O novo Jund e como combatê-lo
O Hall of Famer escolheu o Jund, vamos entender o porque
Há 11 dias - 11.852 visualizações - 15 comentários

Pinky: O que vamos fazer hoje a noite, Willy Edel?
Willy: O mesmo que fazemos todas as noites, Pinky. Tentar JUNDAR todo mundo!

 

 

 

 

No último dia 14, Willy Edel(Hall of Famer, mestre do Jund e hater número 1 de Valakut) ganhou o Modern Challenge do Magic Online com sua nova lista de Jund e afirma que se o Pro Tour Charlotte não tivesse sido adiado, ele com certeza o ganharia. Vamos nos adentrar mais nesta lista maravilhosa?

 


Jundão 2020
7903 visualizações
17/03/2020
R$ 4.587,53
R$ 6.217,57
R$ 10.955,87
7903 visualizações
17/03/2020
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Criaturas (11)
3  Croxa, Titã da Fome da Morte  74,90
4  Tarmogoyf  159,90
4  Elfo Tranças-de-Sangue   4,00
Planeswalkers (7)
3  Wrenn e Seis  224,96
4  Liliana do Véu   216,76
Mágicas (17)
2  Capturar Pensamento 110,85
2  Empurrão Fatal 12,00
4  Inquisição de Kozilek 8,94
4  Raio 7,95
2  Troféu do Assassino  63,41
2  Comando de Kolaghan   54,90
1  Pulsar do Maelstrom   12,00
Terrenos (25)
4  Catacumbas Verdejantes179,75
2  Charneca Estéril0,15
1  Contraforte Arborizado68,90
1  Cripta de Sangue40,76
1  Floresta0,00
3  Lamaçal Ensangüentado69,90
1  Montanha0,00
2  Pântano0,00
4  Penhascos de Fenda Negra70,00
2  Ravina Enfurecida4,90
1  Solo Pisoteado31,01
2  Tumba Abandonada31,91
1  Turfeira Nutriz41,84
60 cards total

Sideboard (15)
2  Magibomba Niilista 1,00
2  Brutalidade Coletiva  42,90
2  Ashiok, Dissolvedor de Sonhos   9,50
2  Fúria dos Deuses   4,95
3  Pilhagem   0,04
1  Sufocar  4,23
2  Ferver  0,75
1  Mestre de Caça da Derrubada   15,75

 

Para quem não conhece, Jund é um deck Preto, Verde e Vermelho, com nome baseado no Fragmento de Alara. Desde sua criação, Jundar quer dizer dizimar o oponente com descartes, vários 2 pra 1 e cartas individualmente poderosas. JUND NÃO PRECISA DE SINERGIA, JUND DERROTA SINERGIA!


O deck ganhou muita força depois do unban de Elfo Trancas-de-Sangue e agora com Croxa, Tita da Fome da Morte.


 

Em tradução livre, o que Willy escreveu na imagem foi:

 

● Apesar de gostar do meu maindeck, eu acredito que o split correto de descartes seja 3-3 entre Inquisicao de Kozilek e Capturar Pensamento.
● Com tantos Veu do Verao, estou gostando cada vez mais de 4 Raio e 2 Empurrao Fatal.
● Estou bem feliz com a base de mana. Tenha em mente que é um deck BR com splash para Tarmogoyf, Wrenn e Seis e Elfo Trancas-de-Sangue.
Denegeracao Abrupta está péssimo agora. Trofeu do Assassino é o que você quer no formato. Estou pensando em jogar com o 3º no lugar de um Pulsar do Maelstrom , e eu NUNCA joguei sem pelo menos um Pulsar nas 75, nunca.
● Infelizmente o PT Charlotte foi adiado, eu ganharia dele.
● Gostei do Sideboard, Ferver provavelmente é melhor que Choke.
● Senti falta de mais uma carta contra Burn.
● Nunca usei as Furia dos Deuses.
Pilhagem é muito melhor que Mago Fulminador.

 

"Fiz 7-2 no suíço. Uma das derrotas foi contra Tron e outra contra Infect. Ganhei de Burn 2x, Infect 2x, Amulet 2x e Urza."


