Load or Cast
Load or Cast
Voltando a Jogar
 Voltando a Jogar
JugulatorBR

Esquilo
0 Referências
Posts: 1
Registro: 29/04/21

Postado em: 03/05/21 12:08
Galera, joguei Magic quando tinha meus 14 até uns 18 anos (hoje tenho 29 kkkkkk), ganhei uma pasta de um amigo e com outros amigos montei decks e jogava para brincar com eles, cheguei a ir em lojas e jogar, mas apena para divertir e colecionar as cartas, e estes dias apareceu para mim o MTG Arena, baixei e deu uma puta vontade de voltar a jogar e ter as cartas (como um adolescente/adulto estupido que fui, dei tudo embora a pasta com as cartas e tudo mais que tinha relacionado a Magic).

Qual a melhor maneira para voltar, o que comprar? Por onde começar?

Tenho jogado o MTG Arena e tenho relembrado as coisas ainda, mas queria voltar a ter as cartas e meu proprio deck.

Valeu!
 
lecosg2

Esquilo
0 Referências
Posts: 3
Registro: 10/01/20

Postado em: 03/05/21 12:32
Bom, varia muito de qual experiência voce quer ter.
Se vc quer se divertir gastando realmente pouco, num ambiente onde todo mundo tá na mesma "vibe", aconselho pegar os decks de 10 reais lá da Bazar de Bagdá. Vc vai pôr o pezinho na água sem se comprometer financeiramente.

Se vc quer jogar casualmente, no estilo for fun, mas quer ir na lojinha ou em ambientes mais competitivos, o melhor que você faz é jogar Commander. Para isso, vc compra um deck de Commander pré construído da Wizards mesmo - tem produtos excelentes nas últimas edições - e vai gastar mais ou menos 150 reais. Teu deck vai durar bastante e vai te dar bastante diversão.

Se vc quer ser competitivo mas não gastar taaaanto assim, pode comprar um deck Pauper a partir de uma boa lista, adquirindo as cartas avulsas aqui mesmo na Ligamagic. Dá pra pegar uns decks Pauper tier 1 (os top do top) por mais ou menos 200 reais (varia, tem uns q custam menos, uns q custam mais, a base de mana é que é cara), mas aí o investimento não será somente dinheiro, como experiência, tempo de jogo e estudo de meta para pilotar o deck com maestria.

E por fim, se vc é rico, pode entrar no competitivo de Standard, Pioneer, Historic, etc, comprando as cartas avulsas também. Caso queira um gostinho do formato Standard, pode comprar os Challenger Decks, mas eles são caros, vão te durar aí uns 4 meses até a próxima rotação, e não ganham torneio nenhum.

Fuja dos Planeswalkers decks pq, na minha humilde opinião, são um péssimo produto, pq não oferecem competitividade e são overpriced pra caralho.
Hoje em dia, fuja também de abrir booster avulso, pq é loteria.
Aliás, um último comentário, uma das melhores experiências é jogar os pre-releases. É o ÚNICO momento em que abrir booster é legal, pq tá todo mundo abrindo junto, montando decks limitados e curtindo o momento ali. Eu pago 150 reais num pre-release FÁCIL, mais pela experiência do que pelas cartas.

É isso. Bem vindo de volta!

Editada em: 03-05-21 12:41:48 por lecosg2.
 
viniciuspmelo

Elemental
12 Referências (100.00% positivas)
Posts: 9
Registro: 29/06/20

Postado em: 03/05/21 12:47
Fala campeão, no ano passado estive na mesma situação que você. kkkkkkkk
Depois de um ano e pouco já consegui algumas informações, vou tentar compartilhar.

A forma mais rápida é através dos Challenger Deck, que são decks voltados para o formato standard. Com eles vc compra, põe no sleeve e joga. Os decks precisam de alguns upgrades para disputar o podium da loja, mas dependendo dos sorteios das chaves e da experiência no jogo você pode levar o torneio. O problema é que com a pandemia, quando tudo voltar ao normal, já vai ter acontecido a famigerada rotação, que é o pesadelo de quem está voltando a jogar. Se você não lembra, todo ano caem 4 coleções mais velhas e ficam 4 coleções mais novas e o ultimo set de lançamento. Dai o seu challenger deck normalmente vai ficar ilegal para o formato e vc vai ter que comprar um monte de cartas novas.

Outra alternativa é o Commander, que também possui a opção de entrada com os decks pre-construídos, possibilita também abrir, sleeve e jogar. No caso dele, não sofre com a rotação, ao contrário do standard, é um formato em que você pode usar todas as cartas do magic, menos as banidas do formato. (https://magic.wizards.com/pt-br/game-info/gameplay/rules-and-formats/banned-restricted).

