Load or Cast
Hora do Pauper - Combo é o novo aggro!
Entendendo como esse arquétipo tem ganhado força e espaço no formato.
25/05/2021 10:05 - 9.631 visualizações - 10 comentários
Load or Cast
E aí galera, tudo bem? Aqui quem vos escreve é o Heli e hoje venho trazer uma análise sobre os decks combo no Pauper. O formato tem sido inundado por um número maior de decks, mesmo que existam semelhança entre várias builds é inegável que várias cartas estão sendo testadas, inclusive de novas edições.
 
Entretanto, os decks agressivos estão perdendo espaço devido ao grande número de midranges, que concentram as melhores e mais recentes remoções que o formato dispõe. Além disso, conforme novas listas se desenvolvem e se sobressaem, outras versões similares de decks que já existem se adaptam para predar os decks to beat. Nesse cenário, os decks combo estão ganhando força, pois conseguem vencer partidas nas pequenas janelas abertas por esses decks gananciosos, que visam jogadas de valor em todos os turnos. 
 
É interessante reforçar que os combos no formato são bem mais frágeis que em outros formatos e, normalmente, exigem um número maior de peças. As disrupções e anulações no formato, mesmo sendo eficientes, acabam não ajudando muito o arquétipo e acabam sendo mais eficientes contra do que a favor.
 
O melhor e mais conhecido representante dos decks combo é o Barreiras (artigo aqui), mas o Cycling Storm (artigo aqui) também já se mostrou consistente o suficiente para ser considerado no metagame. Entretanto um combo atual com a carta Primeiro Dia de Aula de Strixhaven tem dado as caras e oferecendo uma opção viável para quem gosta do arquétipo. Vamos surfar em algumas listas e ver o que elas pretendem fazer? Bora lá então!
 
Rakdos Goblins
 
Rakdos Goblins by Hamuda - Challenge 08/05/21
6773 visualizações
23/05/2021
R$ 203,27
R$ 430,12
R$ 2.148,99
6773 visualizações
23/05/2021
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (16)
2  Gatuno Impulsivo 0,22
1  Goblin Toboganista 0,23
4  Prospector de Skirk 0,10
4  Goblin Pútrido  0,15
1  Invocador da Onda de Chamas  0,08
4  Matrona Goblin  1,00
Mágicas (25)
4  Coagir 0,02
4  Desenterrar 0,92
3  Pilhagem Infiel 1,47
2  Manamorfose  19,90
1  Memória Fragmentada  1,65
1  Piromático  0,09
4  Primeiro Dia de Aula  0,15
2  Saquear o Laboratório  0,10
4  Sussurro da Noite  13,50
Terrenos (19)
3  Carnarium Rakdos0,58
4  Cavernas Sanguinárias0,09
2  Desolação Fumegante3,99
6  Montanha0,00
4  Pântano0,00
60 cards total

Sideboard (15)
1  Eletrotruque 0,48
4  Explosão de Chamas 13,50
1  Magibomba Niilista 0,99
2  Raio 6,99
1  Xamã dos Gorilas 0,95
1  Abrasão  2,20
1  Dor Fulgurante  3,00
1  Sargento Perfurador de Skirk  0,10
1  Travessuras  0,24
1  Introdução à Profecia 0,09
1  Violando os Túmulos  6,90
Rakdos Goblins by Kampo - Challenge 15/05/21
6791 visualizações
23/05/2021
R$ 309,70
R$ 812,34
R$ 5.007,31
6791 visualizações
23/05/2021
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (20)
1  Gatuno Impulsivo 0,22
4  Prospector de Skirk 0,10
2  Vidente Visceral 0,49
4  Goblin Pútrido  0,15
1  Invocador da Onda de Chamas  0,08
4  Matrona Goblin  1,00
4  Aparição de Estrada   2,15
Mágicas (21)
3  Coagir 0,02
4  Desenterrar 0,92
3  Pilhagem Infiel 1,47
2  Memória Fragmentada  1,65
1  Piromático  0,09
4  Primeiro Dia de Aula  0,15
4  Sussurro da Noite  13,50
Terrenos (19)
4  Carnarium Rakdos0,58
2  Cavernas Sanguinárias0,09
2  Desolação Fumegante3,99
6  Montanha da Neve0,00
5  Pântano0,00
60 cards total

