REPORT (3/4) - 30/03/14 - 1° Lugar / TOP 4 com ELFOS

       

Por: andrebonotto em 02/04/14 22:09 | 1 comentários / 1,117 visitas

PARTE III


LINK para a PARTE II

(...)


Após a celebração pela conquista de novos territórios, os elfos voltaram a marchar em direção às guerras que ainda precisavam ser travadas.

Tratava-se agora da "Guerra dos Oito Generais", onde sucessivamente, alguns deles seriam eliminados.

Conseguiriam os elfos estarem entre os últimos sobreviventes...?


TOP 8) 2 x 0 vs. UWr MIRACLES-THOPTER-STONEFORGE (?) (Edson ?)


G1) (W)

Ele começa conjurando um Tampo de Adivinhação do Sensei, e creio que lança uma Swords to Plowshares (STP) em uma das minhas primeiras criaturas.
Meu plano aqui é acelerar e colocar pressão, então consigo juntar na mesa três elfos com a ajuda do GSZ, havendo entre eles o Quirion Ranger e o Druida da Herança. Uso-os para gerar GGG e arriscar minha NO, que resolve!


Entra o Behemoth, e com o Quirion desvirando um atacante adicional, tudo acaba em uma grande explosão...





G2) (W)

No segundo jogo mantenho uma mão que contém uma Agulha, recurso extremamente importante contra o deck de meu oponente.

Ele começa com Tampo. Eu resolvo minha Agulha (nomeando "Tampo", é claro).
Ele prepara o Desbalanço da situação.
Como o Tampo está travado, arrisco conjurar um elfo de custo 1, que infelizmente é anulado por uma STP do topo. Preparo-me então para juntar mana e criaturas para conjurar nos próximos turnos minha NO.

Ele resolve um Contrabalançar #2 e, após eu ter um segundo elfo de custo 1 anulado por uma segunda STP, resolvo um Visionário. Ele prossegue com uma Fundição de Tóptero "- Espere, o quê?!".
Por essa eu não esperava...

Felizmente, estávamos em companhia do Espírito Guia dos Elfos, que imediatamente nos presenteia com uma segunda Agulha, que resolve nomeando a "Fundição".





"- É só prestarmos atenção e percebemos que jamais estamos sem um guia."
Taaveti de Kelsinko, Elfo Caçador


O oponente prossegue com seus planos, agora com uma Stoneforge Mystic que busca um Batterskull. Aproveito a brecha, e resolvo minha NO, buscando uma força maior...





"A Alma do Mundo voltou."


Para a preservação da Ordem Natural, Géia permite que de tempos em tempos territórios e criaturas sejam destruídos - mas apenas para renascerem futuramente em maior harmonia com o todo.
A Hidra Avatar Lendária gigante cumpre seu papel no ciclo da vida e finaliza esta batalha.
WIN


Como o jogo que faltava finalizar do TOP 8 entre o deck POX e S&T (meu oponente do R5) demorou ainda um bom tanto, os elfos aproveitaram esse tempo para tratar de seus feridos e lamentar os seus mortos...

(...)


LINK para a PARTE IV






Leia também

Report (4/4) - 30/03/14 - 1° lugar / top 4.. 19 comentários / 1,805 visitas
Report (2/4) - 30/03/14 - 1° lugar / top 4.. 0 comentários / 4,131 visitas
Report (1/4) - 30/03/14 - 1° lugar / top 4.. 0 comentários / 2,390 visitas
Report - 04/08/13 - 2° lugar / top 4 com e.. 9 comentários / 1,742 visitas
Teste 3 comentários / 762 visitas

Favoritos

Sala de Comando - Deck do leitor

Por: sadysaneto - 13 comentários / 10,035 visitas

Os 3 pilares do Pauper Legacy (IRL)

Por: sirfabius - 12 comentários / 8,456 visitas

Lore - Biografias

Por: sadysaneto - 4 comentários / 744 visitas

Decks da Semana #7 do CLM8: Griselshoal

Por: Ruda - 8 comentários / 1,570 visitas

Decks da Semana #7 do CLM8: Infect

Por: Ruda - 4 comentários / 1,254 visitas

Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 04/04/2014 00:13
nem me lembre daquela partida contra o snake atack... partida mais longa da minha vida! Mas o que importa é que sai vitorioso! =P