Deck/Decklist Problem

       

Por: tunicoberno em 04/11/16 15:54 | 5 comentários / 2,426 visitas

Olá pessoal! Meu nome é Robson, sou juiz nível 1 da Bahia e hoje venho apresentar a vocês meu primeiro artigo sobre regras em torneios competitivos.

Editado e revisado por Antonio Zanutto.

 

Quem já jogou algum Preliminary Pro Tour Qualifier (PPTQ) ou um Grand Prix (GP), sabe da necessidade de apresentar uma lista do seu Deck, procedimento padrão que tem como finalidade manter a integridade do evento. No entanto, muitos jogadores negligenciam a importância e as consequências desse procedimento, e acabam por receber penalidades que poderiam ser evitadas com a apresentação de uma lista adequada.

 

O Guia de Procedimentos para Infrações de Magic (IPG), documento utilizado para arbitrar eventos competitivos e profissionais, determina que, ao serem encontradas inconsistências na lista do deck, deve ser atribuída uma Perda de Jogo ao jogador. Com certeza é o tipo de penalidade que nenhum jogador gostaria de receber, ainda mais nas rodadas iniciais.

 

Vejamos então alguns exemplos de erros encontrados nas listagens de deck:

 
  • Quantidade de cartas listadas menor ou maior que o limite estabelecido ou diferentes.

 

Após a conferência de uma lista, caso seja constatado que o número de cartas registradas está abaixo ou acima do limite estabelecido nas Regras de Torneio de Magic (MTR) (Mínimo de 60 cartas para formatos com decks construídos: Standard, Modern, Legacy…; 40 para formatos limitados: Draft, Selado…; Sideboard entre 0 e 15 cartas), além da penalidade, o jogador terá de adicionar terrenos básicos ao deck para completar sua lista ou remover as cartas em excesso.

 

Então vem a questão: se a lista tem menos cartas registradas, mas o deck possui a quantidade certa de cartas, não podemos apenas adicionar os nomes dessas cartas na lista e deixá-la correta?

 

Isso mesmo! O juiz procederá da melhor forma para que a lista e o deck sejam idênticos e reflitam o deck que está sendo jogado.

 

Já para a situação em que são encontradas cartas que não são legais no formato, caso algum jogador apareça com um deck utilizando quatro cópias da carta Contramágica em um torneio Modern, o mesmo terá de substituir essas por terrenos básicos de sua escolha. Não, não será possível trocar as Contramágica por Fuga de Mana, infelizmente.

 

Para o sideboard, como seu limite é de 0 até 15 cartas, o problema normalmente acontece quando são listadas mais cartas do que esse limite. Para esses casos, as últimas cartas listadas que excedem o limite serão retiradas da lista para tornar o deck legal.

 
 
  • O nome de uma carta listada não está escrito corretamente ou está incompleto.

 

É muito comum encontrar listas escritas com caracteres que mais lembram pinturas rupestres do que o alfabeto romanos. Em alguns desses casos é possível descobrir de alguma forma o que está escrito, mas algumas vezes é humanamente impossível. Para aqueles que têm problemas para preencher uma lista manuscrito, é recomendado que traga a lista impressa ou procure alguém para que possa ajudá-lo, mas lembre-se do principal, seu nome completo! Isso facilita a vida dos juízes além de melhorar o fluxo do torneio.

 

Estando a lista legível e com a quantidade correta, se for encontrado o nome de uma carta escrita de forma ambígua, de modo que possa ser encontrada mais de uma carta com o mesmo nome, temos então um problema. Vejamos:

 

Um jogador está jogando um torneio Legacy com o deck UW Miracles (deck bastante popular no formato), e na sua lista ele escreve que contém três cópias do card Jace. Tenho certeza que qualquer jogador que conheça os decks mais usados no Legacy lembraram desse rapaz aqui:

Mas se pensarmos um pouco, esse jogador poderia estar usando esse outro aqui:

Ou será que no deck tem alguma cópia desse outro?

 

Bem, não dá pra saber, afinal todos são Jace. Mas uma coisa é certa, sua lista será corrigida de acordo aos “Jaces” que forem encontrados no deck e o jogador receberá uma Perda de Jogo devido ao seu erro.

Mas se em caso semelhante, o jogador escreva em sua lista o nome incompleto de uma carta, por exemplo, o nome de uma criatura lendária importante no bloco standard vigente. Muda então a forma que o juiz principal observará a situação. Vejamos:

 

Em um torneio Standard é encontrada uma lista com exatamente o seguinte registro na parte da reserva de cartas: “02 Odric”. Nesse formato existe apenas uma carta com esse nome, Odric, Marechal Lunarca, tornando sua identificação óbvia, como isso é o nome de uma criatura lendária ou planeswalker e esse nome é o único no formato, então não é uma infração.

 
 
  • O jogador mantém dentro de sua deckbox juntamente com o seu deck e reserva, outras cartas que compartilham as cores das cartas do teu baralho e são legais no formato do torneio.

 

Quem nunca guardou aquelas cartas que acabou de adquirir ou ganhar em um evento, dentro da caixinha com o deck que usará no torneio? Ou até mesmo cartas que separou para usar e acabou não colocando no deck? Esse é mais um dos problemas que podem gerar uma Perda de Jogo caso seu deck seja sorteado para um Deck-check entre as rodadas.

