Chupa que é de uva!

       

Por: exocry em 17/02/12 00:33 | 1 comentários / 1,720 visitas

Faz tempo que não posto nada. A galera anda muito parada desde que mudaram as formas de somar pontos para o nacional, então não tem rolado mais loucuras para postar aqui. Só que hoje eu acabei me lembrando de um fato que ocorreu há uns anos atrás e decidi postar para compartilhar a história.
T2 formado pelos blocos de Espiral Temporal e Lorwin. Numa raríssima ocoasião (tão rara que só aconteceu uma vez), Maceió, Arapiraca e Aracaju se reunem para fazer um grande torneio com 3 rodadas de draft e 3 de t2 cortando para um TOP 4. O torneio aconteceu em Arapiraca que fica quase que no centro do percurso Maceió-Aracaju.
Viajamos bem cedo para Arapiraca em dois carros Estávamos eu, Fabrício, Cabu, Jefson, Chineis (não o da liga: era outro), Tiago Yugi (ganhou esse apelido por virar o jogo sempre no último momento - hoje abandonou o Magic para jogar Yugi-oh), Fiapow, Dudu, Wesley e não lembro se Frank ou Fanta.
Depois de percorrermos o trânsito maluco de cidade do interior que cresceu demais, chegamos ao local do evento, um galpão amplo com mesas e cadeiras e um computador (para quê mais?).
Enquanto a turma de Aracaju chegava e as mesas iam sendo arrumadas, eu perambulava por aí cantando uma música que não me saía da cabeça: Meu Mundo Caiu - de Maysa Matarazzo (sou fã de músicas antigas e bota antiga nisso). Parece que eu adivinhava como ia ser o dia!
O torneio demorou para começar e quando começamos a draftar já eram quase 11 horas. Fomos divididos em quatro mesas com oito jogadores e duas com 7 (posso estar equivocado na quantidade de jogadores, mas foi algo próximo disso) Consegui uma pool razoável para um UWG e fiquei satisfeito com o deck que montei. Depois descobri que havia mesas draftando com boosters de Lorwin e outras com boosters de Eventide quando o mais natural seria ter misturado os boosters em cada mesa. Como meu baralho estava razoável, deixei para lá o fato.
Então veio o negócio estranho: as luzes se apagaram e uma carta começou a brilhar e a imagem começou a ganhar vida... Epa! Brincadeira! Ninguém estava fumando maconha não! ^_^
Sério agora:
Então veio o negócio estranho: era meio-dia e foi dado o intervalo para almoço, mas não foi exigido que ninguém listasse as suas pools. E ainda por cima, a organização não pediu que os jogadores deixassem as cartas em separado! Aí, já viram, né!?! Foi a maior farra! Tinha neguinho trocando as cartas descaradamente para melhorar o deck. O draft praticamente virou um block constructed.
Apesar da "crocodilagem" (eu sei - tô velho) que rolou solta, me mantive íntegro e confiei na pool que montei.
Acabei fazendo 1-1-1 ao término do draft. Não foi um resultado excelente, mas pelo menos mantive a consciência limpa.
Outra pausa para um lanche rápido e percebi que o único jeito de ir para o TOP 4 seria ganhar as três ou, com muita sorte, ganhar duas e empatar uma.
Eu estava jogando de monoblue tritões. Um baralhinho chato desses que eu gosto de usar (quem ainda não viu, dê uma olhada no tópico JOGAR SEMPRE COM O MESMO DECK É CHATO para entender do que eu estou falando) com anulações e combos cabulosos. Ganhei duas partidas e perdi uma, logo fiz 3-2-1 e fiquei fora do TOP 4.
Mas o assunto do post vem agora. No meio da segunda rodada do T2, eis que todos nós somos pegos de surpresa por um sonoro e estridente:
- CHUUUUUPA!
Era o Fabrício que gritava para o Cabu, seu amigo e rival ferrenho, depois de ganhar por 2 a 1 numa vitória apertadíssima. O grito assustou todo mundo no galpão e ainda ecoou que dava para ouvir o UPA novamente! ^_^
O ocorrido virou polêmica e o juiz chamou os dois à parte. Depois fiquei sabendo que o juiz perguntou se o Cabu se sentiu ofendido e ele respondeu que sim. Daí o juiz desclassificou o Fabrício por conduta antidesportiva.
Agora vem um adendo: Fabrício e Cabu eram dois dos jogadores invictos até aquela rodada. Era bem provável que ambos fossem para o TOP 4 pois os dois estavam com decks tops (Fabrício Monored com as figurinhas e Cabu com um Ramp nevado) e jogam muito bem. Some-se a isso o fato do juiz ser de Aracaju e a estranha coincidência de que os jogadores de Aracaju quase nunca se enfrentarem e tirem suas próprias conclusões. Eu achei a desqualificação do Fabrício bem justa, mas não ponho minha mão no fogo pela idoneidade daquele campeonato.
No fim, Cabu vai para o Top 4 junto de outros 3 jogadores de Aracaju. Vence fácil e vai para a final. Ganhou a primeira e perdeu a segunda por flood.
Então vem a partida que definiria tudo:
Cabu abre uma péssima mão e corretamente pede mulligam. O problema é que ele, nervoso, acaba comprando 7 e é obrigado a pedir outro mulligam e comete o mesmo erro (eu disse que ele sabia jogar muito bem, mas no quesito experiência e controle emocional ele ainda deixava a desejar).
Começando com 4 cartas na mão, dei como certa a sua derrota, mas ele conseguiu deixar o oponente com dois pontos de vida e quase vence a partida. O oponente viu que se o Cabu não tivesse cometido aquela falha (diga-se de passagem duas vezes) a derrota seria certa. E não era de se surpreender pois o deck era extremamente consistente com cartas que até hoje são top.
O problema é que depois desse torneio, mesmo o Cabu, nosso mascote da turma, tendo ficado em um honroso segundo lugar, não teve mais sossego. A partir daquele dia, todo mundo que o vencia numa partida acabava gritando um:
- CHUUUUPA, Cabu!
Até mesmo eu, caxias como sou (ou era) já brinquei com ele dessa forma.
Obs.: como não podia deixar de acontecer, na saída, o pneu do carro do Yugi furou e na troca, o Chinês limpou as mãos na camisa do Fabrício deixando-o puto da vida!
Enfim, são eventos assim que me fazem ficar triste ao perceber que o Magic em Alagoas está decaindo.






Leia também

Escrevendo um livro 8 comentários / 987 visitas
Caldeirão! caldeirão! 1 comentários / 1,507 visitas
Num futuro alternativo não muito distante... 21 comentários / 2,886 visitas
Falsificado é foda! 6 comentários / 2,081 visitas
Associações confusas - o caso da pia da c.. 5 comentários / 2,207 visitas

Favoritos

O que isso vai ser O.o

Por: rafael05 - 30 comentários / 2,930 visitas

Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 16/02/2012 22:15
lendario esse dia, otima lembrança