Load or Cast
A evolução das criaturas de primeiro turno
Um Teaser sobre o Preview de Innistrad: Caçada à Meia-noite que revelaremos amanhã às 13:00.
02/09/2021 10:05 - 6.021 visualizações - 21 comentários
Load or Cast

Olá, amanhã (03/09/2021), às 13:00 divulgaremos um preview exclusivo da coleçãoInnistrad: Caçada à Meia-noite. Como de costume um dia antes eu sempre escrevo um teaser sobre o nosso preview e o teaser de hoje é sobre: A evolução das criaturas de primeiro turno.

 

O Magic está prestes a completar 30 anos de existência e durante toda sua história as criaturas de primeiro turno mudaram bastante de estilo, design, poder, habilidades etc... A única coisa que não mudou foi a importância dessas criaturas no Metagame e na história do jogo. Muitas estratégias foram criadas a partir das opções de criatura disponíveis para jogar no primeiro turno ao mesmo tempo que muitas estratégias foram frustradas pela falta de boas criaturas para jogar no primeiro turno. Hoje eu convido vocês a entrarem no túnel do tempo das criaturas de uma mana. 

 

Elfos de Llanowar / Leoes da Savana / Aves do Paraiso

 

  

 

Em 5 de agosto de 1993 o pontapé inicial foi dado e o Magic foi lançado, a inspiração de Richard Garfield e sua equipe era tão grande que a coleção possuí cartas que mesmo após quase 30 anos ainda são importantes e impactantes em diferentes formatos do Magic. E claro 3 das criaturas mais icônicas de custo 1 já lançadas no Magic. Tudo bem que Leoes da Savana já foi ultrapassado em termos de power level à algum tempo mas ainda assim os Leoes da Savana já viveram seus dias de glória.  Um fato curioso é que duas dessas criaturas são fortes demais para o formato Padrão de hoje em dia e uma provavelmente não jogaria, interessante ver como as coisas evoluíram, ter mais poder do que o seu custo é menos relevante do que ter uma boa habilidade hoje em dia?

 

Phyrexian Dreadnought / Quirion Ranger

 

  

 

Falando em Poder X Habilidade, que tal uma criatura de uma mana com poder e resistência 12/12? Tudo bem que o querido Phyrexian Dreadnought só conseguiu ver jogo após o lançamento de Pandemonio mas ainda assim ele é uma das criaturas de uma mana mais icônicas da história do jogo, responsável por várias "erratas" e mudanças de regras ao longo dos anos. Quirion Ranger também não é uma criatura que viu imediatamente jogo mas é impossível imaginar o sucesso que os decks de elfos tiveram ao longo dos anos sem a criação dessa carta, um dos elfos mais poderosos da história. Sem contar que Quirion Ranger não se limitou apenas a dar suporte a decks de elfos e também fez "estrago" jogando com Tradewind Rider e Winter Orb

 

Jackal Pup / Mogg Fanatic

 

  

 

É verdade que o pontapé inicial foi de Paul Sligh em 1996 com Brass Man e compania, mas foi em 1998 que o "Rei do Beatdown", David Price levou o Red Deck Wins a glória após ser campeão do Pro Tour Los Angeles em 1998. Dando uma base para diversos outros decks nesse estilo que iriam aparecer e continuam aparecendo até hoje. Quando uma nova versão do deck de David Prive começaram a surgir, muitas cartas mudaram mas Mogg Fanatic e Jackal Pup ainda estavam lá!

 

Goblin Lackey / Mother of Runes

 

  

 

O Bloco de Urza é sempre lembrado como um dos blocos mais fortes da história e claro as criaturas de uma mana não poderiam ficar de fora dessa. É praticamente impossível você pensar em deck de goblins e não pensar na famosa abertura de "mana Goblin Lackey". Um de dano que esse pequeno Goblin conseguir conectar no começo do jogo muitas vezes representa o final da partida. E a grande Madre das Runas uma das criaturas brancas de uma mana mais temidas de toda a história, uma vez que Madre das Runas perde o seu enjôo de invocação, o jogo vira um verdadeiro "inferno" para quem está do outro lado da mesa.  

