Load or Cast
RG Tier 1 no Pioneer?
Gruul midrange no Pioneer
23/10/2020 10:05 - 9.167 visualizações - 29 comentários
Load or Cast

Fala aí pessoal, tudo bem com vocês?

 

Voltamos com mais um artigo aqui de Pioneer e sua melhor escolha!

 

Vamos primeiro falar sobre como está o formato:

 

Com a chegada de Omnath, Locus da Criacao tivemos uma onda de decks baseados na carta, sendo que todos saíram com bom rendimento. No entanto, pela variedade do formato, em três semanas o ambiente já absorveu esses novos decks e chegamos ao meta atual - Estamos atualmente com os seguintes destaques: Mono black aggro, Orzhov Auras, Niv to Light, Lotus Combo, UBG Espião de Balaustrada, Burn e Four Color Omnath. No meu ponto de vista, esses são os decks mais fortes do formato, e aconselho essas opções se você quer uma escolha mais segura.

 

Tendo essa análise em vista, resolvi testar um deck fora desse quadro para tentar trazer uma boa opção e, depois de muitos testes cheguei ao deck do artigo.


O deck de hoje é o Grull Midrange. Passei alguns dias jogando e peguei muitos Niv, Lotus e variações do Omnath, e além de pensar em jogos contra os que citei eu queria um deck que fosse razoável contra os aggros. O deck é interessante, roda muito bem contra os midrange e controles, além de uma boa desenvoltura contra todos os decks.


Nessa estratégia é necessário impor um ritmo de jogo nos primeiros três turnos com uma mão forte, então a ideia é sempre fazer mana Elfo. Você precisa sempre fazer ações no turno um e/ou dois, preste muita atenção nas mãos iniciais (muligue sem medo, já fiz muligan a quatro e ganhei o jogo rapidamente) acho que esse é o grande detalhe desse deck, você precisa sempre analisar se a mão é rápida o suficiente para desenvolver um bom jogo. Foram raros os jogos que comecei fazendo mágicas somente no turno três e ganhei.


Se fosse destacar uma carta seria Comando de Atarka, é um ótimo finalizador de jogo e roda muito bem em conjunto com Goblin Lider da Plebe  e Chefe-de-guerra da Legiao. Ainda sim, contra alguns decks eu prefiro diminuir ou até cortar os comandos, já que eles ajudam mais quando você está na frente.

 

Grull Midrange
6225 visualizações
18/10/2020
R$ 666,69
R$ 1.140,96
R$ 3.376,10
6225 visualizações
18/10/2020
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Criaturas (33)
4  Elfos de Llanowar 0,10
4  Místico Élfico 0,75
4  Emissário da Árvore Flamejante  1,80
3  Gália da Dança Infinita  0,89
4  Chefe-de-guerra da Legião  8,78
4  Gigante Esmaga-ossos // Pisar  6,50
4  Goblin Líder da Plebe  17,40
2  Guerrilheiro Imprudente  0,96
2  Fera das Demandas   49,00
2  Portador da Glória   5,00
Mágicas (4)
4  Comando de Atarka  12,00
Artefatos (2)
2  Brasolâmina   34,11
Terrenos (21)
6  Floresta0,00
6  Montanha0,00
1  Penhasco do Raizame10,00
4  Solo Pisoteado29,21
4  Trilha da Coroa de Penedos21,83
60 cards total

Sideboard (15)
2  Embate com Barretes Vermelhos 0,10
2  Esguicho de Magma 0,03
3  Saraivada Despedaçadora 0,08
2  Lodo Necrófago  6,21
4  Orgia Destrutiva  0,37
2  Chandra, Chama da Rebeldia   34,00
  

 

Vamos falar como o deck roda contra as principais estratégias e comentar sobre o sideboard.

 

Niv to Light: Aqui temos aquele que têm grande constância e está apresentando bons resultados. Certamente é o deck mais completo, com várias cartas diferenciadas, mas é um game até que razoável para o RG, onde você começando com mãos rápidas, tira o tempo do niv fazer seu jogo, chegando ao turno quarto para o cinco e seu oponente está praticamente morto, de todos que peguei eu perdi somente um jogo. Não tenha medo de ser agressivo, sempre deixe uma boa volta para curva cinco do seu oponente caso ele venha com algum tipo de remoção global.

 

Side In: 2 Chandra, Chama da Rebeldia, 2 Lodo Necrofago;

 

Side Out: 4 Gigante Esmaga-ossos // Pisar;

 

Gw Auras: É o nosso pior game, sem dúvidas, é aquele jogo praticamente impossível de ganhar, onde você pode vir com mãos boas e mesmo assim não vai ser nada fácil, isso se deve ao fato de você não ter remoções e as criaturas do seu oponente vão crescer e ganhar algumas habilidades devido aos encantamentos anexados a ela, mesmo com side fica complicado ter algo efetivo. Orgia Destrutiva ajuda em alguns jogos criando oportunidade de vitória, foi somente assim que consegui ganhar algumas vezes.

