Minhas Escolhas para o CLM 10
29/01/2018 10:00 / 3,773 visualizações / 12 comentários

 

Semana acabando, Janeiro também, isso me lembra que dia 3 e 4 de Fevereiro teremos o tão esperado CLM10. Para quem ainda não se classificou para o Modern, no dia 3(Sábado) às 10:30 da manhã começa o último Last Chance Qualifier no mesmo local onde ocorrerá todas as finais e PPTQ, para quem não sabe, o endereço é:

 

Centro de convenções Frei Caneca 
Rua Frei Caneca , 569 - Consolação - São Paulo

 

Como eu já falei nos meus artigos sobre preparação mental e de administração de tempo, a preparação para o torneio é crucial, não só precisamos ter um mindset para enfrentar a pressão de inúmeras rodadas do torneio como temos também que fazer a escolha mais importante de todo o campeonato: Qual deck utilizar. Independente de quão bom o piloto seja, a escolha “correta” ou “errada” pode definir o seu torneio mesmo antes de jogar.  Não estou dizendo que só é possível ir bem com “a boa” do formato, mas escolher um deck muito mal posicionado pode decidir seu torneio baseado nos pareamentos. Por isso venho aqui apresentar 3 decks Modern e 3 Legacy que eu cogitaria utilizar nas finais.

 

O primeiro deck do Legacy é o Dragon Stompy.

 

Dragon Stompy - Legacy
2018-01-27

Jogador

Bruno_Orelha

Visitas

3761

Código Fórum

[deck=791287]

 

Originalmente chamado de Dragon Stompy por realmente conter dragões, essa nova versão também é conhecida como Moon Stompy, Red Prison ou PERDEU SE EU RESOLVER MINHA MOON NO 1.


 - Vantagens:
 

O deck possui 8 Sol lands, e mais 8 acelerações não-terreno (4 Mox de Cromo e 4 Espirito-Guia Simio), tornando não só possível, como bem provável resolver uma Lua SangrentaMagus da Lua, Trinesfera ou Calice do Vacuo, no turno um. No passado esses arquétipos de Lua/Calice eram ruins por terem pouca ou nenhuma pressão, tornando o softlock de Lua Sangrenta contra decks com básicas ou Calice do Vacuo contra decks que não concentravam toda a curva nos drop 1 quase ineficaz, no entanto, agora com Ponte Traicoeira no maindeck obriga o seu oponente a ter respostas maindeck(e muitas vezes possíveis de serem conjuradas com Lua na mesa) para a ponte senão era impossível finalizar o primeiro game. As Chandra, Chama da Rebeldia dão ao deck uma nova abordagem, aceleração de mana, removal(algo bem difícil de encaixar num deck com Calice do Vacuo e Lua Sangrenta) e com um ultimate rápido que fará seu oponente que passou 2 ou 3 turnos sem fazer nada morrer bem rápido.

 

 - Desvantagens:


O deck é muito suscetível a descartes, counters, decks com base de mana com muitas básicas e combos muito rápidos. Muitas vezes um Pasmar ou uma Forca de Vontade na sua primeira jogada de impacto pode acabar com o jogo. O deck resolve mulligans muito mal, são tantas cartas de custo 3 ou mais, que uma boa parte das mãos 7 são incapazes de gerar explosão o suficiente para serem mantidas.


A minha segunda escolha seria o Sneak and Show.

 

Sneak and Show - Legacy
2018-01-27

Jogador

Bruno_Orelha

Visitas

3752

Código Fórum

[deck=791291]

 

Nenhuma novidade ou tech secreta aqui, apenas o velho e bom COLOCO MEU BIXÃO E VOCÊ QUE SE VIRE.

 

 - Vantagens:


Principalmente no primeiro jogo, poucos decks conseguem reagir aos bixos em jogo ou aos enablers, geralmente ele só consegue fazer um dos dois, quando consegue. O deck conta com 8 counters para se proteger durante counter wars ou até mesmo para anular um descarte ou planeswalker que iria roubar o jogo.