"Kroxa é o melhor deck de Gigante no Modern(Edição do Orelha: NUNCA SERÁ)"

 

Depois de ganhar Wrenn e Seis  em Horizon Jund nunca realmente desapareceu do formato, mas também não podia ser considerado o melhor deck. O que Willy fez para melhorar tanto o deck?


A resposta pode ser mais cruel do que qualquer Jundeiro aguentaria: Willy adicionou Sinergia!


Com Kroxa o deck não ganhou apenas um disrupt a mais ou uma kill condition que mata BEEM rápido, ele ganhou uma spell de apoio entre os turnos 2 e 4, que eram os cruciais, principalmente nos jogos em que o Jund não abria de descarte.


Agora com o Titã o baralho ganha muita força no plano de Liliana, que estava defasado num formato tão rápido, e que agora é um plano real, pois descarte no 1, Kroxa no 2 e Liliana no 3 limpa a mão de 9 entre 10 brasileiros.

 

O deck deixou de ser apenas um baralho com cartas poderosas individualmente, e começou a usar a sinergia entre as cartas para complementar sem plano de jogo.

 

É claro que a mudança de Edel teria um custo, veremos o que essa lista traz de vantagens e de desvantagens.

 

● VANTAGENS: 


Agora o deck opera muito melhor com a base BR, e como não tem Lodo Necrófago não é necessário ter múltiplas fontes verdes, diminuindo o dano tomado por fetches e shocks a partir do terceiro turno.


Com tantos descartes o deck pode keepar uma mão mais genérica contra praticamente tudo que os disrupts atrasam o oponente o suficiente.


O Late game melhora bastante graças aos 3 Titãs, que são facilmente conjuráveis no fim do jogo e dão 3~9 de dano por turno devido à probabilidade do adversário estar hellbent.(Caso você não tenha entendido o Kroxa, ele te dá 3 de dano se você descartar um Terreno ou não descartar nada. Se descartar criaturas ou não-criaturas que não sejam terreno você não toma nada).


Agora o deck tem mais uma carta na lacuna de “ganha sozinha”. W6, Liliana e agora o Kroxa, cada um funcionando para uma matchup diferentes, maximizando a % de vitória contra um field diverso.

 


DESVANTAGENS:


Sem Ooze o deck perde muitos pontos contra baralhos agressivos e os baseados em cemitério. Onde antes seu late game poderia ser baseado em fazer um Ooze gigantesco e te tirar do range de burns e chump attacks, agora te obriga a obliterar os recursos adversários no começo da partida pois no late não há uma maneira de capitalizar nas criaturas já derrotadas.


Por ser base BR, o baralho funciona pior com a Floresta básica em campo, atrapalhando a curva quando ela vem no começo do jogo sem ter sido buscada.


O sideboard está bem focado para os melhores decks do formato, o que é bom, no entanto, em terras brasileiras provavelmente seria necessário respeitar mais decks como Burn/Prowess, Dredge e outras partidas agressivas, que ficam piores sem Plague Engineer.


Por melhores que seus descartes sejam, eles não tiram o topo do deck. Se há alguma possibilidade do oponente ganhar o jogo comprando uma ou algumas cartas perfeitas, não há muito que esse deck possa fazer.

 


As desvantagens não querem dizer necessariamente que o deck é ruim, longe disso, apenas que tem algumas falhas se você quiser copiar a lista e ir jogar diretamente na lojinha, que é o que muita gente faz.

 

“Orelha, tem muito Jund aqui na minha cidade, o que faço pra ganhar dessa molecada?”