 

Side In: 4 Orgia Destrutiva, 2 Esguicho de Magma , 3 Saraivada Despedacadora;

 

Side Out: 2 Guerrilheiro Imprudente, 4 Comando de Atarka, 3 Chefe-de-guerra da Legiao;

 

Mono black Aggro: Esse jogo é muito equilibrado, um dos mais gostosos de jogar, onde o game se desenvolve para os dois lados criando oportunidades semelhantes e consequentemente ganhando quem faz as melhores escolhas, trocas e com as melhores draws. Sempre que pego esse game me divirto bastante. A ideia aqui é uma disputa de quem agride mais rápido, você tem a vantagem de ter o início mais forte, porém seu oponente tem um bom equilíbrio de remoções e criaturas que podem atrapalhar seu jogo e não dar tempo de você voltar ao mesmo. Com side, seu pior pesadelo é Kalitas, Traidor de Ghet que quando entra em jogo é muito difícil ser removido, principalmente se o jogo estiver equilibrado.

 

Side In: 2 Chandra, Chama da Rebeldia, 2 Esguicho de Magma, 2 Lodo Necrofago;


Side Out: 4 Comando de Atarka, 2 Guerrilheiro Imprudente;


Four Color Omnath: Com uma das cartas mais fortes do momento, tanto que veio de bans há alguns dias, não pode deixar de aparecer no Pioneer. Esse deck é um midrange muito forte e tem um conjunto forte de boas cartas. Ainda acho que falta uma lista X, onde Omnath vai jogar mais do que joga atualmente. Talvez com a chegada de uma nova edição ou alguém criando uma lista mais elaborada. No entanto para o RG é um game muito favorável, onde ele tem poucas formas de segurar seu Rush e quando começar a fazer seu jogo já tarde demais, peguei diversos nas duas semanas que joguei de RG e se perdi um jogo nem lembro de tão fácil que era o game.

 

Side In: 2 Chandra, Chama da Rebeldia;

 

Side Out: 2 Guerrilheiro Imprudente;

 


Gostaria de deixar claro que não acho o RG tier 1, porém o deck não é ruim e bate de frente com decks tier 1. Considero uma boa opção se você vai jogar um torneio onde você percebe um field mais midrange ou controle.

 

Espero que tenham apreciado a ideia qualquer dúvida, críticas ou dicas podem deixar nos comentários que responderei o mais rápido possível.

 

Bom jogo!

Daniel Sant Anna ( RoxWeek)
Força bruta ás vezes pode vir a derrubar uma porta. Mas a sabedoria é uma chave mestra.
Redes Sociais: Facebook
Comentários
Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 26/10/2020 11:32

Vou ficar de olho se aparecer alguma ideia ou algum deck consistente eu vou trazer no proximo mês. Obrigado pela sugestão!

(Quote)
- 26/10/2020 11:31
Bom dia, estou acompanhando a participação de todos! Obg por todas as ideias e dicas! Espero que essa diversidade de sugestões nos ajude a melhorar nosso deck e desempenho!
(Quote)
- 25/10/2020 08:29
Sem dúvidas o meu formato preferido e o que mais me divirto jogando! Espero mais artigos do gênero, excelente!
(Quote)
- 24/10/2020 00:43
Ótimo artigo, com o lançamento do formato foi esse deck que decidi montar e fui atualizando com as listas que iam aparecendo no mtg goldfish. Hoje jogo com uma lista mais agressiva e não dependente de manadorks. No lugar dos elfos coloquei colecionador de peles e experimento um; e utilizo bastante as cartas gruul que foram lançadas em lealdade de ravnica.
(Quote)
- 23/10/2020 20:36
RoxWeek o artigo é ótimo, o deck bem legal, estávamos só debatendo várias coisas. Sinto que precisava dizer isso porque não disse antes. Outra coisa eu meio que queria tentar montar um Golgari sacrifice com Company, Zulaport Cuthroat, Woe Strider e outras coizinhas, talvez seja um deck que vc possa querer montar tb, ia ser legal ver um artigo sobre suas experiências com um deck desse tipo no formato.
Últimos artigos de Daniel Sant Anna
Por Dentro do Bant Reclamation
O melhor deck do Pioneer
4.936 views
Por Dentro do Bant Reclamation
O melhor deck do Pioneer
4.936 views
03/09/2020 10:05 — Por Daniel Sant Anna
A volta do Juramento de Nissa
Como a volta dessa carta da lista de banidas tem impactado no Metagame
5.108 views
A volta do Juramento de Nissa
Como a volta dessa carta da lista de banidas tem impactado no Metagame
5.108 views
29/07/2020 10:05 — Por Daniel Sant Anna
Gyruda Combo no Pioneer
Sendo o único ou um dos poucos deck com companion main deck e tendo um bom resultado no pioner, trouxe um pouco sobre o Gyruda Combo para vocês.
6.769 views
Gyruda Combo no Pioneer
Sendo o único ou um dos poucos deck com companion main deck e tendo um bom resultado no pioner, trouxe um pouco sobre o Gyruda Combo para vocês.
6.769 views
22/05/2020 10:05 — Por Daniel Sant Anna
Nova sensação do MOL, o UG Results
Por dentro do UG Results
8.390 views
Nova sensação do MOL, o UG Results
Por dentro do UG Results
8.390 views
26/03/2020 10:05 — Por Daniel Sant Anna
Por dentro do Mono White Pioneer
Passando a euforia do mundial, vamos falar um pouco do Pioner, e analisar um dos principais decks.
10.537 views
Por dentro do Mono White Pioneer
Passando a euforia do mundial, vamos falar um pouco do Pioner, e analisar um dos principais decks.
10.537 views
27/02/2020 10:05 — Por Daniel Sant Anna