Probeless STORM !!! CAMPEÃO DO POWER LEGACY CLM

       

Por: BignailsAlex em 06/02/18 18:33 | 6 comentários / 860 visitas

                                                  

(Pra pular o blá, blá, blá faça ctrl + F > Round 1)

                                                    Contos de Ninar...
  
 Bom, faz anos que eu não escrevo um report. Por que? Preguiça. Não achava nada demais para acrescentar além do que já estava sendo falado. Se olharem na minha conta aqui da liga, verão que o último report é de 2010 quando começou o Nacional Legacy. Naquela época Mystical Tutor havia sido banido e o que se falava é que os decks de Storm não fariam mais resultados. Foi legal ter ganhado vaga pra primeira edição do Nacional Legacy indo contra o que se falava.

   Nesse report não será diferente !!! Apesar do campeonato não ter sido tão grande (34 jogadores), foram 6 rodadas de suíço (sem top8) com muitos dos melhores jogadores de Legacy aqui de São Paulo e de outros estados.
   E o que trazer para acrescentar nesse report? 
 
                  
   


                                                              Polêmica !!!  
   
   Calma chóvem!! Eu não falarei que Gitaxian Probe merece ser banida !! Muito menos que ela é overpower e menos ainda que decks de combo com azul tenham que usar 4 delas + 56 cartas. Esse report é sobre um dos decks de storm existentes no formato o : TES (The Epic Storm), e é sobre ele que eu estarei me posicionando CONTRA o uso da Gitaxian Probe !!!
   Porém, ainda sim é um report e as minhas argumentações sobre o uso ou desuso dessa carta não serão estendidas no mesmo. Acho que muito deve ser dito para explicar essa minha conclusão então viraria um artigo. Portanto, só vou passar aqui pra deixar isso no ar (e criar polêmica.... hahahah).


   (Nota: Ao contrário do TES, penso que o uso da Gitaxian Probe no ANT seja essencial. Os decks tem filosofias/diretrizes diferentes apesar de usarem a mesma mecânica (storm) para chegarem a vitória, o que faz com que a probe seja melhor no ANT) 

Vamos ao que interessa:

Probeless Epic Storm:

4 Infernal Tutor

4 Burning Wish

4 Brainstorm

4 Ponder

 

3 Thoughtseize

3 Cabal Therapy

2 Duress

 

4 Dark Ritual

4 Rite of Flame

4 Lion's Eye Diamond

4 Lotus Petal

3 Chrome Mox 

 

1 Tendrils of Agony

1 Empty the Warrens

1 Ad Nauseam

 

4 Polluted Delta

3 Bloodstained Mire

2 Underground Sea
1 Volcanic Island

1 Badlands

1 Bayou

1 Island

1 Swamp


SIDEBOARD:

1 Tendrils of Agony

1 Ill-Gotten Gains

1 Dark Petition

1 Massacre

1 By Force

1 Past in Flames

1 Empty the Warrens

1 Hurkyl's Recall

2 Chain of Vapor

2 Xantid Swarm

3 Abrupt Decay

                                         

                                                 Jogando o Power Legacy

   Joguei as etapas do CLM na loja Power Up Games todas as rodadas, porém não busquei vaga pro Legacy. Joguei pro commander. Fiz isso pois o metagame da loja era muito hostíl para decks de storm. Fiz alguns resultados lá no início do ano, mas com o tempo a loja floodou de jogadores com decks aggro-control e tempo-decks. Já no commander eu consegui ganhar as cincos etapas de 3-0 (sim, fiz 15-0 pra entrar no top8), para no final das contas perder no top8 e não conseguir vaga pro evento principal. ("HAHAHAHA, como você é trouxa" !!! Sim, eu sei )O que me restou foi ir no evento jogar os paralelos em 2018. 
   Eu tinha dúvidas sobre qual deck de storm usar no Power Legacy, se seria ANT ou TES. Ao ver que o top8 do CLM Legacy tinha apenas dois decks com azul eu decidi que seria a minha hora de usar essa lista aí de cima. (Se quiser entender o por que da preferência é só perguntar)
   Fui dormir as 4h30 da manhã e acordei as 8h. Cheguei no CLM um bagaço, mas isso é costume né?! Então F**** !! Bora jogar !!