Sideboard (15)
2  Biocajado Silvoque 0,15
1  Coagir 0,02
4  Escuridão 45,00
4  Explosão Elemental do Vermelho 8,65
1  Dor Fulgurante  3,00
1  Sargento Perfurador de Skirk  0,10
2  Introdução à Profecia 0,09
 
A primeira lista é do brasileiro Hamuda e ficou em 2º lugar no Challenge do dia 08/05; a segunda é do Kampo e ficou em 15º no Challenge do dia 15/05/21. No geral o combo é simples: você precisa que a carta Primeiro Dia de Aula resolva, o Goblin Pútrido estar em campo e um meio para sacrificá-lo. Isso cria o loop, mas você ainda precisa de um jeito para ganhar o jogo e aqui é onde entram opções interessantes.
 
No geral, os deck procuram fazer mana “infinita” com o Prospector de Skirk, mas ainda dependem de uma quinta carta para consumir essa manas e vencer as partidas, sendo que o Invocador da Onda de Chamas ou Piromatico são boas opções utilizadas. Entretanto, Goblin Toboganista se mostra uma opção interessante, principalmente por ela ter ímpeto caso seja utilizada após a Primeiro Dia de Aula.
 
O deck necessita de cartas para buscar essas peças:
 
● Matrona Goblin: por motivos óbvios essa criatura é usada, por conseguir buscar as peças mais importantes do combo.
 
● Memoria Fragmentada: é outro tutor, mas dessa vez utiliza a habilidade de Transmutação, podendo procurar uma carta de valor de mana igual a dois.
 
● Pilhagem Infiel: não busca uma peça específica, mas ajuda a cavar o deck atrás de opções melhores.
 
● Coagir acredito ser a melhor opção para disrupção, tirando alguma carta que pare seu combo, bem como Desenterrar é uma ótima forma de voltar do cemitério alguma peça já utilizada ou respondida pelo oponente.
 
Sideboard: um playset de Explosao de Chamas ou Explosao Elemental do Vermelho é obrigatório, pois se prevenir de anulações é imprescindível para deck combo. Temos várias opções pontuais, até porque não existem motivos para abandonar o plano principal do deck. Na lista do Hamuda, meu destaque vai para o Raio, que além de causar dano direto ao oponente, pode tirar um bloqueador, abrindo caminho para um ataque letal do Goblin Toboganista. Já na lista do Kampo, meu destaque é o uso de Escuridao, que é o equivalente de Neblina na cor preto. Essa carta pode ganhar jogos, pois ninguém espera um efeito desse nessas cores.
 
Barreiras Combo
 
Barreiras Combo by Pucione - Challenge 09/05/21
6810 visualizações
23/05/2021
R$ 100,23
R$ 268,32
R$ 1.045,33
6810 visualizações
23/05/2021
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (35)
1  Elfos de Llanowar 0,15
4  Guardiã de Saruli 0,05
1  Místico Élfico 0,95
3  Orochi Chama-Folhas 0,30
4  Patrulheiro Quirion 7,49
4  Ameia Encoberta  0,25
2  Barreira de Raízes  0,14
1  Alquimista Galvânico  0,07
2  Forte dos Escombros Tuktuk  0,10
4  Guardião de Danação dos Machados  0,25
1  Invocador de Valakut  0,05
4  Turbilhão de Fantasmas  3,12
1  Urso Pardo de Vivien  0,05
1  Barreira Mnemônica  0,05
2  Vaga-Pensador  1,80
Mágicas (10)
4  Caminho Tortuoso  0,15
4  Guiar o Estouro  0,09
1  Pulsação de Murasa  0,05
1  Violando os Túmulos  6,90
Encantamentos (1)
1  Libertos da Realidade  16,10
Terrenos (14)
14  Floresta0,00
60 cards total

