Mudar o futebol brasileiro. É Preciso?

       

Por: edutsubaza em 15/07/14 11:19 | 2 comentários / 1,996 visitas

TEIXEIRA, MARIN, A CBF E A NECESSIDADE DE MODERNIZAR NOSSO FUTEBOL






Que o futebol brasileiro beira o amadorismo comparado ao seu primo rico europeu é quase uma unanimidade. Depois do vexame mundial de não apresentar o "futebol brasileiro" diante de mais de 3 Bilhões de espectadores a imprensa fica em frenesi a procura de um bode expiatório e de uma solução imediata para tal fracasso.

É Artigo para todo os lados:

Como reconstruir o Futebol Brasileiro

Muita Calma Nessa Hora





Estamos engessados?

Estava eu discutindo com um dirigente de um clube daqui sobre a falta de incentivo financeiro para formação de novos talentos e de jogadores de base e surgiu a seguinte pauta: Mudar a Lei Pelé e fazer uma Lei que dê os louros ao clube formador do jogador de futebol.

Ideias:

De imediato o clube formador ganharia royalts vitalícios de 1% dos rendimentos do jogador que formou em sua base.

Percebo que isso dá margem à muita falcatrua e ficaria difícil de controlar mas já é um começo para financiar muita coisa.

Obrigar os Clubes a usar uma porcentagem X de jogadores da base tal qual o programa da alemanha que está passando em todos os veículos possíveis de mídia futebolística.

Essa é evidente que deve ser copiada, porém não acredito que vai dar certo de imediato por conta da corrupção dos clubes, mas vamos ver no que pode dar.

Acho que só com esses dois já é um grande começo. E vocês aqui Manjadores da Ligamagic quais suas ideias para alavancar o futebol brazuca?






Porque ser brasileiro que até 2005 tinha sua seleção aplaudida de pé pelos alemães e com uma pancavada de títulos, ser obrigado a acompanhar só a Bundesliga, Premiére e La Liga está sendo muito constrangedor.

Bons Tempos quando éramos os melhores da terra.









Leia também

Estou com medo de ir jogar magic 0 comentários / 404 visitas
O leão e o peixe dourado na selva financei.. 2 comentários / 1,495 visitas
E aí standard, cadê a "diversidade"? 2 comentários / 836 visitas
Mensagem subliminar no magic update 0 comentários / 1,233 visitas
O dna da decadencia do futebol brasileiro 5 comentários / 3,986 visitas

Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 15/07/2014 12:16
Acho que o Brasil deixou de ser a selecao tao aclamada nao pela falta de talento, mas por querer copiar de mais os times europeus. NOS somos os melhores do mundo no futebol, eles devem nos copiar e nao ao contrario, enquanto continuarmos tentando copia-los, nos deixamos inferiorizar.
Sobre campeonato, e normal acompanha-los, pois uma champions por exemplo paga 3x mais que a libertadores, talvez uma coisa que poderia ser feita, eh unir a libertadores com paises de todas as americas, com isso ficaria mais disputado e aumentaria significativamente o valor.
Sobre a Selecao, foi um tropeco, onde tentamos copiar novamente os europeus, mas nosso meio campo nao existia, porem no papel a selecao era excelente, so faltou meio campo.
(Quote)
- 15/07/2014 12:15
O Brasil não deixou de ser o pais do futebol e malhem o bode aqui, mas ainda somos os melhores do mundo da ultima vez que tocaram no assunto a média de jogadores exportados beirava 100 jogadores por ano. Mas deveria ser 200, 300... devíamos vencer 95% dos jogos que jogássemos e o único time que poderia fazer frente ao Brasil seria a seleção do resto do mundo.

1 - Mudar a lei do passe

Antes da Lei Pelé os jogadores praticamente pertenciam ao clube e os clubes podiam ter um grande elenco sub 16 e times como a Ponte Preta, Guarani e o Juventus revelavam ótimos jogadores. Hoje o Juventus é só um clube que pena para se segurar na Serie A3 por que é impossível investir num contrato para cada atleta para que ele não saia de graça. Tão pouco da pra pagar estrutura, alimentação e suplementação pra um jogador sem o tal contrato. Então é cheque-mate de peneira mais disputada de São Paulo pra um clube de Serie A3 do estadual foram poucos anos.

2 - Confederações

O presidente da CBF dá muitos agradinhos e promessas aos presidentes de confederação estadual, passagens e promessas principalmente, com isso ele compra sua permanência por que pra se criar uma chama de oposição é necessário uma aprovação de X confederações estaduais, então a coligação Del Nero - J M Marin vai ficar se alternando um bom tempo, não sei o Del Nero, mas o Marin é o Palpatine, olha a história do cara, a Ditadura, a suposta relação no caso Vladimir Herzog, a acusação de desvio de verba e o filmado furto de medalha. Não me entra na cabeça como foi permitido que ele chegasse a presidência de qualquer coisa. Por mais que os não corintianos odeiem a ideia eu tenho certeza que Andrés Sanchez seria o melhor nome da atualidade pra mudar o futebol no pais nesse cargo.

3 - Jornalismo

O jogador faz 5 gols em meia dúzia de jogos bons e já começam a perguntar quando o cara vai embora pra Europa, que ele tem que jogar com jogadores bons pra evoluir. Vá pra puta que pariu. só isso.

4 - Peneira.

senta na frente de uma peneira, rachões de 20~30 minutos o dia todo em que o técnico termina e diz: "Não passou ninguém. Próximos!" enquanto um olheiro parceiro vê os melhores jogadores e ligando pra um empresário de jogador ir atrás de algum bom jogador que acabou de ser dispensado propositalmente, aí o jogador agora é daquele agente e não do clube. E nos casos mais bizarros o jogador volta agora munido de um empresário que vende um contrato ao clube onde o jogador tinha reprovado na peneira.

5 - A liga

A liga nacional é boa, pegando Alemã e Espanhola por exemplo, onde Um ou Dois clubes comandam durante anos, o Brasileirão tem sempre 10 ou 12 times que estão na briga todo ano. Mesmo assim tem que melhorar, a Liga para se espelhar é a Norte Americana, malhem o bode novamente, mas ela vai seguir o padrão da NFL, que tem teto e piso de salários anuais, os times vão sempre se equivaler, Os times são propriedade da MLS, e a MLS não vai deixar um produto seu as moscas, com dirigentes safados que tentam promover viradas de mesa e corrupção. Duvida? olhe o dono dos Clippers que foi banido e provavelmente vai ter que vender o time por ter feito um comentário racista.
Tambem tem o caso da quantidade de jogos, voltando a NFL, cada time tem 16 jogos por ano na temporada regular SÓ 16, e pode estar fazendo -10ºC que o estádio lota e o Super Bowl não é o que é a toa.

6 - Técnicos

O campeonato é uma dança das cadeiras, um técnico rebaixa um time, é demitido e um outro time demite o seu e contrata aquele, e assim a coisa roda, raramente aparece um novo e raramente um antigo vai estudar ou se reciclar em algum outro lugar, engessados e acomodados com os altos salários e multas contratuais eles continuam. Os clubes também não arriscam e não procuram por nomes novos. Nem falo em nomes estrangeiros é preciso padronizar os estudos e profissionalizar os nossos de maneira eficaz.