 

Mangusto Agil / Grim Lavamancer

 

  

 

O bloco de Odisseia nos mostrou que criaturas de custo 1 também pode ser responsáveis por ganhar jogos no late game, é verdade que Mangusto Agil e Grim Lavamancer não tem um grande impacto ao cair na mesa no primeiro turno da partida, mas a medida que o jogo se prolonga, Grim Lavamancer se torna uma verdadeira "metralhadora de dano" e Mangusto Agil é um finalizador confiável utilizado até hoje em decks Legacy

 

Isamaru, Sabujo de Konda

 


O impacto de Isamaru, Hound of Konda foi tão grande que após o seu lançamento o Red Deck Wins passou brevemente também a ser conhecido como Boros Deck Wins, em 2005 Tsuyoshi Fujita em uma mistura de Red Deck Wins/White Weenie/Ponza, alcançou o Top 8 em um Pro Tour Extended. O deck contava com a dupla Isamaru, Sabujo de Konda e Leoes da Savana. Essa dupla também "causou" muito no formato Padrão na época. 

 

Heritage Druid / Nettle Sentinel

 

  

 

Falando em duplas, esse par de elfos nasceu um para o outro, a combinação de Heritage Druid e Nettle Sentinel é daquelas combinações históricas que ficam na memória de qualquer um. Por onde esses elfos passaram eles criaram estratégias absurdas a partir da quantidade de mana que eles juntos podem produzir e até hoje fazem estrago no Legacy. Apenas uma menção honrosa ao Figure of Destiny, também uma grande criatura de uma mana da coleção de Entardecer.

 

Noble Hierarch / Wild Nacatl


  
 

Qual o limite de poder e resistência aceitável para uma criatura sem nenhum "drawback"? Bem em Fragmentos de Alara, a Wizards lançou Wild Nacatl, uma criatura de uma mana potencialmente 3/3 e o impacto foi sentido em todos os formatos do Magic, inclusive no extinto Extended, ao ponto da Wizards quando lançou o Modern, decidir que Wild Nacatl estava banido do formato! Não poderia deixar de citar também o Noble Hierarch, um novo estilo de "dork" da Wizards que além de gerar 3 cores de mana ainda veio com uma habilidade relevante, exaltado. É engraçado pensar que hoje no Padrão a Wizards entende que Elfos de Llanowar seria forte demais, porém em Conflux ela lançava cartas como Noble Hierarch

 

Goblin Guide

 


Mana Goblin Guide, e o jogador de controle já começava a tremer na cadeira, para muitos até o lançamento de Ragavan, Nimble Pilferer, Goblin Guide era o melhor drop 1 vermelho da história. Uma carta que desde o seu lançamento até hoje não parou de jogar em momento nenhum. Não posso deixar de citar que na coleção de Zendikar também tivemos um drop 1 altamente impactante que foi Lince de Estepe, uma criatura que entra no turno da partida e com a ajuda de alguma fetchland poderia causar 4 pontos de dano já no segundo turno! O bloco de Zendikar foi um bom bloco para quem curtia uma agressão desde os primeiros turnos do jogo. 

 

Delver of Secrets / Deathrite Shaman

 

  

 

Essas duas criaturas não são da mesma edição mas resolvi trazer as duas juntas porque todos os debates sobre a melhor criatura de custo 1 da história sempre envolvem, Delver of Secrets e Deathrite Shaman. Delver é uma criatura que até hoje é responsável por ser a condição de vitória de algumas estratégias no Magic. E Deathrite é tão forte que é conhecida como o Planinalta de uma mana. Inclusive sendo banida de diversos formatos do Magic por sua capacidade de sozinha gerar recursos, como aceleração de mana, dano direto e ganho de vida. 

 

Kytheon, Hero of Akros

 


 

Falando em Planinaltas de uma mana que tal uma criatura de uma mana que pode se transformar em um Planeswalker? É isso mesmo, a coleção de Magic Origins trouxe essa novidade e Kytheon, Hero of Akros não foi exatamente uma criatura definidora de metagame, mas o fato de ser uma criatura de custo 1 que poderia se transformar em um planinalta fez ele merecer um espaço na nossa lista. 

 

Toolcraft Exemplar / Bomat Courier 


  


O bloco de Kaladesh trouxe os artefatos de volta ao lugar mais alto do pódio no Pro Tour em 2017, pilotado pelo brasileiro Lucas Esper Berthoud. Toolcraft Exemplar e Bomat Courier eram os responsáveis pela agressão desde o primeiro turno da partida. Bomat ainda jogou bastante em outros tipos de deck, como Mono Red e Rakdos, ele será sempre lembrado com carinho por aqueles que o coração é um pouquinho mais vermelho que o normal. 