Sideboard (15)
1  Arqueiro do Tiro a Esmo 0,30
1  Acólito Escarlate  0,68
1  Acólito de Obsidiana  0,86
3  Paz Momentânea  4,50
2  Pulsação de Murasa  0,05
1  Soçobrar   2,00
1  Tiro Dispersor  0,10
1  Violando os Túmulos  6,90
2  Discípulo de Niléia   0,05
2  Triturador de Ulamog 0,37
 
Faz quase um ano que escrevi sobre esse deck, sendo que alternou muitos altos e baixos nesse período, mas se manteve dentro do metagame com vários resultados relevantes. Se analisarmos as listas iremos notar que possuem duas diferenças básicas: as que usam o combo no maindeck e as que deixam no sideboard. Não vejo unanimidade entre os jogadores do deck sobre isso, mas o uso da cor vermelha é algo que mudou das listas e o Forte dos Escombros Tuktuk é o motivo disso. O fato de ser uma barreira ajuda na geração de manas do Guardiao de Danacao dos Machados, mas o diferencial é dar ímpeto para suas criaturas, pois as melhores criaturas que geram mana no deck precisam ser viradas. Isso traz uma velocidade bem maior para o deck, conseguindo colocar suas ameaças ou combo na mesa pelo menos um turno antes do esperado.
 
As mágicas com Rajada também se tornaram um diferencial, já que nem sempre você comba, mas consegue fazer muitas mágicas em um mesmo turno. Tiro Dispersor se mostrou viável por conseguir vencer partidas mesmo sem o combo, pois é bem difícil de ser respondido ou anulado.
 
 
Cycling Combo
 
Cycling Combo by Tyerube1618 - Challenge 24/04/21
6732 visualizações
23/05/2021
R$ 380,81
R$ 808,14
R$ 18.192,75
6732 visualizações
23/05/2021
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (30)
4  Curandeiro de Drannith  0,14
4  Ferroadora de Drannith  0,05
2  Arquitetos do Arbítrio   0,25
4  Putrifera Trôpega  0,05
4  Aparição de Estrada   2,15
4  Carabídeo Monstruoso   0,50
4  Horror das Terras Partidas  0,05
4  Vantassauro Imponente  0,05
Mágicas (17)
4  Canções dos Condenados 0,95
4  Ritual Sombrio 0,85
1  Morte Recusada   0,08
4  Ritual da Cabala  19,99
4  Violando os Túmulos  6,90
Artefatos (4)
4  Pétala de Lótus 49,49
Terrenos (9)
4  Charneca Estéril0,20
5  Pântano0,00
60 cards total

Sideboard (13)
1  Pântano0,00
3  Coagir 0,02
1  Escuridão 45,00
3  Estrela Cromática 2,09
1  Dor Fulgurante  3,00
1  Roer até os Ossos  0,27
3  Sobrevivente Macabra  0,05
 
Uma das maiores mudanças do deck foi assumir que manter apenas a cor preta é a melhor saída e onde é possível combar com mais consistência e segurança. Eu acredito nessa afirmação, mas com isso o deck acaba perdendo algumas opções e versões bem interessantes em prol de vencer mais partidas. Não acredito que isso seja um problema, até porque isso fez o deck aparecer com mais força nos Challenge com alguns top8 e vários top16.
 
A condição de vitória principal ainda é a Ferroadora de Drannith, que acaba só entrando em campo com a Petala de Lotus. Mas isso não impede de ganhar por combate com o Horror das Terras Partidas ou com a Sobrevivente Macabra (que está no sideboard).
 
Existem mais combos?
 
 
Um combo que eu vi recentemente é o UG Mill. Ele não é um combo propriamente dito, mas consegue criar loops e millar seu oponente.
 
