Entrevista: Willy Edel.

       

Por: VIP STAFF Ruda em 16/02/16 14:00 | 12 comentários / 4,998 visitas

O carioca Willy Edel é uma referência quando o assunto é jogadores profissionais brasileiros, com 4 top8s em Pro Tours ele cravou seu nome na história do Magic, Tanto que em 2015 ele entrou para o Hall da Fama do jogo, se juntando a jogadores notáveis como Kai Budde, Jon Finkel e o também brasileiro Paulo Vitor Damo da Rosa. Além desse currículo invejável, Edel também é um dos donos da Bazar de Bagdá, loja que organizará a grande final da 6ª temporada do Circuito Ligamagic.

 

Nessa entrevista ele fala sobre carreira, torneios e o cenário brasileiro.

 

Como começou a jogar magic? E como se tornou um profissional?

Eu jogava RPG, e uma vez eu vi pessoas jogando cartas numa convenção. Pedi para me ensinarem e nunca mais parei. Um dos meus primeiros torneios foi o Pré Release de Alliances!

 


Já o profissionalismo veio naturalmente. Eu levo bastante a sério qualquer coisa que eu faço, sou muito competitivo, e sempre conciliei bem o Magic com estudo/trabalho mesmo quando tive os primeiros resultados bons internacionalmente. Um dia eu comecei a ganhar (e me divertir) mais no Magic que no
trabalho e já não conseguia conciliar, então passei a me dedicar exclusivamente.

Um momento inesquecível na carreira.

Top8 da WMC 2014.

 

Desde que comecei a jogar sempre quis estar no time brasileiro e de certa maneira representar o país numa competição de Magic. 

 

 

Tive a oportunidade de ser da seleção duas vezes no antigo mundial por equipes(inclusive com um top4), mas não era a mesma coisa. Quando anunciaram a Copa do Mundo de Magic sabia que era O torneio que queria jogar. No primeiro ano não consegui me classificar, no entanto, no segundo ano (2013) fui o capitão e, com um time muito bom. Infelizmente perdemos na partida valendo top8 num jogo que acho que fomos muito prejudicados pelos juízes e aquilo martelou minha cabeça por um ano. Em 2014 coloquei como minha meta do ano conseguir esse top8 e conseguimos. Os meninos do time foram ótimos teammates e super esforçados e fiquei muito feliz em conseguir com eles um resultado até então inédito para o 
Brasil e de quebra conseguir a vaga para o primeiro PT para dois deles!

O que representou para você se tornar Hall da Fama?



Ainda hoje não me acostumei e sinceramente acho bastante estranho quando se referem a mim como um. Foi muito legal, o reconhecimento não só da comunidade local, mas também da internacional - imagino que todo mundo se sinta super honrado de ser eternizado entre os melhores no seu ramo de uma atividade e comigo não é diferente. No meu dia a dia nada mudou contudo. frequento os mesmo lugares, meus amigos são os mesmos e continuo jogando de Jund/Abzan no Modern. :)

Em 2015 você se tornou Hall da Fama, coroando uma carreira vitoriosa que inclui 4 top8s em PTs e diversos top8s em GPs. Depois de todos esses anos, o Edel jogador ainda almeja algo?

Hoje eu só penso em jogar o melhor que posso, ir bem em torneios. Tenho plena noção que já não estou no meu auge, por isso treino o dobro para me manter competitivo e jogar em alto nível. Em termos de conquistas individuais, já não penso ganhar o torneio X ou Y, mas sim em me preparar bem, jogar bem e fazer o melhor que posso. Hoje prefiro fazer um top16 jogando muito bem do que um top8 jogando mal.

Porque virar lojista?

Também foi natural. Depois de largar o emprego , o mestrado, e passar alguns anos no circuito profissional eu eventualmente me encontrei sem vaga para o próximo PT e sem emprego. Considerei voltar ao mercado de trabalho, mas ao mesmo tempo aquela era uma oportunidade única de empreender e caso desse errado eu poderia procurar emprego depois. Então decidi tentar. Peguei um empréstimo de 15 mil reais no banco, vendi minha coleção no mol e IRL, e abri a loja online bazardebagda em 2009. Desde então dois sócios entraram, abrimos 2 lojas físicas e mais uma loja online voltada para pokemon, a bazarpokemon.

Quais os desafios de se ter uma loja de magic no Brasil?

Basicamente ser brasileiro. A carga tributária é absurda, os distribuidores ruins, a margem de lucro baixa, a concorrência muitas vezes, desleal entre outras coisas. Mas no final se você faz um trabalho sério e cuida bem dos seus clientes dá tudo certo.

Nos últimos anos tivemos diversas mudanças em relação aos torneios da Wizards, foram criados os PPTQs, RPTQs e os WMCQs, qual a  sua opinião sobre esse novo cenário para os jogadores?

Acho que ainda está muito no início e ainda esta sendo ajustado/melhorado. Meu principal problema é com os WMQs. Nada nem ninguém me convence que 3 PTQs glorificados são melhores que um único que dê três vagas e, quem sabe, seja até multi formato (sim, o finado nacional). Logisticamente é mais simples, é mais barato e 99.99% dos jogadores já se manifestaram favoráveis a esta mudança.


PPTQ/RPTQ é um sistema bom para países pequenos e/ou com MUITAS lojas, mas claramente ruim para a América Latina. Eu espero que eles melhorem nossa situação.

Ainda sobre torneios, também tivemos o crescimento dos circuitos independentes, como vê o CLM nesse contexto?