 

Nem todo deck consegue ser igual o Valakut, sem falhas, perfeito(Brinks). O Jund do Willy também sofre um pouco para alguns arquétipos, vejamos quais são:

 

Burn
7912 visualizações
17/03/2020
R$ 1.864,65
R$ 2.812,89
R$ 7.002,40
7912 visualizações
17/03/2020
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Criaturas (12)
4  Guia Goblin 49,99
4  Eidolon da Grande Festança  33,90
4  Mentor do Monastério  93,99
Mágicas (28)
4  Espículo de Lava 9,90
4  Raio 7,95
4  Amuleto Boros  7,49
4  Hélice de Raios  1,75
4  Labareda Cauterizante  5,36
1  Quebra-crânio  3,15
3  Alfinetada nos Críticos  1,50
4  Raio da Fenda  1,00
Terrenos (20)
3  Contraforte Arborizado68,90
4  Desfiladeiro Calcinado pelo Sol49,50
2  Fundição Sagrada32,90
1  Ilhota Ardente42,60
3  Meseta Árida109,90
3  Montanha0,00
4  Vantagem Inspiradora13,90
60 cards total

Sideboard (15)
3  Caminho para o Exílio 14,90
3  Andarilho do Fogo Kor  0,45
3  Descanse em Paz  18,00
1  Palma Defletora  3,28
3  Quebra-crânio  3,15
2  Reduzir a Cacos  0,25

 

O bom e velho Burn.


Mono Red Prowess tem se dado melhor no metagame devido ao seu poder explosivo, no entanto, com a grande quantidade de removals do Jund, o Prowess sofre muito, enquanto o Burn, por depender menos das criaturas e ter um topdeck médio idêntico, pune os jundeiros que não terminam a partida muito agressivamente.


Um grande diferencial do Burn convencional é o splash para branco, permitindo Caminho para o Exilio e Descanse em Paz, que fazem exatamente o que é o ideal contra Jund: retiram a pressão.


Sem Ooze fica bem mais difícil matar um Guide, descartar um Eidolon e fazer um bixo 4/4 que te ganha 2 de vida(ou mais se algum burn for direcionado a ele).


Como o Jund tem menos lifegain agora, o Burn não precisa ficar com Skullcrack aberto indefinidamente, e ser mais agressivo com os Skulls.

 


Eldratron
7886 visualizações
17/03/2020
R$ 1.915,68
R$ 2.912,72
R$ 5.504,77
7886 visualizações
17/03/2020
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Criaturas (16)
3  Balista Ambulante  76,46
4  Remoldador da Matéria  4,00
4  Vidente do Nó do Pensamento  28,50
4  Arrebentador da Realidade  8,10
1  Findador  0,60
Planeswalkers (6)
4  Karn, o Grande Criador 39,70
2  Ugin, o Inefável 11,50
Mágicas (5)
2  Lamento Distorcedor  0,25
2  Desmembrar   4,90
1  Tudo é Poeira 29,99
Artefatos (9)
4  Mapa da Expedição 17,90
4  Cálice do Vácuo  137,91
1  Pedra da Mente 0,84
Terrenos (24)
1  Campo da Ruína1,99
1  Caverna das Almas199,49
1  Confim Tectônico1,75
1  Ermo0,86
4  Mina de Urza3,00
1  Quarteirão Fantasma1,89
4  Templo dos Eldrazi21,00
1  Território dos Necrófagos5,99
4  Torre de Urza6,71
4  Usina de Urza5,94
2  Zona de Explosão20,00
60 cards total

Sideboard (15)
1  Cripta de Tormod 2,89
2  Jaula do Escavador de Túmulos 6,00
1  Balista Ambulante  76,46
2  Contorção Espacial  0,09
2  Luneta Enfeitiçada 1,46
1  Orbe Tórpida 10,47
1  Revestimento Liquometálico 2,00
1  Ponte Traicoeira 103,41
1  Forja Mística 9,00
1  Orbe Espanta-Bruxa 2,99
1  Soberana Celeste, Capitânia do Cônsul 1,25
1  Máquina a Vorme Espiralado 54,99

 

O lançamento dos Eldrazis de 2016 foi um dos motivos que deixaram o Jund tão esquecido.


A maneira que os monstros espaguete e com pés de galinha batem de frente com o jundão é “roubando” na mana com as peças de tron, e quando não é possível fazer 1+1+1=7 no terceiro turno, temos o Templo dos Eldrazi, que pode fazer um Vidente do No do Pensamento turno 2 se você tiver sorte.