UG Mill by saidin.raken - Challenge 28/04/21
6732 visualizações
23/05/2021
R$ 177,31
R$ 572,22
R$ 7.737,52
6732 visualizações
23/05/2021
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Mágicas (35)
3  Fluxo de Pensamento 0,08
3  Garra do Sonho 0,24
4  Ponderar 6,99
4  Tempestade Cerebral 2,50
4  Bagunçar a Mistura  13,50
3  Estalo  6,95
4  Examinar as Profundezas  0,14
4  Idéias Soltas  2,99
3  Titeragem Psíquica  0,10
3  Análise Profunda  0,17
Encantamentos (7)
4  Festival do Mercado  0,05
3  Reflexo da Aurora  0,09
Terrenos (18)
4  Câmara de Crescimento Simic0,50
2  Chancelaria Azorius0,25
4  Desolação Fumegante3,99
1  Floresta0,00
4  Ilha da Neve0,00
3  Vastidão Morfoterrena0,05
60 cards total

Sideboard (15)
4  Explosão Elemental do Azul 0,50
2  Gigasoneca 0,33
3  Contramágica  2,99
4  Paz Momentânea  4,50
2  Resistir à Tempestade  0,75
 
O deck que gerar muita mana com a interação dos encantamento de terreno Festival do Mercado e Reflexo da Aurora e mágicas que desviram permanente como a Garra do Sonho e Titeragem Psiquica, usando o Fluxo de Pensamento várias com Replicar, millando seu oponente.
 
Outros dois combos que eu vejo com possiblidade de aparecer periodicamente é o Tireless Out Combo, que usa a Tribo Incansavel com As Avessas para vencer; e também o UW Familiar, que consegue criar loops com Bruxuleio Fantasmagorico e seus efeitos de ETB e redução de custos.
 
Mas se tem um ponto que gostaria de levantar é o fato de que a maioria dos decks agressivos possuem uma tendência ao combo, ou pelo menos, o all in que esse arquétipo representa, a única exceção que vejo é o Monogreen Stompy. Veja abaixo:
 
 
● Affinity: a versão original Temur usa Atogue + Arremessar. As outras versões, além desse combo, ainda usam cartas que possuem sinergia com artefatos indo para o cemitério;
 
● Burn: é um deck agressivo, que visa usar suas mágicas o mais rápido possível, com a sinergia de suas criaturas como o Termoalquimista, quase sempre ignorando o que o oponente faz do outro lado;
 
● Elfos: baixar elfos e atacar, ganhando pelo número de criaturas, com uma (ou mais) Vanguarda Elfica gigante ou com qualquer criatura buffada com um Elfo Vigia dos Pinheiros. Algumas listas estão até usando o Invocador de Valakut como mana sink.
 
● Monowhite Heróico e GW Auras: procuram ter as maiores criaturas no melhor espaço de tempo possível, empilhando seus encantamentos.
 
O formato tem exigido essa postura injusta dos decks agressivos em resposta às remoções cada vez mais eficientes que o formato tem recebido. Além disso, esses decks não possuem tantas formas para gerar vantagem de cartas, então precisam colocar suas ameaças na mesa o quanto antes, sufocando seus oponentes, evitando que o jogo se estenda para aquela fase onde você não tem nada na mão e o oponente tem sete cartas e ainda compra duas por turno. 
 
Vocês concordam com isso? Como vocês estão vendo a evolução do metagame e a situação que os decks agressivos estão? Acreditam também que decks combos podem ser melhores opositores aos midrange do formato?
 
Bom, antes de encerrar quero comentar que tenho ficado meio ausente, não respondendo comentários e com menos artigos. Para quem não acompanha meu trabalho com o RakdosCast, eu me tornei pai e meu filho completou dois meses essa semana, então as coisas ainda estão bem complicadas por aqui. A LigaMagic e o Juliano têm sido bem generosos e pacientes comigo, então meu muito obrigado a eles por isso! Logo tudo se ajeita e os artigos voltam ao normal! 
 
Deixem seus comentários aí para sabermos mais a opinião da comunidade. Galera, vou ficando por aqui e espero que tenham gostado da análise. Um abraço a todos e até a próxima!
Heli Mateus ( helimateus)
Heli Mateus conheceu o Magic em 1998, mas começou a jogar em 2015 quando conheceu o
formato Pauper. Hoje é entusiasta do formato e produtor de conteúdo, principalmente como
podcaster sendo host do PauperView e cohost do RakdosCast.
Redes Sociais: Facebook, Instagram, Twitter
Comentários
Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 29/05/2021 13:28
Eu jogo bastante com White Weenie, gosto do deck e faço ótimos resultados. Tenho ganhado fácil dos fair deck do formato. A dificuldade maior realmente são os combos, apesar do deck ser consistentemente rápido, o branco não tem nenhuma resposta ao que o oponente faz no próprio turno. Visto isso tenho pensado meu side para segurar essas fraquezas com as ferramentas que tenho, Suture Priest segura todos combos de criatura, Goblins, Flicker, Elfos, Walls. Hallow segura Fling, Burn e Cannonade.