 

 - Desvantagens: 


Apesar de ser um combo de duas cartas o deck faz mulligans relativamente mal, mesmo com muitas cantrips, não é improvável jogar um game longo onde você cantripa para outra cantrip para outra cantrip que acha outra e nunca consegue encontrar as duas peças necessárias ou o combo e proteção. As Lua Sangrenta fazem um belo estrago contra Delver Decks e decks de Hymn to Tourach, infelizmente não é possível fazê-la no turno 1 sem se lockar(a menos que tenha uma básica já na mão) e se o deck demorar demais para combar via Mostrar e Contar, é possível morrer na volta, dependendo do que o adversário colocar pelo Mostrar e Contar, além de muitos decks, mesmo sem ter hates dedicados, serem difíceis devido ao monte de Agulha Medular, Containment Priest e Flusterstorm enfrentados.

 

A minha terceiraa escolha seria Grixis Delver:

 

Grixis Delver - Legacy
2018-01-27

Jogador

Bruno_Orelha

Visitas

3775

Código Fórum

[deck=791298]

 

Depois do banimento do Tampo de Adivinhação do Sensei, Grixis Delver se estabilizou como o melhor(ou pelo menos o mais consistente) deck do formato.

 

 - Vantagens:


Um dos decks mais proativos de todo o Legacy, o Grixis tem cartas que funcionam muito bem em diferentes situações, mesmo que você tenha que tomar posturas diferentes. Pasmar é maravilhoso quando você está com o plano agressivo para finalizar rápido, mas também não é morto contra os decks de Jace, o Escultor de Mentes e Mago da Conjuracao-relampago. Piromante Jovem pode criar uma barreira quase intransponível de bloqueadores ou criar um swarm que nenhuma carta um pra um responda bem. O que acredito ser o melhor motivo para escolher o Grixis é a dificuldade de outros decks contornarem as ameaças que este baralho consegue resolver:


Salvo Veredito Supremo e Terminus, nenhuma carta sozinha consegue lidar com todas as ameaças que você apresente, Piromante Jovem dá risada de Edito Diabolico, Xama do Ritual Mortfifero pode por fim no plano de Fogo Punidor do adversário, apesar de Investigador de Segredos ser bem suscetível à removals (morrendo até para Explosao de Chamas), é um ótimo agressor e sobrevive à Bagunca (Bagunca/Confusao) que alguns outros Delver decks utilizam, e claro o grande e majestoso Afogador de Gurmag, que não sofre nem um arranhão para Raio, Denegeracao Abrupta, Fogo Punidor e é fácilmente protegido de éditos (mesmo sem Piromante Jovem na mesa).

 

 - Desvantagens


Mesmo utilizando 4 cópias de Deathrite Shaman no maindeck o deck tem uma base de mana bem suscetível à Stifle e Wasteland, usando apenas 18 lands e 4 delas sendo incolores, não é impossível o deck perder para apenas uma Wasteland ou Waste+ Removal no Shaman. A matchup contra Death and Taxes, mesmo tendo melhorado nos últimos tempos, ainda é bem ruim, e por DnT ser um deck de 0 duals e ser bem barato para os padrões do formato, eu esperaria uma quantidade considerável na final, e claro, decks de Blood Moon, quando funcionam, destroem Delver Decks.

 

Para a Final Modern, minha primeira aposta é o EldraTron:

 

Eldrazi Tron - Legacy
2018-01-27

Jogador

Bruno_Orelha

Visitas

1692

Código Fórum

[deck=791302]

 

 - Vantagens: 


Um deck bem proativo, o plano de acelerar os Eldrazi já é no mínimo OK contra tudo, e o deck ainda tem a vantagem de ter Calice do Vacuo no maindeck, que pode criar uma "situação Lua Sangrenta", mas dessa vez para mágicas, e devido à curva “alta” do deck ele não sofre para 99% dos Cálices que faz. Outra vantagem é que, por ser totalmente incolor e não depender de ter Tron fechado para jogar, o Eldratron tem uma base de mana bem consistente e forte contra hates(onde o Green Tron sofreria para Mares em Expansao o Eldratron, muitas vezes, dá risada). O principal motivo pelo qual acho que este deck é uma boa escolha é pela habilidade de DESTRUIR controles e Midranges no Modern.