Além dele, os outros formatos que não sofrem rotação são o Moderno, o Pioneiro e o Legacy. Mas nesses casos, na minha opinião, a regra de ouro é: veja o que seus amigos jogam e siga pra esse caminho. Não adianta ter o melhor deck do formato, que vc adora, e não ter ninguém pra jogar.

Então, em resumo, veja o que o pessoal está jogando perto de você, participe de algumas mesas, jogue com decks emprestados (a comunidade ajuda demais nesse sentido), descubra o grupo que mais lhe agrada, invista nesse grupo.

Se você for da minha tribo - o pessoal que gosta das cartinhas das antigas e não tem tanto tempo de jogar - não adianta muito o standard porque, quando vc menos esperar, a rotação chega e vc tem que recomeçar a fazer todos os decks. Eu prefiro o moderno e estou ingressando no commander casual, oportunidade de juntar a galera, ver as cartinhas fazendo loucuras, coisas inesperadas e dar altas risadas.

Espero ter ajudado, estou a disposição.

Vinícius Pinheiro Melo
 
OhMe

Esquilo
1 Referências (100.00% positivas)
Posts: 1
Registro: 16/04/21

Postado em: 03/05/21 13:47
Antes de mais nada bem vindo ao vício novamente!

Eu iniciei recentemente logo não tenho conselhos tão bons de modalidades como as já citadas, mas posso dizer que comecei a caminhada no starter kit, ele foi uns 85 reais e veio 2 decks de 60 cada, para um produto lacrado acho difícil achar algum preço bom assim.

Pessoalmente falando, me encantei com o pauper e a jogabilidade dele mas isso é algo que se pega lendo e jogando mesmo. O bom do arena é que você pode até anotar as cartas que mais gostou e tentar trazer para as cartas físicas. Decks em conta você encontra fácil se a intenção é diversão, competitivo já não sei falar muito, melhor seguir os conselhos dos outros membros.

No mais, desejo que aproveite novamente o hobby!
 
Juggernow

Esquilo
56 Referências (100.00% positivas)
Posts: 45
Registro: 02/12/13

Postado em: 03/05/21 15:19



 
felipedrt

Esquilo
2 Referências (100.00% positivas)
Posts: 57
Registro: 28/07/15

Postado em: 03/05/21 15:21
Opa, boa tarde.

Cara, eu acho que fis um post sobre isso em 2016 ou 2017, eu queria voltar a jogar nessa época, e fiquei muito triste com os valores hahaha
Mas o que me disseram foi basicamente a mesma coisa que o pessoal ta comentando aqui, escolhe o formato que voce quer jogar, e quanto está disposto à investir.

Quando voltei a jogar, voltei jogando Standard, eu comecei de monored que era um deck baratissimo, e muito forte, depois disso comecei à ir pros Midrange (aqui gastei um dinheiro), montei o UG com Oko, gastei um dinheiro, e depois disso teve ban, e rotação, resultado perdi dinheiro.

Hoje em dia eu jogo Legacy, e acho que foi a melhor escolha que fiz, pois não tem rotação, e tudo que você comprar, um dia vai acabar valendo mais do que você pagou. Infelizmente é um formato muito caro, mas a comunidade ajuda bastante, quando comecei no Legacy me emprestaram decks, e acabei gostando.

Hoje eu vendi minha pasta que tinha as coisas do Standard, e consegui fechar meu deck.

Um abraço, e bem vindo (:
Ah, se quiser dar uma olhada, segue link do post que eu fiz também.
Começando novamente
 
viniciuspmelo

Elemental
12 Referências (100.00% positivas)
Posts: 9
Registro: 29/06/20

Postado em: 03/05/21 19:17

Pois é, acho que esse é um erro muito comum entre os novatos e os jogadores retornando ao hobby. Eles são induzidos a este erro pela dinâmica do Arena, que supervaloriza o Standard. Os Decks Standards são iguais a um filho, "eles comem na mesa com você", se tornam despesas mensais ou no mínimo trimestrais. Compensam se você "farmar" nos campeonatos das lojas. Porque os resultados das premiações vão custeando as despesas com a chegada incessante de novas coleções e com as rotações. Mas pra isso vc tem que virar praticamente um "rato de loja".

A prova de fogo é depois de um ano de magic, que é quando vc presencia a sua primeira rotação completa de coleção, ai vc ganha a verdadeira visão da sua posição no magic. Se você é competitivo, standard é o lugar do player. Se é jogador casual ou semi-competitivo, normalmente é tchau standard.

Hoje pra mim, coleção nova é pra brincar o limitado no arena e participar de pré-release. Mas isso varia de jogador pra jogador e de local pra local.

Voltando a dizer, o que determina o caminho é o grupo que você está inserido ou que vai se inserir.