Round 1: Eldrazi (João)

Game 1: Ganhei no dado. Keep. Turno 1: Lotus Petal, Rite of Flame,LED (Lion's Eye Diamond), LED, wish > Empty the Warrens pra 12 tokens. Ele pensa e recolhe e eu não consigo ver qual deck ele estava.

SB: -1 therapy, -1 ponder, -1 duress / +3 Decay (não sabia do que ele estava jogando então subi respostas genéricas)

Game 2: Mulligan à 6. Ele sai de wasteland e passa. Eu faço no T1 Ad Nauseam. Compro até enjoar e Tendrils.

                               

1-0 (2-0)

Round 2: Elfos (Diogo)

Game 1: (Não lembro muito bem desse jogo)Ele ganha no dado. Eu mulligo à 5 e mantenho uma mão com acelerações e wish mas sem proteção. Ele sai de Zênite pra zero, Dryad Arbor e passa. Eu compro, faço fetch e passo. No t2 dele ele faz vários bichos incluindo o Simbiota (fica com uma carta na mão) e passa. Eu vejo que tenho que jogar rápido e consigo fazer 16 goblins via cantrips, manas, wish, Dark Petition pra Empty the Warrens > 16 tokens. Eu passo e ele não faz nada de mais. Eu bato a primeira vez, ele bloqueia dois tokens com shamans e vai à 4 de vida. Compra e não acha nada e morre devorado pelos goblins.

SB: -1 Island, -2 Duress / +2 CoV, +1 Decay (Quero manter a velocidade do deck, mas não quero perder pra Ruric Thar. A Decay entrou de brinde, por ter espaço depois do out)

Game 2: Ele faz mana dork. Eu faço Ad Nauseam com 19 de vida, revelo wishes, cantrips até 5 de vida quando revelo um Empty the Warrens, vou à 1 de vida, não posso passar senão eu morro. Revelo um tutor. frown

Game 3: Saio de fetch, seize > tiro glimpse e passo. Na volta eu faço: mana, ritual (BBB na pool), infernal, revelo um LED (B na pool), faço petal estouro pra vermelho (BR na pool), faço LED, LED, wish, estouro os dois LEDs (BBBRRR na pool), pego Ill-Gotten Gains e faço (BR na pool), volto LED, LED e Infernal pra mão. Faço os LEDs, infernal, estouro os LEDs em resposta (BBBRRR na pool), busco Tendrils e:

                                       


 ele agoniza. Iggy-Loop Yey!!!  o/

2-0 (4-1)

Round 3 : Mono B Pox (Fábio)

Game 1: Ele está no play, faz Mishra e passa. Eu faço fetch pra swamp, seize e vejo:Sinkhole, 2 Chains of Mephs, Wasteland, Uborg, Waste Not. Tiro Sinkhole e passo. T2 ele opta por fazer o Waste Not antes da Chains e passa o turno. Eu faço Ponder no meu turno, várias mágicas e Empty the Warrens para 16 tokens. Ele compra e eu ataco, ele compra e eu ataco.

SB: -1 Bayou, -1 Mox / +2 Chains of Vapors (O maindeck é bom contra ele, mas ter apenas duas respostas contras a permanentes dele é melhor que não ter nenhuma. As Decays dependem muito da Bayou e ele tira terrenos muito facilmente. O esquema é combar rápido)

Game 2: Não lembro direito desse jogo. Sei que saio de fetch, swamp, seize de novo e vejo que ele tem sweepers e meu plano inicial seria os tokens. Começo a tentar montar uma mão que combe de Tendrils, mas ele faz uma liliana e começa a me bater com duas Mishras. Minha mão vai acabando e eu recolho quando ele faz um tourach quando eu só tinha duas cartas na mão.