Apesar dos Eldrazis não serem muito maiores que um Goyf normal(4/5) a vantagem de corpo aqui está em serem quase todos imunes à Raio e obrigarem os Fatal Push a terem revolt. E mesmo com 2 Bolts na mão ou um Push “revoltado”, um Arrebentador da Realidade  dá risada do Empurrão e faz com que os 2 raios sejam 4 pra 1 invés de 2 pra 1. Isso tudo se não tiver um Calice do Vacuo para um em campo.


Além de todos esses problemas, ainda tem 6 Planeswalkers que são dificílimos de remover para o Jund, que geram card advantage e garantem uma boa quantidade de alvos tutoráveis no sideboard. 


Não é a pior matchup do mundo para o Jund, mas também não é um passeio. Um draw ruim para o BGx ou 1 bom para o Colorless e a partida pode sair do alcance.

 

Grixis Death's Shadow
7892 visualizações
17/03/2020
R$ 3.002,54
R$ 4.419,98
R$ 13.807,63
7892 visualizações
17/03/2020
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Criaturas (15)
4  Sombra da Morte 41,00
3  Mago da Conjuração-relâmpago  152,00
4  Aparição de Estrada   7,98
4  Pescador Grumag  0,89
Planeswalkers (1)
1  Os Herdeiros Reais   26,99
Mágicas (23)
4  Capturar Pensamento 110,85
3  Empurrão Fatal 12,00
2  Inquisição de Kozilek 8,94
4  Negação Persistente 1,70
4  Purgar Pensamento 0,45
1  Afogar no Lago  2,98
2  Fúria de Batalha Temur  1,49
1  Comando de Kolaghan   54,90
2  Desmembrar   4,90
Artefatos (4)
4  Bijuteria de Mishra 26,78
Terrenos (17)
1  Bueiros de Vapor44,90
2  Cripta de Sangue40,76
4  Delta Poluído69,00
1  Ilha0,00
2  Lago Alpino Fervente188,00
4  Lamaçal Ensangüentado69,90
1  Pântano0,00
2  Túmulo Aquático43,90
60 cards total

Sideboard (15)
1  Extração Cirúrgica 54,00
1  Abrasão  4,46
1  Afogar no Lago  2,98
2  Brutalidade Coletiva  42,90
1  Esfera Amortecedora 6,99
2  Golpe Desdenhoso  0,05
1  Ashiok, Dissolvedor de Sonhos   9,50
1  Comando de Kolaghan   54,90
1  Disputa Mística  7,75
2  Engenheiro da Pestilência  21,20
1  Fúria dos Deuses   4,95
1  Liliana do Véu   216,76

 

A febre de 2017, o Grixis Shadow perdeu popularidade para o 4C em tempos recentes, mas o banimento de Once Upon a Time pode mudar isso.


Em muitos aspectos o G. Shadow é um Jund com azul.


Onde o Jund usa verde majoritariamente por causa de Goyfs, o Shadow usa bixos gigantescos por apenas uma mana(Sombra da Morte e Pescador Grumag por causa do Esquadrinhar), o Shadow é mais eficiente que o Jund no quesito fechar a partida.


Os dois contam com, basicamente, a mesma quantidade de disrupt e de removals, a diferença é que os removals do Shadow matam todas as criaturas do Jund mas o contrário não é verdade, grande vantagem aqui.


As Negacao Persistente funcionam muito bem em diferentes situações de jogo: Você pode começar fazendo land e passando, se vier um descarte do outro lado você anula ele e volta com o seu. Pega Liliana do Veu na curva além de claro, ser um Negar de uma mana quando você tiver uma criatura em campo.


O Shadow provavelmente não volta para o jogo uma vez que a Liliana chega a 4 ou mais marcadores e não há criaturas do outro lado, mas em muitas outras situações a Sombra da Morte terá vantagens, além de ter Snapcasters para ajudar a contornar os éditos e servir como cópia adicional de qualquer carta que seja relevante na partida.