 

No item 2.3 do MTR temos detalhado o todo o procedimento de pré-jogo, veja:
 

2.3. Procedimentos de pré-jogo

 

Os seguintes passos devem ser executados em tempo hábil antes de cada jogo começar:

 

1. Se ações de jogo foram tomadas durante o jogo anterior da partida, jogadores podem trocar cards de seus decks por cards de suas reservas (sideboards). Jogadores não podem utilizar a reserva durante jogos que foram reiniciados.

2. Os jogadores embaralham seus decks. Os passos 1 e 2 podem ser repetidos.

3. Os jogadores apresentam seus decks aos seus oponentes para que sejam embaralhados novamente. A reserva (se existir) também é apresentada neste momento.

4. Depois do primeiro ou segundo jogos da partida, o jogador pertinente deve decidir se jogará primeiro ou segundo, se ele não decidiu ainda. Se esse jogador não escolher antes de olhar os cards de sua mão, então é considerado que o mesmo escolheu jogar primeiro.

5. Cada jogador compra sete cards. Opcionalmente, esses cards podem ser colocados com a face voltada para baixo na mesa.

6. Cada jogador, em ordem de turno, pode fazer um mulligan. (Regras sobre mulligans podem ser encontradas nas Regras Abrangentes de Magic, regra 103.4). Se um jogador fizer mulligan, ele repete o processo de embaralhar e apresentar descrito acima.

 

Mesmo sem nunca ter lido essa sessão do MTR, tenho certeza que praticamente todos os jogadores seguem essa sequência, como ressalva para esse trecho: “A reserva (se existir) também é apresentada neste momento.” É um falha comum dos jogadores do ocidente não apresentarem o seu sideboard no início de cada partida, algo que poderia evitar a aplicação de muitas Perdas de Jogo.

 

Se o único lugar para guardar aquelas cartas que você acabou de trocar ou recebeu de volta de um amigo for seu deckbox, fazer esse procedimento pode salvar sua vida, mas só e apenas se você deixar seu sideboard e deck sempre a vista, fora das box e longe das demais cartas. Cartas promocionais recebidas no torneio, fichas, cartas dupla face representadas por cartas coringas no deck e cartas dupla face representando o lado noite de cartas do deck (desde de que estejam em protetores diferentes), são permitidas de estarem junto ao deck e reserva.

 
  • O jogador descobre que perdeu uma carta, está com cartas da reserva no deck no início da próxima rodada ou que está com uma carta de um oponente em seu deck.

 

Quem já usou pacifismo alguma vez sabe o que é ter seu card embaralhado no deck do oponente e só perceber muito tempo depois, ou até mesmo terminar aquela partida complicada nos turnos extras, juntar rapidamente os cards para ir ao banheiro e ao voltar, embaralhar o deck e começar a próxima partida sem “desidear” o deck.

 

Para cartas perdidas, se o erro for percebido no início do jogo, logo na compra da mão inicial, o mesmo será prontamente corrigido e o(s) jogador(es) responsável(is) receberá(ão) uma advertência. Caso contrário, a penalidade será a padrão. No caso de uma carta da reserva ter sumido, o juiz não aplicará nenhuma penalidade e o card será recolocado na reserva após ser encontrado.

 

Para os cartas da reserva encontradas no deck antes do jogo começar, o jogador corrigirá a lista e receberá uma advertência. Se já tiver comprado a mão inicial, ele será instruído a fazer mulligans até ficar satisfeito com sua mão. Mas se o erro for percebido durante o jogo, ai não tem jeito, penalidade padrão.

 

Se é sua pretensão participar de eventos competitivos algum dia, tenha em mente que além das habilidades com o jogo, você precisa estar atento aos procedimentos para que você possa dar o seu melhor, afinal de contas, ninguém gosta de ser penalizado e ter sua diversão estragada por falta de cuidado.

 

Eu fico por aqui e até o próximo!

 






Leia também

Respostas para as perguntas mais frequentes.. 15 comentários / 7,081 visitas
Infestação de zumbis 15 comentários / 2,498 visitas
Cuidados em torneios 6 comentários / 3,959 visitas
Pre-lançamento dtk: história de um juiz j.. 11 comentários / 3,168 visitas
Camadas 31 comentários / 7,723 visitas

Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 06/11/2016 08:51
esses dias num campeonato tomei dois game loss , 1 na primeira partida por ter 15 cartas no side e na lista ter marcado 16 e o outro no top 8 quando me embananei e troquei uma carta de main pelo side.
(Quote)
- 05/11/2016 06:54
"Quantidade de cartas listadas menor ou maior que o limite estabelecido ou diferentes"

Maior que o limite, seria por exemplo, 5 siege rhino no deck?

Adorei o artigo!
Parabéns.
(Quote)
- 05/11/2016 05:52
parabéns pelo artigo sou jogador iniciante e isso me ajudou muito !!!
(Quote)
- 04/11/2016 21:14
Muito obrigada, bem explicado!
(Quote)
- 04/11/2016 17:49
Muito legal,bem escrito e sem enrolação.

Sucesso!