 

 - Desvantagens:
 

Apesar de ter um Mulligan melhor que a maioria dos decks considerados inconsistentes no formato, muitas mãos de 7 devem ser despachadas por não terem aceleração o suficiente ou nada para fazer antes do turno 4. O deck sofre muito para Valakut, provavelmente sendo a pior match up, contando todos os decks do formato, depois de Ad Nauseam. O deck é incolor, isso adiciona muita consistência para base de mana, no entanto, o problema disso é que seu side não terá as melhores cartas contra suas matchu ps ruins. Claro, o Grave Hate é o melhor possível com Jaula do Escavador de Tumulos e Reliquia de Progenitus, no entanto, muitas vezes terá apenas Bomba de Catraca para lidar com alguns encantamentos problemáticos ou criaturas de custo médio, e isso nem sempre é rápido o suficiente.

 

Minha segunda indicação é o Lantern Control:

 

Lantern Control - Legacy
2018-01-27

Jogador

Bruno_Orelha

Visitas

3787

Código Fórum

[deck=791306]

 

O bom e “velho” Lantern, agora com uma nova carta na manga.

 

 - Vantagens:

 

Muitos arquétipos do Modern são escolhidos por terem free wins (Storm, Ad Nauseam, Dredge), e muitas vezes essa Free Win é considerada fácil pela velocidade do deck, no caso do Lantern é diferente, ele tem free wins contra basicamente dois tipos de deck: Decks que precisam da fase de combate para finalizar o jogo, os quais você trava com a Ponte Traicoeira, e decks que precisam de cartas muito específicas para ganhar (Metralha, para o Storm, ou Tempestade Relampejante para o Ad Nauseam). É só segurar o jogo com Lanterna de Introvisao e Triturador de Codices/ Pyxis do Pandemonio e correr para o abraço A maior adição para o deck foi o Zumbido da Invencao, não só ter sete cópias virtuais de Ponte contra Aggros, como também ter 5 cópias da Jaula e da Orbe Espanta-Bruxa, no maindeck, e claro, conseguir encaixar um Triturador de Codices ou Lanterna, mesmo com Cálice para 1 na mesa.

 

 - Desvantagens:
 

A maior desvantagem do deck não é exatamente ter muitas partidas ruins no field, e sim pelo fato do ser tão absurdamente complexo de jogar, todos os turnos devem ser premeditados corretamente ou podem gerar uma loss numa partida ganha, conhecer diversas situações contra todos os decks do formato e saber como agir de maneira mais proveitosa pode ser bem complicado, além do fato de ser um deck que precisa estabelecer o lock rápido na maioria das vezes, uma ponte turno 7 pode ser tarde demais, ou um Triturador de Codices um turno atrasado resulta na compra da carta que ganha o jogo. No passado, o deck era bem Rogue e poucos sabiam como jogar contra, o que as cartas do deck faziam e o que ele faz post board, agora que muitos prós andam utilizando o Lantern isso já não é mais segredo nenhum e é um deck que sofre demais para hate dedicado e acaba tomando hate incidente que era para Affinity.


Minha última, mas não menos importante, escolha é o Dredge!!!

 

Dredge - Modern
2018-01-27

Jogador

Bruno_Orelha

Visitas

3757

Código Fórum

[deck=791315]

 

O deck que joga a menor quantidade de Magic possível durante uma partida.
 

 - Vantagens:


Quem leu o artigo do Sandoiche sobre o Road to CLM e os decks que classificaram para a final, viu que os 3 decks mais jogados foram, em ordem decrescente: Eldrazi Tron, RG Valakut e Jeskai. Dentre esses 3 arquétipos, o Dredge tem match up muito favorável contra Eldratron e Jeskai e, apesar de não ser tão favorável, com uma abertura muito boa pode roubar alguns games contra o RG. Levar // Desespero e Arvoredo Resguardado foram as últimas adições ao deck, permitindo um começo extremamente explosivo ou disruptivo, e um late game bem grind com Vida da Marga, Cycle Land e Conflagrar.

 

Outra grande vantagem do deck é ser consistente e rápido o suficiente para bater de frente com os aggros, e devido à grande recursão de criaturas e mágicas (Vida da Marga aumentando a potência de Conflagrar e voltando terrenos para desencadear as cópias de Terror Sanguinario, que voltando traz mais cópia de Amalgama Cobicado), ele também tem partida favorável contra a maioria dos controles do formato.

 

 - Desvantagens:
 

O deck é totalmente baseado em cemitério, isso quer dizer que decks que contenham muitos hates ou bons hates ( múltiplas Reliquia de Progenitus ou Jaula do Escavador de Tumulos, ou mesmo aquele 1 of de Descanse em Paz que saiu na mão inicial) podem atrasar o deck o suficiente para que o plano do jogador com o hate seja executado e consequentemente o Dredge perca a partida. E o deck tem uma certa dificuldade em ganhar jogos onde é necessário jogar fair.