Apesar de dar para jogar, os decks aggro precisam de mais cartas boas, principalmente por estarem restritos a 1 cor, devido a terrenos virados. E estou ficando bem decepicionado com o spoiler dessa coleção, vendo tanta carta ruim saindo como incomum.

Eu esperava principalmente ver Dryad Militant como comum, pois é extremamente frustrante um formato onde os deck abusam do cemitério para criar jogos extremamentes entediantes, muitas vezes em treino eu concedo para não perder 1 hora da minha vida vendo alguem jogar sosinho, mesmo sabendo que ele não ganharia o jogo. Em torneios muitas vezes fazem coisas infinitas e o jogo nunca termina, até perderem no tempo, isso é ridículo. Precisamos de cartas que deixem isso mais difícil.
(Quote)
- 28/05/2021 00:30
Sempre fui muito fã das tribos de Goblins e Elfos, principal se tivereme combos. É impressionante ver um combo pauper pra Goblins!

Um combo interesse que sempre achei pra Elfos Pauper é esse:

https://www.ligamagic.com.br/?view=dks/deck&id=1911810

Só não é muito competitivo, mas bem divertido e curva muito bem.
(Quote)
- 27/05/2021 10:35
Eu deixei de jogar pauper:
Não tenho dinheiro, paciência e PC para jogar MOL
Cansei do formato, quando eu jogava ainda havia espaço para os decks aggros, como goblins e RedDeck Wins
também era possível ser um pouco ousado, jogar com uns decks groselha como Turbo Fog.
Eu não curto jogar com decks lentos, pois no pauper há muita gente que está começando a jogar e aprendendo, logo para eu não ficar puto, injustamente com alguém que está começando - eu comecei a jogar só de aggro.
Enfim, talvez algum dia se o formato for mais variado, eu possa voltar...

já ia esquecendo Draw do Monarca
(Quote)
- 26/05/2021 18:13

Acho que a questão não é mais se vai ser banido, mas sim quando vai ser banido...
Fico triste que a Wizards tem mirado em formatos eternos.

(Quote)
- 26/05/2021 10:05

Se o storm de esquilos não for banido pode ser que apareça alguma lista

Últimos artigos de Heli Mateus
Hora do Pauper - Banimento não é a solução PT 2
Avaliando boas formas de inserir cartas no formato.
5.786 views
Hora do Pauper - Banimento não é a solução PT 2
Avaliando boas formas de inserir cartas no formato.
5.786 views
Há 4 dias — Por Heli Mateus
Hora do Pauper - Banimento não é a solução
Analisando algumas características fundamentais do formato
7.662 views
Hora do Pauper - Banimento não é a solução
Analisando algumas características fundamentais do formato
7.662 views
Há 25 dias — Por Heli Mateus
Hora do Pauper - Destaques de AFR para o Pauper
Vejamos o que essa coleção repleta de elementos rpgisticos pode agregar ao formato.
6.347 views
Hora do Pauper - Destaques de AFR para o Pauper
Vejamos o que essa coleção repleta de elementos rpgisticos pode agregar ao formato.
6.347 views
04/08/2021 10:05 — Por Heli Mateus
Hora do Pauper - Top10 cartas de Modern Horizons 2 para o Pauper
Boas opções e velhos novos problemas aparecem nessa tão aguardada coleção.
7.348 views
Hora do Pauper - Top10 cartas de Modern Horizons 2 para o Pauper
Boas opções e velhos novos problemas aparecem nessa tão aguardada coleção.
7.348 views
16/06/2021 10:05 — Por Heli Mateus
Hora do Pauper
Top 10 cartas de Strixhaven para o Pauper
7.172 views
Hora do Pauper
Top 10 cartas de Strixhaven para o Pauper
7.172 views
21/04/2021 10:05 — Por Heli Mateus