Game 3: Saio de fetch, swamp, seize (de novo!!!). Tiro uma Chains, pra depois tirar uma Liliana e ele não tem sweepers na mão). Ele topdecka um ritual e faz a Liliana no t2. Vou tentando esculpir minha mão e descarto pra liilana Ritos da Chama e Mox. Mais pra frente faço 8 tokens via wish já que a mão dele está super lenta, pra ir batendo até conseguir fazer um mini Tendrils em algum momento (antes dele achar um sweeper). Compro LED, ponho em jogo e bato 6 nele e dois na Liliana que ja estava perto do ultimate dela (ele tinha uma mishra pra dar block, mas não bloqueia) . Levo ele à 14 de vida. Passo, ele faz eu sacrificar um token e baixa um Cursed Scroll, me ataca com a Mishra (?) e passa. Compro um wish e faço pra Past in Flames (PiF), bato mais 7 nele, ele toma e eu passo. Ele mata um bicho meu com o Scroll, mata outro com a Liliana e passa. Eu bato e ele vai à 2 de vida e topdecka um Night of Souls' Betrayal e limpa a mesa. Nesse momento eu tinha um PiF na mão, um LED na mesa e quatro lands. Eu tinha muitos outs pra conseguir fazer uma Tendrils só. Meu topdeck:

                                              


Tendrils.

3-0 (6-2)

Round 4: BR Reanimator (Maurício)

Game 1: Estou no play, ele mulliga a seis. Eu começo, ele revela Chanceler. Eu saio de Mox pra ser anulada e faço fetch, Sea e seize (!!!). Ele tem duas criaturas, duas reanimações, fetch e Seize na mão. Eu tiro o Seize pois é o único jeito dele jogar uma criatura no grave. No turno dele ele faz o terreno e mais nada, eu faço duress no t2 e uma cantrip. No meu t3 eu compro até enjoar com 16 de vida e Tendrils.

SB: -1 Island, -1 Therapy / +2 CoV

Game2: Ele mulliga à 4 e sai de fetch, Badlands, Faithless Looting e joga Griselbrand e mais alguma coisa no grave. Eu faço fetch pra Sea, duress e tiro Animate Dead. Vou esculpindo a mão que toma um descarte ou outro enquanto ele compra e passa também. Estou com uma mão que tem manas e Infernal pra fazer Ad Nauseam, mas preciso atingir Hellbent. Acho uma Chain of Vapor com Bstorm, o que me tranquiliza caso ele faça algum dos monstros dele. Deixo lands no topo pra atingir o hellbent (que só está com problemas de ser atingido por causa da CoV e um Duress na mão). Passo o turno com o intuito de fazer CoV em qualquer coisa que ele fizesse (já que estávamos no draw-go fazia um tempo) e no passe ele faz um entomb pra Iona. Eu guardo meu entusiasmo e entra o turno dele, não compra reanimação, mas faz o flashback da looting, compra descarta e fica com uma na mão e todos o terrenos virados e passa.
No meu turno eu abro de mana, duress, tiro um Animate Dead (!!!) que ele conseguiu achar. Faço Petal, CoV na Petal, refaço a Petal, rituais, Infernal > Ad Nauseam com 18 de vida e GG.

4-0 (8-2)

Round 5: Dredge (Ronaldo Miyashiro)

Ronaldo já é amigo meu há um tempo. Já jogamos esse mesmo match e eu tinha ganhado. Estava 1x0 no placar geral pra mim. Heheheh...

Game 1: Ele ganha no dado, keepa 6 cartas e está todo pimpão. Abre de therapy nele mesmo nomeando o Golgari Grave-Troll e eu vejo que na mão dele tinha duas Brechas e a land pra fazer no t2. Eu tinha na minha mão : LED, Tendrils, Ad Nauseam, Infernal, Ritual, Land e Petal. Eu fazia quatro manas o que não era o suficiente para castar o Ad Nauseam. O Infernal com o LED não tinha como buscar nada relevante no deck já que goblins não era opção tendo em vista a mão de abertura do Ronaldo. Ele passou o turno e eu topdecko uma Mox. Faço Mox (imprint-Infernal), ritual, petal, land, LED e Ad Nauseam, deixando a Tendrils na mão. Abro até conseguir fazer 4 manas e ele agoniza.

                                                

SB: -1 Ilha, -1 Therapy / +2 CoV

Game 2: Ele mulliga a 3 (!!!!!!), faz o scry e deixa a carta no topo, faz um LED e passa. Eu abro de Seize e vejo uma Narcomoeba e um Troll, tiro a Narco e passo. Ele compra, estoura o LED pra vermelho e descarta uma Looting e faz o flashback dela, mas não cai nada relevante no grave e passa. Meu t2 eu faço o Iggy-Loop com o Infernal, LED e Wish.