 

Cauldron Familiar / Edgewall Innkeeper


  

 

Ah!! Trono de Eldraine, tão amada e tão odiada, tão forte e tão criticada, é verdade que essa edição diferente de todas as outras que citamos ainda é válida no formato Padrão mas não poderiamos deixar de fora 3 criaturas que certamente serão lembradas por muito tempo. O famoso gato+forno não pode ser mais visto no Padrão, é banido mas ainda joga muito em formatos como Histórico e Pioneiro. Edgewall Innkeeper já jogou em tantos decks diferentes que eu até perdi a conta, será que vai deixar saudade? Ou os jogadores ficarão aliviados de não ter que enfrentar esse Plebeu em todos os torneios como tem sido nos últimos anos? Menção honrosa para Gilded Goose grande parceiro de crimes de Oko, Thief of Crowns e também Fervent Champion um excelente drop 1 que irá deixar saudades. 

 

Ragavan, Nimble Pilferer

 

 

Bem apesar de não fazer parte da "linha do tempo" e ser uma criatura que veio de uma edição especial, era impossível escrever sobre esse assunto e deixar o melhor de todos os tempo de fora. Ragavan, Nimble Pilferer é tudo que você sempre quis em uma criatura de uma mana, ele é agressivo, ele gera card advantage e sim, ele é capaz de ganhar um jogo sozinho. Ragavan é simplesmente incrível. 

 

-

 

Bem é isso jogadores e jogadoras, espero que tenham curtido essa pequena viagem ao túnel do tempo do Magic. Eu sei que muitas criaturas icônicas ficaram de fora como, Sylvan SafekeeperThraben Inspector, Soul-Scar Mage, Campeao da Paroquia, Death's Shadow, Monastery Swiftspear e muitas outras. Qual a sua criatura preferida de custo 1 na história do Magic? Conta para mim! 

 

Será que amanhã às 13:00 o nosso preview será uma nova criatura de uma mana que irá entrar para a história? Bem acesse o site amanhã e descubra Muhahahah!

Patrocinador Oficial LigaMagic Bolts
Patrocinador Oficial LigaMagic Bolts
Patrocinador Oficial LigaMagic Bolts
Juliano Gennari ( Juliano_Bolts)
Jogador competitivo desde 2010, já tendo participado sete vezes do Pro Tour, Vice-Campeão Grand Prix Santiago 2018.
Redes Sociais: Facebook, Twitter
Comentários
Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 15/09/2021 07:26
Ótimo texto. Quem não sabe o é tomar raio na birds no turno 1 não sabe o que Magic de verdade. Kkkk

Só uma observação, que não muda em nada a qualidade do material, mas no trecho. "O impacto de Isamaru, Hound of Konda foi tão grande que após o seu lançamento o Red Deck Wins passou brevemente também a ser conhecido como Boros Deck Wins, " mas o termo boros veio a ser apresentado apenas um ciclo depois do lançamento do isamaru.
(Quote)
- 14/09/2021 23:38

Old school!

(Quote)
- 14/09/2021 23:38
Cursecatcher!
(Quote)
- 14/09/2021 22:24
Não fazer sequer menção ao famoso "mana birds' foi um erro na curva.
(Quote)
- 04/09/2021 20:51
Excelente artigo, Juliano, Ragavan é disparado o melhor.

att
Últimos artigos de Juliano Gennari
Preview exclusivo de Innistrad: Voto Carmesim
Uma carta que pode ser o motor que faltava para reviver estratégias baseadas em ganho de vida
6.218 views
Preview exclusivo de Innistrad: Voto Carmesim
Uma carta que pode ser o motor que faltava para reviver estratégias baseadas em ganho de vida
6.218 views
29/10/2021 12:05 — Por Juliano Gennari
Mecânicas de Innistrad: Voto Carmesim
Confiram as mecânicas da nova coleção
3.941 views
Mecânicas de Innistrad: Voto Carmesim
Confiram as mecânicas da nova coleção
3.941 views
28/10/2021 17:09 — Por Juliano Gennari
Um vínculo com a vida
Confiram o Teaser do nosso Preview de Innistrad: Voto Carmesim que será revelado amanhã meio-dia.
3.688 views
Um vínculo com a vida
Confiram o Teaser do nosso Preview de Innistrad: Voto Carmesim que será revelado amanhã meio-dia.
3.688 views
28/10/2021 14:05 — Por Juliano Gennari
Secret Lair: Extra Life
Detalhes sobre a parceria da Wizards que já doou mais de 3 milhões de dólares para caridade
6.102 views
Secret Lair: Extra Life
Detalhes sobre a parceria da Wizards que já doou mais de 3 milhões de dólares para caridade
6.102 views
20/10/2021 18:05 — Por Juliano Gennari
Atualização: Banidas e Restritas - 13/10/2021
Banimentos, suspensões e rebalanceamento no Histórico.
10.244 views
Atualização: Banidas e Restritas - 13/10/2021
Banimentos, suspensões e rebalanceamento no Histórico.
10.244 views
13/10/2021 15:00 — Por Juliano Gennari