?

edutsubaza (29/08/2017 10:29:43)

O que isso significa? Significa que teremos mais hates de planeswalkers . Pois os mesmos são muito op. Imagina você curvar de Liliana, descarte, descarte, Liliana, Liliana, Liliana, Rídiculo de forte.

Participe de um dos maiores eventos de Magic: The Gathering da América Latina