 

O Jundão voltou com força(e como sempre, destruindo nossos bolsos), é importante se preparar, porque a lista nova é muito boa e consistente, não vai ser fácil bater de frente com esse Titã.


Se aparecer muitos desse deck na sua loja, vá para o próximo torneio com 4 Dodecapode, Soberano de Folha Seca, Baloth Obstinado e Golpeador Loxodonte junto de um potinho, para recolher as lágrimas dos jundeiros.


Até semana que vem amiguinhos!

Bruno Ramalho ( Bruno_Orelha)
Aficionado por Legacy, sempre que pode joga com decks que matam com terrenos e não dispensa uma ativação de Vial no passe.
Redes Sociais: Facebook
Comentários
Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 31/03/2020 15:37

A carta entrou lindamente nesses decks, e o Mardu usa o kroxa melhor ainda.


Gosto disso tbm. Quero cartas fortes nvoas constantemente, mas não precisam todas ser Oko. Carta de powerlevel alto mas com restrições, é disso que o povo gosta.


O kroxa faz toda diferença no pack de disrupt do deck. Exilar cemitério nunca fez diferença alguma pro tarmogoyf, é raríssimo um kroxa voltar do grave e diminuir um goyf em um jogo onde o oponente não interagiu com nenhum cemitério,
além do fato de ser um inferno titan no late game, desvirou com kroxa ganhou.

(Quote)
- 29/03/2020 11:29
Mas o Croxa vai na contramão do Goyf pagar 2 manas pra dar 1 descarte e depois nerfar os goyfs pra trazer de volta 1 criatura... N sei, jogo de Jund há algum tempo mas n sei se compensa 1 slot sonpra preencher a curva do turno 2.
(Quote)
- 26/03/2020 18:09
Grande orelha!

É bom quando uma carta nova acrescenta no meta ao invés de quebrá-lo. Jund é um deck bem legal e acredito que outros decks baseados em descarte (como mardu ou rakdos) poderiam fazer bom uso do Croxa. Bom artigo!
(Quote)
- 25/03/2020 22:28
Literalmente essa croxa faz toda a diferença,eu jogo de mardu com 2 croxa e é de se impressionar o pump que ela deu para o deck.
(Quote)
- 25/03/2020 02:00
O Burn o card de criatura monastério está errado, é para ser o lanca veloz
Últimos artigos de Bruno Ramalho
Aprendendo com o passado
O passado pode ser tão importante quanto o presente. A história de como o Magic funciona te ajuda a entender como solucioná-lo
4.466 views
Aprendendo com o passado
O passado pode ser tão importante quanto o presente. A história de como o Magic funciona te ajuda a entender como solucioná-lo
4.466 views
Há 4 dias — Por Bruno Ramalho
Surpreendendo no Modern
Não é preciso ter um Tier 1 para jogar o Modern. O Orelha te indica vários decks diferentes para surpreender.
10.110 views
Surpreendendo no Modern
Não é preciso ter um Tier 1 para jogar o Modern. O Orelha te indica vários decks diferentes para surpreender.
10.110 views
Há 18 dias — Por Bruno Ramalho
O preço de uma jogada
Jogada certa, jogada errada, tudo depende da situação, e tudo tem seu preço..
5.744 views
O preço de uma jogada
Jogada certa, jogada errada, tudo depende da situação, e tudo tem seu preço..
5.744 views
Há 25 dias — Por Bruno Ramalho
Minhas escolhas para o GP
Em um formato onde dezenas de decks são viáveis e o field é diferente do gringo, Orelha deixa suas opções para o GP
9.156 views
Minhas escolhas para o GP
Em um formato onde dezenas de decks são viáveis e o field é diferente do gringo, Orelha deixa suas opções para o GP
9.156 views
03/03/2020 10:05 — Por Bruno Ramalho
Com que Deck jogar
Escolher o deck é uma arte complexa, entenda as maneiras de facilitar tal decisão
7.630 views
Com que Deck jogar
Escolher o deck é uma arte complexa, entenda as maneiras de facilitar tal decisão
7.630 views
25/02/2020 10:05 — Por Bruno Ramalho