Acho muito bom. Hoje o circuito da SCG é referencia no mundo todo, seu stream bate os viewers do stream oficial da wotc dos GPs e muitas vezes temos mais jogadores nestes opens que em GPs ao redor do mundo. Mas eles começaram pequenos, com pequenos circuitos. O CLM, como outras iniciativas independentes do Brasil, mostram que é possível fazer algo legal aqui também. Eu espero que o crescimento continue e que em breve tenhamos algo similar ao que existe nos Estados Unidos.

O que significa para o lojista participar do CLM? Como o púbico recebe esses torneios?

Antes de mais nada é colaborar para o crescimento do magic no Brasil. Se o circuito der certo, mais jogadores aparecerão na sua loja, mais torneios serão organizados, a WOTC olhará para nós com mais carinho na hora de marcar torneios grandes e no fim, você lojista, venderá mais.

 

Hoje o torneio ganhou imensa credibilidade e os números mostram isso. Cada vez mais lojas e jogadores participam e a final já faz parte do calendário nacional. E só tende a crescer.

Por fim, a Bazar de Bagdá é a organizadora da final do CLM esse ano, o que podemos esperar da final essa temporada? Alguma novidade que já possa ser revelada?

A maioria das novidades já foi divulgada. Alugamos um lugar top de linha, vamos ter stands de lojistas de várias partes do Brasil, staff de juízes em nível de GP, coverage pela twitch.tv, área de gunslinging com prêmios (jogos de demonstração), muitos side events (incluindo 2 PPTQs) e espero confirmar mais coisas até a data. Nossa missão é fazer realmente um mini GP e que os jogadores tenham a melhor experiencia possível. Dando certo, quem sabe começar a rodar um circuito Bazar/Liga por todo o Brasil? Só depende de nós (Liga, Bazar e jogadores).

 

A grande final da 6ª temporada do Circuito Ligamagic acontece dias 27 e 28 de fevereiro em São Paulo.

 







Leia também

Kits da 10ª temporada do circuito ligamagic 0 comentários / 636 visitas
Tutorial: desistir da vaga da final do clm 0 comentários / 1,401 visitas
Tutorial lojistas: novo modelo do top8 do c.. 12 comentários / 2,007 visitas
Clm9: novidades a respeito de legacy e comm.. 14 comentários / 2,909 visitas
Kits da 9ª temporada do circuito ligamagic 0 comentários / 3,684 visitas

Favoritos

NEGOCIAR CARTAS

Por: CEDINE - 0 comentários / 4 visitas

Diário de um Comandante #35: Bom deck vs Bom..

Por: yklys10s - 3 comentários / 2,521 visitas

Guildas de Ravnica - Análise - Cards Verdes

Por: diogoclemente - 0 comentários / 10 visitas

O Retorno do Standard

Por: PlayGround - 0 comentários / 104 visitas

Como evoluir seu nível de jogador (casual-co..

Por: Phynderblast - 55 comentários / 11,053 visitas

Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.

jackmatheus (19/02/2016 12:38:40)

A Bazar de Bagdá em santana é uma das melhores lojas de são paulo (não digo a melhor pois não conheço todas). Mas pelo menos lá o pessoal (staff e frequentadores) não tem a soberba tão presente nas "maiores e mais tradicionais" lojas da cidade.

STANDARD patocards (19/02/2016 10:13:39)

Eu acho que é complicado.

Como seria ?

chocomicos (19/02/2016 00:11:38)

Seria viavel uma liga com Draft? Acho Draft um formato interessante pra todas as partes.

Argen (18/02/2016 15:52:48)

coverage pela twitch.tv


Isso vai ser top heim !!!!

Argen (18/02/2016 15:51:50)

só levarei cartas para ele autografar ^^

jadsonwy (17/02/2016 21:59:36)

Jund is de bést déqui in de módern.

Edel, Willy

greich (17/02/2016 17:07:28)

Quanto a isso, acho que seria mais fácil tentar encaixar o jogo em uma situação tributária diferente da que se encontra hoje (no caso, pra quem importa o produto para o Brasil), não entendo muito da área mas até onde sei se o Magic estiver classificado dentro do grupo de "jogos de azar" ou coisas do tipo, a carga tributária é altíssima, encarecendo demais o produto final

stonerain (17/02/2016 17:03:16)

Nunca vi o Edel na minha frente, mas tenho uma simpatia por ele desde que li a matéria da Piauí. O cara tem que ter muita coragem para abandonar tudo, como ele abandonou, confiar no seu talento e ir atrás do sonho.

chocomicos (17/02/2016 16:34:54)

Tem que avisar a Wizards que não da pra pagar 500 reais numa box, 1500 reais numa box de MM/EM, e que esse investimento pro logista tb é um risco muito grande.
É complicado manter um ambiente competitivo e estável com esses preços por aqui, haja sacrifício pra poder conquistar novos clientes e manter os antigos.

Carolgsmoraes (17/02/2016 15:48:21)

Bom eu li o/ hahahaha

Eu acho a iniciativa de campeonatos como o CLM sensacionais *.* tomara que cresça cada vez mais, é muito bom ter alternativas de campeonatos além dos classificatórios da WotC, é importante pro jogador competitivo ter onde competir. Lá nos EUA o cenário é forte, mas aqui no BR ainda é muito pequeno, acredito que seja uma questão de tempo até chegarmos no mesmo patamar, e provavelmente será antes do que muita gente pensa.

Victor_PE (17/02/2016 13:58:19)

Circuito Liga/Bazar SIM!

por favor!

vamos fazer nosso próprio mercado/cenário crescer, só depende da iniciativa de alguns poucos e do esforço dos jogadores!

chocomicos (17/02/2016 13:16:25)

Tem que fazer a Wizards ler esse artigo :)