 

 

O CLM está chegando, esteja preparado para o sucesso que ele com certeza virá!

 

 

Lembrando que essas são as indicações baseadas no que imagino que tenha no field da final ignorando afinidade com decks (como a que eu tenho pelo Death and Taxes, no Legacy), ainda podemos nos surpreender. E você, o que acha que vai ser a boa nas finais?

 

 


Bruno Ramalho ( Bruno_Orelha)
Aficionado por Legacy, sempre que pode joga com decks que matam com terrenos e não dispensa uma ativação de Vial no passe.
Redes Sociais: Facebook
LigaMagic App

ARTIGOS RELACIONADOS

O Submundo do Modern - Enduring Renewal Combo

A morte é apenas uma oportunidade!


Na Grande Final do CLM11: Mardu

Modern: Mardu, de Guilherme Z. Soriano


Por Dentro do Elfos!

A ameaça silenciosa do Modern.


O Futuro é Sombrio

Depths no meta atual.


O Submundo do Modern - Legendary Aggro

"It's gonna be legen... Wait for it... Dary!"





Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.

Bruno_Orelha (01/02/2018 16:21:02)

Miracles ainda é bem forte, só que ele não tem mais o botão "ooops, i win" de countertop depois de Terminus e nem como ficar enrolando com Terminus no topo, a versão atual é muito complexa de jogar e sofre bastante para Pyroblast(que não era tão forte na época do countertop), acredito que alguns jgoadores desistam do UWx Miracles pela dificuldade/resultado que o deck oferece.

erico_furlan (30/01/2018 13:02:51)

Gosto mais do mono red sneak do que do dragon kkkkk o meta ta bem definido mas acho q o miracles vem forte no legacy

tattoowalker (30/01/2018 10:29:33)

o menu ta bonito. so deck monstro.

kuung (29/01/2018 19:18:14)

Nah, não acho que seja tão bom assim, qualquer jogador de valakut, mediano que seja, sabe que game 2 tem a probabilidade de se tomar gq e surgical, e não vai expor seu querido valakut no turno 1, 2 ou qualquer que seja, vai provavelmente buscar via titan ou scapeshift, a unica mp que surgical é realmente bom é dredge, sei la, não me agrada

Bruno_Orelha (29/01/2018 17:25:20)

O lance é que ele estava falando em Surgical no Eldratron, e d efato a surgical é a pior(ou "menos melhor") carta do side.

Kram (29/01/2018 16:58:06)

Surgical é o card mais coringa para side na minha opinião. Ainda mais quando se joga com algum descarte e ou quebra lands.

VIP OURO [sm]_Frejat (29/01/2018 15:24:00)

Porque o clm não ganha do carnaval.

Miguelitooo (29/01/2018 15:02:03)

até agora não entendi o por quê da final da liga não ter sido escolhida para ser realizada depois do pagamento da galera... não poderia ser dia 10 e 11 de fevereiro??... tinha que ser 03 e 04...

Bruno_Orelha (29/01/2018 13:17:38)

Thespian's Stage based decks tem feito bastante resultado la fora, principalmente pq bg depths é bem bom cotnra Lands que tem surgido de montes, no entanto aqui no Brasil muita gente joga com os decks que já tinha antes de mudança do field então é possível enfrentar muitos Eldrazi, MUD, UR Delver e até Belchers,que são matchups bem complicadas para o BG. Não acho que o deck seja uma escolha ruim, só que devido ao nosso field também não é a boa.

Bruno_Orelha (29/01/2018 13:14:52)

A surgical é a carta do side que menos gosto, só deixo ela porque é a única maneira de ganhar de valakut(quarter no Valakut+ Surgical) sem contar mãos que ganhariam de qualquer deck na face da terra.

Ganon000 (29/01/2018 11:27:43)

BG depths tem feito muito resultado nos champs da SCG... será que no brazuca ele vê jogo?

kuung (29/01/2018 10:58:50)

Eu tenho testado a surgical extration no side do eldratron e ela é a carta que menos uso no SB, você está pensando em quem quando adicionou ela ao SB?