5-0 (10-2)

Round 6: Elfos (Ganev)

Ganev é amigo meu de longa data. Fizemos as contas e eu seria o campeão mesmo concedendo pra ele. Eu concedi mas resolvemos jogar pra ver o que aconteceria só pela diversão.

Game1: Eu saio. Faço Sea, Seize e tiro um Zênite mas sobra outro e passo. Ele faz Zênite pra zero, Arbor e passa. Eu faço cantrip no t2, ele faz 3 elfos. Iggy-Loop no t3!!

SB: -1 Island, -2 Duress / +2 CoV, +1 Decay

Game 2: Mulligo a 6 e faço scry deixando um LED no topo. Minha mão tinha um Infernal, LED, Ponder, Therapy, Land e Mox. Ele abre de Seize e tira um LED (!) e passa, eu compro o outro e faço Therapy cego nomeando Glimpse e ele revela uma mão sem glimpse, mas com dois Zênites. Eu passo e ele faz bichos e passa, eu faço Ponder que acha mais um LED e land, passo e na volta faço um Ad Nauseam com 17 de vida. Revelo muito mal achando poucas fontes de mana, sendo obrigado a a continuar abrindo até chegar em 1 ponto de vida. Faço seis manas certinho pra fazer um desejo...




GêGê

6-0 (12-2)


   Uou!! Que dia!!! Sim, eu não encontrei uma Force of Will sequer pela frente, ou seja, tive sorte nos pairings, mas o deck mostrou eficiência aonde os combos tem que mostrar. Velocidade e resiliência. Se o seu deck não tem Force o TES é melhor que seu deck !!! LOL

                                                          Conclusões Finais

   Brincadeiras à parte. A respeito do uso da Probe, eu concordo que informação é crucial, mas o que adianta descobrir que seu oponente tem como te ferrar e não poder fazer nada. Ao ler o report nota-se que eu sempre tive informação, mas com a capacidade de lidar com as threats que encontrei. O TES pra encaixar 4 probes na lista, basicamente fez: -2 descartes, -1 land, -1 Tendrils no main deck.
O Iggy Loop (que faz o seu deck ser mais rápido que qualquer resposta não-fow) só pode ser usado com uma Tendrils main deck. Um land a mais no main deck, me fez abrir um slot do side trazendo a Bayou pra mana base. O deck fica mais resiliente tendo duas win-con. 
Eu acredito também que a Probe faz com que você dê keep em mãos mediocres. E se você argumenta que com 4 Probes você joga com um deck de 56 cartas (o que é bom), você também está começando com 12 de vida, o que deixa seu Ad Nauseam pior. Não fiz um Ad Nauseam com Menos de 15 vida o campeonato inteiro e esse deck é centrado nessa engine.

Agradeço à atenção de quem leu o report !!
E peço desculpas caso tenha cometido algum erro no report aí nos matchs.

Props:

- A lista que funcionou maravilhosamente
- Aos Pairings
- Aos amigos presente no dia. Galera do Legacy muito gente boa.
- Meu time : Os BiZaRroS: Shimi, pela carona. Maurão pelas risadas e playtest. Mayckol pelos empates com Tasigur e ao Lebarion que apareceu depois de tanto tempo!!! 
- Mignon pelo ótimo resultado
- E à bolacha, que é bolacha e não biscoito


Slops:

- Sono
- Fuzzy, por que sim.
- Mignon pelo ótimo resultado


Grande abraço!!!






 







Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.
(Quote)
- 08/02/2018 12:03


=)

(Quote)
- 07/02/2018 17:39
Também e professor de Kung Fu e Guitarrista profissional.
Esse é o cara.
(Quote)
- 07/02/2018 11:54
Ae Pessoal!!! obrigado mesmo!!! =)
(Quote)
- 07/02/2018 09:16
Monstro demais! Hahah
(Quote)
- 07/02/2018 08:32
Boa ae Cowboy, mostrou pro manolo Shimizu como é que se faz !!
(Quote)
- 07/02/2018 08:14
IGGy Loop 3